4/12/2012

Metapneumovírus Humano

Elaborado por: Joana Maria Macedo Correia 4º ano de Análises Clínicas e Saúde Pública Escola Superior de Tecnologias da Saúde do Porto

Metapneumovírus Humano
 Família Paramyxoviridae,  Subfamília: Pneumovirinae  Género: Metapneumovirus  Espécie: Metapneumovírus Humano

grupo A ou B e subgrupo 1 ou 2 (baseado nas diferenças genéticas)

2

1

imunocomprometidos e doentes crónicos 3 Características gerais cont.  Em adultos saudáveis apresenta quadro clínico leve  É ubíquo e predomina no fim do inverno e princípio da primavera  Pode causar infeções respiratórias ao longo da vida provavelmente devido a imunidade incompleta ou variações genéticas  Transmissão por aerossóis 4 2 .4/12/2012 Características gerais  Vírus descrito em 2001 por van den Hoogen et al proveniente de amostras respiratorias submetidas a cultura viral durante o inverno  Um dos principais patogénios respiratórios da primeira infância  Causa infeções graves do trato respiratório superior (resfriados) e inferior (penumonia e bronquiolite) em crianças. idosos.

4/12/2012 Estrutura e gemona  Capsídeo helicoidal envelopado  RNA simples linear polaridade negativa. altamente imunogénico. não segmentado que codifica 9 proteínas que podem ser classificadas em proteínas da membrana integrais (incorporadas no envelope viral) e proteínas internas (associadas à polimerase do vírus) 5 Estrutura e genoma cont. 6 antigénio de neutralização e proteção 3 .  P (Fosfoproteína):  M (Proteínas da Matriz): A Matriz que reveste a superfície interna da membrana lipídica que rodeia o núcleo e forma uma ligação entre a nucleocápside e o envelope  F (fusão): responsável pela fusão do vírus com a célula alvo.  N ( Nucleoproteína): parte integral da nucleocápside.

 Proteína M2: codifica as proteínas M2-1 (fator de transcrição e alongamento) e M2-2 (Fator regulador da síntese de RNA)  SH (small hydrophobic surface protein): função desconhecida  G (proteína de adesão): responsável pela adsorção do vírus à célula alvo  L (subunidade da polimerase): componente do complexo da RNA polimerase dependente de RNA viral 7 Patofisiologia  Transmissão por aerossóis  Possui tropismo para as células do epitélio respiratório  Apresenta um quadro semelhante ao Vírus Sincicial Respiratório 8 4 .4/12/2012 Estrutura e genoma cont.

4/12/2012 Sintomas  Sintomas semelhantes aos da gripe  Febre  Tosse  Rinorreia 9 Diagnóstico  Baseado nos sintomas apresentados  Aspirado nasofaríngeo observado por:  Imunofluorescência  Métodos serológicos como Enzyme-Linked Immunoabsorbent Assay (ELISA)  Métodos moleculares Reverse Transcriptase Polymerase Chain Reaction (RT-PCR) 10 5 .

Evolutionary Dynamics Analysis of Human Metapneumovirus Subtype A2: Genetic Evidence for Its Dominant Epidemic.  5.4/12/2012 Tratamento  Não existe tratamento antiviral especifico. 2011.  3. Guy Vernet.com/article/972492overview#showall. este encontra-se direcionado ao alivio dos sintomas como:  Antipiréticos  Anti-histamínicos  Bronquiodilatadores (casos mais severos) 11 Referências Bibliográficas  1.  4. Human Metapneumovirus Infections in Adults. Human Metapneumovirus. Zichun Xiang. Association AL. 12 6 . Medscape. Eleonora Cella. Falsey EEWDRPAR. 2008. from:  2. 2012.medscape.org/lung-disease/human-metapneumovirus/.7(3). Pediatric Human Metapneumovirus. Massimo Ciccozzi. Available http://www.lung. ARCH INTERN MED. PLoS ONE. Simona Fiorentini. NEW MICROBIOLOGICA. Domachowske J. Jianwei Wang. Li Guo. Paola Apostoli. Alessandra Lo Presti RC. Gláucia Paranhos-Baccala. Marco Ciotti. Muhammed Babakir-Mina. Genetic variability and circulation pattern of human metapneumovirus isolated in Italy over five epidemic seasons.168. Available from: http://emedicine. Jianguo Li LR.

Loo RJSB-HTL-H.nih. 7.cdc.medscape.gov/books/NBK6428/.  6. 7 . 10. Luciana Helena Antoniassi da Silva FRS. 3rd ed: Elsevier.     13 Katharine N Bossart CCB. Available from: http://wwwnc. 2003.4/12/2012 Referências Bibliográficas cont. Future Virology. Emílio Carlos Elias Baracat.gov/eid/article/9/5/02-0615_article. Prevention CfDCa. 2010. Adriana Gut Lopes Riccetto.htm. Available from: http://www. NCBI. VÍRUS RESPIRATÓRIO SINCICIAL HUMANO E METAPNEUMOVÍRUS HUMANO. 8.ncbi.com/viewarticle/580494. The Emergence of Human Metapneumovirus. 9. REGENMORTEL DBWJMDMHVV. Available from: http://www. Madame Curie Bioscience Database: Paramyxovirus Entry. Human Metapneumovirus and CommunityAcquired Respiratory Illness in Children. 2009. 2008. Desk Encyclopedia of Human And Medical Virology.nlm. Rev HCPA. Clarice Weis Arns.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful