MAIS CLIENTES, MAIS VENDAS

SEO
Search Engine Optimization

Estampe sua marca na primeira página do Google

Prefácio
Este e-book que apresentamos ao leitor foi desenvolvido por uma equipe especializada em desenvolvimento, otimização e consultoria de websites. Ele foi criado com o intuito de apresentar técnicas e estratégias diversas para iniciantes no meio de SEO e, também, para empresários que desejam implantá-lo no site da sua empresa. A conquista do aprendizado pelo leitor diante das dicas e textos dinâmicos é ocorrido de maneira fácil e prática, para ter em mente o que o posicionamento do site pode proporcionar ao seu negócio e o que o site corporativo deve conter para tal sucesso virtual.

O e-book é atual com finalidades certas, atingir os empreendedores que buscam pelo sucesso no mercado digital, oferecendo à eles uma oportunidade de olhar com outro foco a importância do site corporativo.

Acalentamos a esperança de que este e-book proporcione compreensão do tema, cujo estudo é necessário para conseguir um certo conhecimento e resultados positivos na prática.

Equipe Lógica Digital, 08 de Fevereiro de 2012.

01

Introdução
Criar um site e obter resultados positivos na internet, principalmente quando se trata de visibilidade é necessário que haja estratégias e estudos para que o desenvolvimento do site siga adiante.

Hoje, a internet é o principal meio para realizar pesquisas de todos os assuntos possíveis. Por isso, é fundamental que um site tenha um conteúdo relevante, imagens atraentes e que o internauta possa navegar sem querer sair do seu site.

Mas, como ter tudo isso e ainda ter o site bem posicionado nos buscadores?

Este livro auxilia como o cartão de visitas online da sua empresa terá sucesso nos grande sites de busca como o Google! Lógica Digital

01

Mais clientes, mais vendas de Lógica Digital é licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 Unported.

Este trabalho está licenciado sob a Licença Attribution-ShareAlike 3.0 Unported da Creative Commons. Para ver uma cópia desta licença, visite http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/ ou envie uma carta para Creative Commons, 444 Castro Street, Suite 900, Mountain View, California, 94041, USA.

Índice
1. INTRODUÇÃO AO SEO 1.1 O que é SEO? 1.2 Como funcionam os motores de busca? 1.3 O que é o ranking dos buscadores? 1.4 Palavras-chave 1.5 Links Patrocinados e Resultados Orgânicos

2. SEO ON-PAGE 2.1. Conteúdo do site 2.2. URL's 2.3. Imagens 2.4. Meta tags

3. SEO OFF-PAGE 3.1. Links internos 3.2. Links externos 3.3. Mídias sociais

4. PLANEJAMENTO 4.1. Usabilidade 4.2. Black hat e White hat 4.3. Por que não apareço nos buscadores? 4.4. Passos para um bom SEO
02

Índice
4.5. Curiosidades da internet

5.RESULTADOS 5.1. Em quanto tempo posso ver resultados de SEO? 5.2. Ferramentas para medir resultados 5.3. Curiosidades

03

Introdução ao SEO
O que é SEO?

SEO (Search Engine Optimization) é uma estratégia usada para otimizar site, onde o conjunto das palavras-chave são posicionadas e estruturadas de forma com que o site fique localizado nos primeiros lugares dos buscadores como Google, Cadê, Yahoo!, Bing, etc. A partir do momento que o usuário busca uma palavra-chave relacionada a determinado assunto, o SEO organiza os resultados da busca e posiciona os sites otimizados nas primeiras colocações, esse resultado gera credibilidade a empresa e maiores visitas no site. A visibilidade no mercado online é essencial para empresas que buscam espaço e reconhecimento. A estratégia coloca seu produto novamente no mercado e posiciona melhor o seu cartão de visitas online para os clientes e atrai novos contatos.

04

Como funcionam os motores de busca?
O processo dos motores de buscas são “robôs” programados dos buscadores que varrem a internet e armazenam o conteúdo dos sites que são procurados em centenas de segundos. Por isso, a importância das palavras-chave nos sites. Após o posicionamento correto de cada palavra-chave no site, outro fator que também influência para os motores de busca é a quantidade de links que apontam para o site. Saber linkar as páginas umas nas outras dentro do seu site para o internauta, é um ponto positivo uma vez que ele ficará navegando na sua página por mais tempo e terá interesse em compartilhar determinado conteúdo.

05

O que é o ranking dos buscadores?
Ranking dos buscadores são critérios dos buscadores em relação aos sites, ou seja, quanto maior o ranking mais para cima o site fica posicionado. Para o site ficar bem posicionado nos grande sites de busca é necessário que o conteúdo dele seja totalmente relevante. Claro, que existem outras saídas para que o seu site fique melhor posicionado, como os links patrocinados, onde o seu site ficará nas primeiras posições dos buscadores vistos como anúncios. Porém, você não poderá pagar a um mecanismo de busca em troca de uma boa posição.

06

Links Patrocinados e Resultados Orgânicos
Para quem não conhece SEM (…) e/ou SEO (…) não tem como perceber as diferenças de links encontradas em páginas de busca. Para investir em anúncios na web, deve-se adequar ao marketing digital. Há, contudo junto a produção do anúncio uma forma de gerar mais tráfego, o SEO, por exemplo, é focado para a otimização do conteúdo das páginas. Já os Links patrocinados são anúncios exibidos em determinadas buscas por palavras-chaves. É localizado na barra lateral direita e acima dos resultados orgânicos.

Os anúncios podem ser estruturados da seguinte forma: • • valor pago por clique qualidade do anúncio

Já os resultados orgânicos, aparecem no lado esquerdo do buscador, não sendo diretamente manipulado. Resultados que o Google achou relevante para determinada busca.

07

Diferenças entre os dois tipos de ações:

Resultados orgânicos • • • • • • Posição do site controlada pelo buscador; Apresentação do site do lado esquerdo da página de busca Sem custo por clique no link para o site; Recebe de 60% a 70% dos cliques, em média; Produz resultados em médio e longo prazo; Os resultados dependem do conteúdo/código dos sites e dos

buscadores e suas regras; • Posicionamento grátis.

Links Patrocinados • • Posição do site controlada pelo administrador; Apresentação do site nas áreas lateral, direita ou acima dos resultados

orgânicos, sites parceiros e afiliados; • • • • • Custo por clique (CPC) no link para o site. Recebe de 30% a 40% dos cliques, em média; Pode-se criar a comunicação como se desejar; Produz resultados imediatos; Os resultados se adequam ao investimento feito na compra de

palavras-chaves.
08

SEO On-page Conteúdo do site
Há, fatores em um site que são vistos com mais atenção por usuários, um exemplo deste são os Layout, banners, tipo de fonte e outros

destinados à parte gráfica. Mas, muitos proprietários de sites esquecem do principal atrativo de clientes: o conteúdo, o posicionamento das palavraschave e as estratégias. O conteúdo tem o poder de aumentar significativamente as vendas do seu produto ou fazê-las cair bruscamente. Isso depende de como dono do site informa o seu público-alvo. O domínio das palavras devem estar inserido nele, com o propósito de chamar a atenção. Sem informações, os consumidores não credibilizam o produto/marca/serviço.

Resultados ‘‘Pagos’’

Resultados ‘‘Orgânicos’’

09

A influência da palavra pode cativar clientes e gerar credibilidade e fidelidade ao produto, marca ou serviço. A motivação é a palavra-chave para o reconhecimento do seu site corporativo, ela pré dispõe um compartilhamento entre clientes e não clientes.

10

URL’s
O percusso para ter sucesso na web é estratégico, para ser reconhecido profissionalmente na web é necessário que haja alguns investimentos. Alguns detalhes devem estar incluídos para que o seu site alavanque de maneira rápida. Um deles é o cuidado para escolher a URL, ela é o ponto principal para iniciar o site, ou seja, quanto mais óbvia, curta e direta, mais fácil o internauta terá acesso ao site desejado. As URL's permitem aos robôs do Google selecionarem os sites com maior relevância e assim detectam qual o melhor site referente à busca realizada pelo usuário. Em contra ponto, existem aquelas que possuem códigos, variações nas letras (maiúscula e minúscula), números, ou seja, dificultando a pesquisa na hora da busca. A partir daí, podemos classificar alguns tipo s de URL's para identificar quais são as indicadas para o site: URL óbvia: é a perfeita, ela usa o recurso da facilidade da busca e leva o pensamento do internauta até o web site. Uma simples linha que retrata o conteúdo do site. URL curta: ela corresponde ao tempo que o usuário vai levar para caminhar até ela. URL curta, mais fácil de ser detectada. URL estatística: não usar parâmetros e códigos, não há necessidade de dificultar o processo de busca, seu interesse é ser encontrado.

11

Imagens
As imagens são tão importantes quanto o texto, uma vez que elas também tem o poder de transmitir informação ou até mais que um texto no site. Não são apenas os sites que podem ser otimizados, as imagens também possuem essa estratégia e consequentemente também devem ser padronizadas de maneira correta como o nome da imagem, links etc. Um ponto importante na hora de nomear as imagens é colocar realmente o que ela representa. Em muitos sites é normal ver a propriedade da foto e estar nomeada como Foto01, Imagem 02, o que é totalmente errado. Outro fator é que as imagens sejam definidas em formatos padrão, ou seja, JPG, BMP, GIF. Assim, na hora que o usuário entrar no site que contenha imagens, elas estejam em tamanho correto, correspondente ao site e com um nome correspondente a elas. Algo que descredibiliza a empresa é a falta de infraestruturada do site com textos e imagens.

12

Meta Tags
A partir da definição das meta tags do site, é possível saber qual assunto se refere. Quando são posicionadas de maneira correta, as meta tags são consideradas um cartão de visita para os usuários que realizam as buscas.

Depois de criar o site, é fundamental que haja uma estratégia que defina em que posicionamento as palavras-chave irão ficar pois em cada texto, título, linha fina, legenda de foto, as palavras-chave devem ser posicionadas de maneira estratégica para que apareça nas buscas realizadas.

Links Internos
Os links internos são palavras-chaves posicionadas para linkar de uma página para outra página do site. Nessa ligação dos links internos, o que necessariamente é obrigatório é que a ligação deste link seja totalmente voltado para o próprio site ou blog. Qual a finalidade desta ferramenta? Primeiramente faz com que os usuários fiquem mais tempo navegando dentro do seu site, porém, é necessário que haja um conteúdo relevante e com linkagens que não carreguem demais o seu site/blog.

13

SEO Off-page Links Externos
Diferentemente dos links internos, estes são estratégias de palavraschave voltadas para links com ligação a outra página. Ou seja, os links externos são ligações que os proprietários dos sites fazem para outros sites, blogs, enfim, que não esteja na mesma página. Neste item o que é mais relevante é a mudança de domínio, uma vez que nos links externos a ligação que a linkagem deve ter para que os buscadores proporcionem maior relevância é que a palavra-chave tenha um peso forte com a ligação. Não adianta você linkar alguma palavra e relacioná-la a outra completamente diferente, o resultado disso é só desvalorizar o seu site.

Sobre Troca de Links: Não faça de forma excessiva. Se pretende

trocar links entre dois sites, opte por interlinká-los no index (página mais forte em termos de pagerank), ou então criar uma página própria para isso. Jamais faça isso em todas as páginas do seu site.

Saiba qual site será linkado e para onde vai: organize o sites de

forma que encontre qual site irá linkar para outro. Crie uma estrutura robusta de linkagem externa na qual o site que pretende subir acabe recebendo o maior fluxo de pagerank.

14

Jamais crie ciclos: Nunca faça, Site A linka para Site B, Site B linka para

Site C, Site C linka para Site D que linka para Site A. .

Linkar para sites de conteúdo relacionado: É possível adicionar em

seu site, um link (endereço da página desejada) e assim, quando os usuários clicarem nele, serão redirecionados diretamente a essa página. Um ponto fundamental antes de relacionar esses conteúdos, é analisar a qualidade desses endereços, uma vez que eles precisam ter conteúdos proporcional aos do site. Afinal, o Google e os buscadores entendem quando há conteúdo em comum e é isso o que eles levam em consideração. Quando são ligados sem ter relevância um site com o outro, não há exito linkagem.

15

Mídias Sociais
As mídias sociais tem o poder de abrangência de público muito rápida, uma vez que há uma interação maior entre o dono da campanha e usuário. Cada mídia social como Facebook, Twitter e Orkut possui diferentes estratégias para encontrar o seu público-alvo. No Twitter, há uma ferramenta chamada Seach Twitter que tem a finalidade de buscar os comentários mais recentes feitos pelos usuários, através de palavras-chave. A utilidade desta ferramenta é que o dono da página poder ter acesso às pessoas que estão relacionadas a campanha, além de saber o que falam do seu produto. Já o Facebook e o Orkut, existem os fóruns, enquetes e comunidades onde os usuários tem acesso. Estas atraem mais ainda e também é aberto a comentários de qualquer internauta. O sucesso das redes sociais é acompanhar todos os comentários e novos integrantes que associam.

16

Planejamento Usabilidade
Quando o usuário faz uma busca em determinado site, a usabilidade inicia-se a partir deste ponto de partida do usuário, ou seja, ele quer ter acesso as informações com facilidade e agilidade. Por isso, um site deve ser organizado e posicionado para melhor orientar o internauta e não deixá-lo perdido com diversas informações aleatórias. Quando cria-se um site, muitos donos querem chamar à atenção do internauta de imediato porém, não há uma organização e consequentemente o usuário não se sente atraído pelo site. Assim, os erros começam a surgir. Para isso, vamos disponibilizar algumas ferramentas de verificação de usabilidade para então melhorar o desempenho de interação entre o seu site e cliente.

Diferença entre Black Hat e White Hat: Existem duas maneiras na utilização de técnicas do SEO (Search Engine Optimization), o Black Hat e White Hat. Com significados opostos, o bem e o mau unem-se para diversificar o modo de agir na rede. O White Hat segue regras e usa ética na hora de criar mecanismos para melhorar o

posicionamento nos buscadores. Já o Black Hat é o termo usado para técnicas ilícitas ou abusivas.

17

Algumas técnicas de Black Hat SEO:

Texto escondido – esconder textos com alto teor de keywords dos

usuários, não mostra os textos mal escritos, mas utiliza deles para melhorar seu posicionamento.

Links escondidos – manipular resultados por meio de links

escondidos nas páginas.

Doorway pages – página de entrada contendo diversas páginas de

baixa qualidade, otimizadas para ter melhor posicionamento, mas não transmite nenhum conteúdo ao visitante.

Spam em comentários de blog – forma fácil de conseguir links e

utiliza de scripts para publicar em fóruns e comentários de um blog.

Keyword stuffing – uso excessivo de palavras-chave

18

Usabilidade
Por que não apareço nos buscadores:
Alguns tópicos para entender porque o seu site não é visualizado nos buscadores:

Consistência do conteúdo: o

texto relacionado ao produto/serviço oferecido. Quando o conteúdo não tem haver com o que é proposto fica difícil identificar, principalmente sem o uso de palavras-chave.

Linguagem de programação: sites em Flash Player, por exemplo, são

esteticamente bonitos, porém só recentemente o Google utiliza técnicas de verificação para estes tipos de sites, e ainda muito rudimentar.

Textos em imagem: não são reconhecidos e não agregam valor na

formação do site.

Título: todo site que não tem títulos diversificados para cada assunto

não é bom para seu desenvolvimento.

19

Splash page: uma página inteira de introdução de um site ou avisos

chatos de vendas não é uma boa escolha. O robô do Google não vai conseguir ler esta página.

Falta de texto: não tem como o Google ranquear uma página sem

palavras ou textos que ultrapassaram a quantidade limite.

Branding: palavras ou expressões conhecidas devem estar

relacionadas a seu site. Sem elas, o produto/serviço/marca pode passar despercebido.

Uso de frames: os mecanismos não posicionam bem sites que

contenham frames, popups e links em janelas externas.

Atualização do conteúdo: o site não deve ser esquecido, pois senão

pode perder posições.

Nome do domínio: deve-se criar um nome chamativo e bem popular,

para não complicar na hora da busca.

20

Passos para um bom SEO
Para atualizar o site e deixá-lo entre as três primeiras posições, fazer a otimização do site é fundamental para qualquer negócio. O SEO (Search Engine Optimization) ajuda no posicionamento do seu site nos buscadores

Definição das palavras chave Web Analystics Análise da Concorrência

Central de Webmasters do Google

Conteúdo Relevante e Otimizado

Otimização de Sites
Popularidade (pagerank) Usabilidade

Mata tags únicas Xhtml, Tabeless e W3C

Acessibilidade

21

Resultados

22

23

24

25

26

Os resultados são visualizados em um período de médio a longo prazo, antes disso é preciso fazer uma lista com alguns fatores que posicionam melhor o site, são eles:

• • • •

conteúdo relevante e verdadeiro popularidade do site configurações de código adequadas sites com os quais trocam informações, entre outros.

O processo destes termos são utilizados para serem trabalhados e atualizados para cumprir o melhor resultado no menor período possível.

27

4 estratégias para medir resultados
O ponto de partida para medir as estratégias de resultados em um site pode-se tomar por base o posicionamento das palavras-chave. A partir desse parâmetro, é possível saber se o seu site está bem localizado nos buscadores. Ao iniciar uma busca com determinado assunto, basta colocar na pesquisa palavras relacionadas ao tema e assim ao iniciar a busca, os primeiros sites posicionados são os que mais estão bem classificados nos buscadores. Há também outras maneiras de medir resultados nos buscadores, segue abaixo alguns tópicos que nos mostram como podemos organizar esta estratégia para que o seu site não fique perdido:

• • • •

Planejamento de Objetivos. Desenho do plano, ou seja, a estratégia. Aplicação ou execução. Medição e monitoramento.

28

Conclusão
O site, blog ou uma página em rede social, é uma segunda visão que o usuário terá da sua empresa. Por isso, acima de tudo é necessário que haja: comprometimento, credibilidade, conteúdo e atratividade do cliente com o seu site. Assim, o retorno virá de maneira positiva tanto para a empresa/negócio quanto para o usuário/cliente. A otimização do site tem tanta importância quanto todos os tópicos citados acima, uma vez que a visibilidade na hora da busca é o passo inicial para o conhecimento do seu site. Ter uma boa relação com o cliente/usuário também é outro fator que não deve ser esquecido. Trate o seu público-alvo no seu site, como uma conversa pessoalmente com o seu cliente.

Curiosidades
90% dos usuários que navegam na internet utilizam sites de busca

68

0% 9 2% 9
29

%

68% dos usuários não passam da primeira página do site

92% dos usuários não passam da terceira página do site

35

%

35% dos usuários são líderes de mercados

Av. Brasil, 1636, Jardim Guanabara, Campinas, (19) 3201-3265 www.logicadigital.com.br www.facebook.com/logicadigital.web www.twitter.com/logicadigital