You are on page 1of 8

ESCOLA EB 2,3 DE RIBEIRÃO

BIBLIOTECA
GUIÃO DO UTILIZADOR

Ano lectivo 2008 – 2009


I - Apresentação

Esta é a biblioteca da Escola EB 2,3 de Ribeirão.


Desejamos que passes aqui momentos muito agradáveis.
Vamos então mostrar-te os cantinhos da nossa biblioteca.

1.Os diferentes espaços de funcionamento da biblioteca:

A - Recepção

• Aqui poderás requisitar e entregar livros e/ou material;


• Poderás requisitar no máximo 2 livros por semana para levares para casa.
Se não o conseguires ler dentro desse prazo deves informar a funcionária e,
se possível, poderás mantê-lo por mais uns dias.
• Só poderás levar para casa livros da secção Juvenil.
• Este é o local onde deves fazer a tua inscrição para poderes utilizar
computadores, leitores de vídeo e DVDs.

B - Espaço Audio-visual

• Local onde poderás visionar filmes didácticos e lúdicos


• Na estante desta zona encontram-se as capas (vazias) dos vídeos, dos
CDROMS e dos CDS. As capas estão vazias e podem mexer nelas à vontade para
melhor se informarem sobre o seu conteúdo. Depois de feita a vossa escolha devem
dirigir-se à funcionária e pedem o filme, CDS ou CDROMS pelo número escrito na
lombada.
C - Local de estudo e de leitura

• Aqui vais poder dedicar-te à leitura e/ou consulta de todo o material em


suporte de papel e, sempre que necessitares, podes fazer os teus trabalhos.

D - Zona Multimédia e de Computadores

• Local onde poderás ouvir música e pesquisar nos computadores ou


simplesmente realizares os teus trabalhos.

Nota: Quando entras na biblioteca encontras uns cacifos, onde poderás colocar a tua
mochila e outro material de que não necessites.
Não te esqueças de contribuir para que o ambiente seja calmo e o mais silencioso
possível, para que todos possam realizar o seu trabalho em boas condições.

II – Ordenação dos livros nas estantes

As estantes e as prateleiras estão organizadas por assuntos.


Repara nas estantes: na parte superior têm um letreiro indicando um assunto ou
assuntos dos livros ou ainda o tipo de obras que nelas estão arrumados.
Exemplo:

Aqui poderemos encontrar enciclopédias, não é verdade?

Na parte inferior da prateleira encontras outra indicação que é o nome e número (CDU
-Classificação Decimal Universal) do assunto da prateleira, nome das colecções e até o
nome de certos autores.

A Cota

Todos os livros têm na lombada um “nome de código” a que se chama cota, com uns
números e letras com significado especial, reparem por exemplo na cota

O número 69 quer dizer que é Literatura Juvenil – obras de


literatura para jovens (infanto-juvenil).

As letras: as três primeiras letras são as do apelido do autor


MOTA (António)

A cota também inclui o nome da escola e o código do tema


do livro.

Quando vieres à biblioteca procurar um livro deves saber o nome do seu autor, mas já
ficas a saber que na estante terá que ser procurado pelo seu apelido. Daí que o escritor
António Mota, por exemplo, deva ser procurado por Mota.
Conforma já se tem vindo a falar, ficas a saber que os livros nas estantes da biblioteca
estão colocados de acordo com a atribuição de um determinado número. Essa
classificação é denominada CDU- Classificação Decimal Universal.

Classificação
Esta classificação, permite a ordenação dos materiais (livros e outros documentos) em
classes ou grupos.

Decimal
Porque as classes ou grupos principais são em número de dez ( de 0 a 9) e porque estas
( e as que se seguem) também se podem sempre subdividir decimalmente.

Universal
Porque os seus autores quando a inventaram pretendiam poder organizar desta maneira
todo o saber então produzido e registado, ou seja, todo o saber universal.
Todas as bibliotecas estão organizadas de acordo com o CDU (Classificação Decimal
Universal), por isso mesmo é que convém ficares a saber estes nomes.
Já te foi dito que existem assuntos nas estantes, são as tais Classes da CDU, a saber:

No Centro de Recursos poderás encontrar diferentes fontes de informação:


Monografias
Obras de Referência
Publicações Periódicas
Material não livro
Nesta planta poderás localizar as diferentes classes existentes nesta biblioteca.

Planta

Prateleira 1 (zona central)


Frente : Traseiras
03 – Enciclopédias Artes
03 – Dicionários Desporto
03 - Gramáticas Manuais escolares

Prateleira 2 ( zona central)


Frente : Traseiras
Ciências Puras 64 – Culinária
51 – Matemática Fundo Local
53 – Física-Química 21 - Religião
61 – Ciências Naturais
91 – Geografia
Vilas e Cidades

Prateleira 3 ( zona central)


Frente : Traseiras
37 – Educação Moral Religiosa e Católica Didácticos
Formação Cívica Manuais
Estudo Acompanhado
Área de Projecto

Na prateleira lateral e do fundo (da esquerda para a direita) temos:


869 – 0 Literatura Portuguesa
82.3 Literatura Estrangeira
Inglês
Francês
LER – PNL
Literatura Tradicional
História
Literatura Juvenil:
869.0 Literatura Juvenil
869.0 Literatura Juvenil Portuguesa
82.3 Literatura Juvenil Estrangeira
82.2 Teatro
Banda Desenhada
Poesia

Como deves pesquisar?

1º definição da tarefa/problema
Defino o problema. (O que devo fazer?)

2º Estratégias para procurar informação


Considero todas as fontes possíveis, locais onde posso encontrar a informação desejada
(livros, enciclopédias, revistas, jornais, página electrónica, etc.)
Selecciono a melhor fonte de informação

3º Localização e formas de acesso


Selecciono a melhor fonte de informação

4º Utilização da informação
Consulto a informação que encontrei e registo tudo o que considerar útil e interessante.
Resumo um parágrafo ou um capítulo, identificando as ideias principais e secundárias,
as gerais ou específicas.
1. Utilizo sinais, abreviaturas e símbolos bem conhecidos;
2. Suprimo palavras de ligação sem prejudicar o sentido e a compreensão;
3. Sintetizo/resumo informações;
4. Nunca imprimo directamente da Net.
5º Produto/ Síntese
Decido como organizar as minhas notas, conclusões e opiniões.
Posso apresentar um texto escrito, fazer uma apresentação oral ou multimédia, fazer
uma dramatização, outros
Como vou valorizar as minhas fontes na apresentação do produto final ou
representação?
Apresento uma bibliografia escrita, depois da apresentação ou representação e digo as
fontes que usei.
Não me posso esquecer de preparar os materiais de que necessito, fazer uma lista e
prever o tempo que irei precisar para a minha apresentação ou representação.

6º Avaliação
No final devo reflectir para ver se realizei o trabalho de acordo com as indicações do
professor:
1. Recorri às fontes mais adequadas?
2. Citei correctamente as minhas fontes? (autor, obra, editora, ano de edição)
3. O meu trabalho está organizado e com boa apresentação?
4. Está completo? Tem título, nome, data, índice, introdução, conclusão e bibliografia?
O bibliotecário poderá ser uma ajuda indispensável, especialmente na realização do teu
primeiro trabalho.

Agora de certeza que já não te perdes na tua biblioteca! Procurar um livro sobre
determinado assunto passou a ser uma tarefa bem mais fácil.
Consulta o guião de pesquisa que se encontra exposto em cima de algumas mesas de
trabalho / bancadas dos computadores.