You are on page 1of 2

Agrupamento Vertical de Escolas D. José I – V.R.S.A.

Estudo Acompanhado

Nome: _______________________________________ Data: ___/___/___

O RAPTO DA CADELA DE MADAME RIKA

O Inspector Arruda, foi
chamado à casa de Madame Rika
pois a sua cadelinha de
estimação fora raptada. Ao
chegar lá, ela entregou-lhe o
bilhete que era um pedido de
resgate, e dizia:

“Sua Fifi bebeu, pensando
que era água, gasolina misturada com um veneno que, apenas eu, tenho o
antídoto. Se não pagar um milhão de dólares, ela já morre, e, não avise a
polícia. “

Depois de analisar o bilhete, o Inspector foi falar com os frequentadores
da casa.
Chamou as pessoas que
frequentavam todos os dias a
casa e que tinham contacto
directo com a cadela.
Eram elas, o Veterinário da
família, o Advogado e o
Motorista, este último não
sabia ler muito bem.
Após conversar com cao,
um em separado, o Inspector
concluiu que já sabia quem era
o autor do rapto.

De quem o Inspector suspeita e o que o levou a chegar a esta conclusão?

Resposta: __________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
Resultado do Enigma

O Inspetor Arruda, sabe que o motorista semi-analfabeto jamais poderia ter
escrito um bilhete tão bem pontuado como aquele, por isso sabe que ele é
inocente.

Sabe também que o veterinário, jamais escreveria que um cachorro havia
bebido algo misturado como gasolina, pois seria do seu conhecimento que o
faro do animal jamais permitiria que o mesmo fizesse algo assim.

Assim, o culpado só pode ser o advogado que desconhecendo este fato, por
ignorância e até mesmo para comprometer o próprio veterinário - já que
falava em antídoto no bilhete - cometera este deslize que o entregou.