You are on page 1of 3

LABORATÓRIO DE EXPRESSÃO DRAMÁTICA DE OLIVEIRA DO BAIRRO

Lista de alguns produtos e materiais de fabrico, transportados, apresentados, usados e/ou comercializados numa Feira ou Mercado Medieval (apesar de já começarmos a conhecer outros produtos de além-mar, ainda não tinham chegado às bancas de comércio)
SIM Abanos de penas Animais domésticos e outros, nativos da Europa Aves Azeitonas Aguardente Burros Caça Carnes de porco e de vaca Carroças simples Carros de mão em madeira Cavalos Cereais: trigo, centeio, aveia, cevada e milho(apenas o painço, ou milho miúdo) Cestaria sem plásticos incorporados Chás de ervas (não de chá preto ou verde) e mezinhas Ementas e preçários em letra gótica Enchidos Ervas aromáticas e de cheiro Esteiras Flores Frutos secos (figos, favas, castanhas, pevides, de abóbora, nozes, amêndoas e pinhões) Grão de bico Latoaria Louça de barro vermelho ou preto (de preferência não vidrada) Medicamentos naturais sem rótulos impressos ou apresentados sob forma elaborada Mel Ovos Papel pardo (como recurso de embalagem) Pão Peças de tecelagem Peixe fresco, seco e/ou salgado Peles Produtos hortícolas Queijos (evitar queijo de vaca) sem rótulo Sacos de pano (evitar sacos de serapilheira com letras impressas) Sal NÃO Açúcar Amendoins Aparelhos eléctricos ou a gás Baldes ou outros recipientes de plástico Cigarros Bebidas em lata Bebidas e qualquer produto com rótulo (a menos que imite letra de época) Blocos de construção em cimento Broa de milho Café Canela Cimento Colorau Corda plástica Doces com açúcar visível Elásticos Encerados de cobertura Eucalipto Facas e utensílios de corte com aspecto de fabrico moderno (evitar) Fita gomada Frutos tropicais (banana, manga, ananás, kiwi, etc) Garrafões de plástico Lonas de cobertura Louça vidrada (a evitar) Madeiras muito bem aparelhadas (disfarçar se necessário) Massas alimentícias Milho Óculos (sempre que possível) Óleos alimentares Pevides de girassol Pimenta Pionéses Pipos com aduelas de metal (à vista) Piercingues Pistácio
Teatrário

teatrario@teatro-vivarte.org
Rua do Foral, 151 - Apartado 202 3770-909 Oliveira do Bairro Pág. 1 de 3 Tel: 234 746 880 Fax: 234 746 883 Administração: 939 393 495

www.teatro-vivarte.org

Produção: 939 393 489 Direcção: 939 393 487

amêndoas. Óculos de sol. seja preto. 2 de 3 Tel: 234 746 880 Fax: 234 746 883 Administração: 939 393 495 www. cabra. vaca (pouca).org Rua do Foral. passas) Teatrário teatrario@teatro-vivarte. ovelha.org Produção: 939 393 489 Direcção: 939 393 487 . barriguinhas e febras Carnes de porco. Mp3. Brincos de plástico. fritos ou em molho de escabeche Pão cozido a lenha. de sangue e farinheiras Salpicão e presuntos Queijos de ovelha e cabra Malgas de grão de bico cozido com cebola e salsa Malgas de feijão cozido. 151 . pato. preferencialmente de centeio Pichéis de vinho branco ou tinto. veado. pato. coelho. ameixas. pinhões. Argolas de nariz. codorniz. água-pé e cidra Malgas de sopa com muita verdura Malgas de sopa com muita verdura e alguma carne Frutas da terra e da época Frutas secas (nozes. Telemóveis. branco ou frade Malgas de ovos cozidos Malgas de lentilhas ou favas Malgas de tremoços ou azeitonas Torresmos.Apartado 202 3770-909 Oliveira do Bairro Pág. jumento (?). assados. celofane ou lata Torresmos Tremoços Utensílios de madeira sem aparência de fabrico mecânico / industrial Vinho branco e tinto Qualquer instrumento ou utensílio de plástico Redes metálicas Relógios de pulso ou outros Sacos de plástico para transporte impossível de avistar: Pastilhas elásticas. entrecostos. Piercings. tudo temperado a sal e ervas do campo Peixes de mar e rio. Auriculares. vermelho. Taberna Medieval Cousas que se podem avistar ao balcão de uma taberna medieval sem ficar com os olhos em bico e sem perigar a recriação histórica Chouriças de carne. faisão. figos. galinha.LABORATÓRIO DE EXPRESSÃO DRAMÁTICA DE OLIVEIRA DO BAIRRO Sopa à lavrador Tecidos crus Produtos com rótulos impressos Produtos ou alimentos embalados em plástico.teatro-vivarte. lebre.

org Produção: 939 393 489 Direcção: 939 393 487 . alguidares.teatro-vivarte. ARROZ. taças. travessas) Taberneiros e moços de cozinha bem trajados e bem dispostos Muito proibido: BATATA. tábuas A4. faca. 151 .LABORATÓRIO DE EXPRESSÃO DRAMÁTICA DE OLIVEIRA DO BAIRRO Ferramentas e utensílios (colher de madeira.MASSA.MILHO Pouco aconselhável: PRATOS Muito pouco aconselhável: O USO DO GARFO Recomendação: Alguidar com água ( onde flutuem pétalas de flor e rodelas de limão) para lavar as mãos dos clientes e comensais Obrigatória a rigorosa observação da higiene elementar tanto na lavagem dos utensílios como na confecção dos alimentos e na pública exposição dos mesmos IMPOSSÍVEL DE AVISTAR NA TABERNA: plásticos. 3 de 3 Tel: 234 746 880 Fax: 234 746 883 Administração: 939 393 495 www. copos de barro. tigelas.Apartado 202 3770-909 Oliveira do Bairro Pág. fogões. espeto de ferro.org Rua do Foral. jarras. relógios e outras modernices.TOMATES. malgas. Teatrário teatrario@teatro-vivarte.