Ceia de Oficiais Data: 01/12/2007 Ministração: Bispa Sônia Hernandes TEMA: MULTIPLICAÇÃO APOSTÓLICA Texto I Reis 2:8-18 A primeira ordem

que o Senhor deu ao homem foi a ordem da multiplicação. Gênesis 1:22 O homem carrega dentro de si o poder da multiplicação. O Senhor Jesus multiplicava a unção que estava nele. Percebemos que a unção se multiplica. E esta unção está em nossas vidas e se multiplica. A benção da multiplicação é algo muito sério. Onde chega um servo de Deus a unção se multiplica. - Atos 7:17 - Sabemos que o povo cresceu e se multiplicou no Egito. Não existe barreira que possa impedir o mover da multiplicação. Sempre pregaremos estando ou não estando com condições emocionais. Onde formos haverá multiplicação. Armas que o diabo usa para impedir a multiplicação. - Desobediência – Saul e Eva são exemplos de pessoas que foram desobedientes. Satanás quer colocar a desobediência no coração do homem. A pessoa que desobedece muitas vezes ainda acha que está certa, como foi o caso de Saul. A pessoa busca justificar a sua desobediência. Ex.: Eu fiz isso porque.... Essa desobediência nos impede de viver a multiplicação. Obedecer até a metade não é obedecer. O Rei Joás foi um exemplo disto pois não foi obediente até o fim (II Cron. 22). Obedecer é reconhecer as autoridades e nos submeter a elas. Quem é submisso à vontade de Deus vive a multiplicação. Precisamos aprender a obedecer de acordo com a vontade de Deus. Davi era obediente. Quando Saul lhe pediu 100 prepúcios de filisteus em troca da mão de sua filha, ele obedeceu e trouxe o dobro do que lhe fora pedido. - Rebeldia – Não aceitar as coisas de Deus. Viver de questionamentos: “O que você acha?! Por que?!”. Deus nunca pergunta nada a nós. Nosso papel é obedecer. Não sejamos rebeldes contra o Senhor. I Sam. 15:23 Muitos são rebeldes contra a Palavra de Deus. Rebelde às autoridades (Num. 16:1-3, 23 e 31). A rebeldia traz morte. Aquele que é rebelde não consegue permanecer firme. - Fraqueza – I Samuel 30:9-17 - Vemos o exemplo de Davi em avançar perseguindo seus inimigos diante da fraqueza e do cansaço na batalha, é que o fez conquistar para o Senhor e para si. Vemos esse poder da multiplicação se manifestando milagrosamente no Ano de Elias. - A multiplicação vem da entrega. Aquele menino que entregou a Jesus os seus 5 pães e 2 peixes ouviu a Palavra e viveu a multiplicação. - A multiplicação vem da vontade de Deus. Rom. 4:17 – É da vontade de Deus que eu viva a multiplicação. Vemos essa multiplicação na vida de Eliseu e de Moisés. Num. 11:16,17 – A unção de Moisés foi multiplicada. A unção se multiplica. Hoje o Senhor está restaurando essa unção de multiplicação.

João 20:21 – Aquele que recebe o Espírito Santo anda por cima da tempestade. Deus tem para nós o poder da multiplicação. É arma espiritual que sustenta a igreja porque os filhos de Deus realizam o dobro através da unção da multiplicação. O diabo quer impedir que vivamos esta multiplicação. Para viver essa multiplicação eu preciso: - Entender e desejar como Eliseu – Há um grande problema quando não entendemos o caminho do Senhor, quando não entendemos o momento. É preciso buscar em Deus o entendimento para as situações a nossa volta. Jesus não caminhava segundo o padrão de reis que eles queriam. Eliseu entendeu e quando esse entendimento veio a sua mente os seus valores mudaram. Eu preciso perceber quais são as prioridades. O manto caiu sobre Eliseu e ele entendeu o que havia acontecido com ele. Ele entendeu que primeiro era o Senhor, depois a família, o trabalho. O grande problema ocorre quando não entendemos o que Deus quer de nós. Precisamos entender os propósitos de Deus. - Estar preparado para viver o envio – Moisés ao seguir o conselho de Jetro dividiu a sua unção e aqueles homens eram homens conhecidos e estavam preparados (Êxodo 18:13-24). Precisamos estar preparados para passar momentos difíceis. Preparados no espírito para viver a multiplicação. - Perseverar para pegar o manto e para que isto ocorra, eu preciso: a) Vencer Gilgal – vencer a carne; b) Vencer Betel – vencer a religiosidade; c) Vencer Jericó – vencer o mundo; d) Vencer o Jordão – vencer o desafio Perseverança é arma de guerra. Se usarmos esta arma viveremos a multiplicação. Viveremos 5 vezes mais. Está a minha porção apostólica. As bênçãos da multiplicação 1. Multiplicação da unção. O dobro da presença de Deus; 2. Multiplicação das forças como aconteceu com Josué; 3. Multiplicação da família; 4. Multiplicação da prosperidade; 5. Multiplicação da minha alegria; 6. Multiplicação do poder; 7. Multiplicação do mover apostólico; 8. Multiplicação do derramar do Espírito Santo; 9. Multiplicação da honra; 10. Multiplicação da nossa condição (mudança de sorte); 11. Multiplicação das bênçãos do Senhor; 12. Multiplicação da presença de Cristo. CEIA DE DEZEMBRO - PALAVRA DE OFERTA Ceia de Oficiais Data: 01/12/2007

Ministração: Bispa Sônia Hernandes TEMA: A OFERTA DO TABERNÁCULO Palavra de Oferta – Texto Êxodo 25:1-9 Aquela foi uma oferta que Deus estabeleceu e entregou para o povo como um segredo espiritual. O povo no deserto havia enfrentado muitos desafios. Deus disse que haveria uma maneira de se sentirem seguros naquele deserto. Ele mostrou um segredo, uma oferta que os abençoaria. Temos o privilégio de construir para o Senhor através de nossas ofertas. Vejamos alguns detalhes naquela oferta. 1. Era uma oferta específica 2. Aquela oferta envolvia coisas que não tinha no deserto, mas que eram coisas que Deus tinha provido para o povo Era uma oferta de quem constrói para o Senhor. Muitos constroem para si e não conseguem desfrutar do que possuem. No entanto, quando construímos para o Senhor ,além de repreendermos a Satanás, Deus nos acrescenta. Quando construímos para o Senhor o diabo não pode tocar no que é nosso. Construir para o Senhor é um segredo espiritual. A nossa oferta constrói para o Senhor o lugar onde ele habita. Aquela mulher que construiu um quarto para o profeta (II Reis 4:08) estava construindo para o Senhor e Deus acrescentou um futuro para a sua família. 3 bençãos que trazem esta oferta 1. Um memorial eterno. Quando construímos para o Senhor temos um memorial diante de Deus. 2. Passamos a ter uma herança familiar. Deus vai levantar em nossas casas príncipes do Senhor. 3. Nos habilita para projetos futuros. üEzequias construiu para o Senhor e Deus o livrou daquilo que era mortal e ainda acrescentou anos a sua vida (II Reis 20:03). üQuando você constrói como Abraão, Deus te dá uma herança, um povo (Gênesis 22:17). ü Ana desejou para o Senhor e a esterilidade foi quebrada e viveu a multiplicação (I Samuel 1:19). AS 12 BENÇÃOS PARA O MÊS DE DEZEMBRO 1. A benção da construção (terrenos parados serão construídos, casas, etc); 2. Deus vai liberar situações retidas em todas as áreas; 3. Liberação de viagens nacionais e internacionais; 4. Novos negócios, novas oportunidades; 5. Mesa farta, provisão sobrenatural; 6. Contas e cobranças injustas desaparecerão, haverá anistia, perdão de dívidas; 7. O velho vai sair para dar lugar ao novo; 8. 14º e 15º salário, premiações; 9. A benção da chave tripla (casa própria, carro e emprego); 10. Grande abundância, a maior abundância em todas as áreas; 11. Aprovação em concursos, em provas, em testes, Deus vai nos aprovar; 12. A multiplicação (o 2º carro, o 2º emprego, o 2º filho)