UFRE - Unversidade Federal Rural de PE

DISCIPLINA: ANALISE COMBINATÓRIA PROFESSOR : MARCELO GAMA TRABALHO: RESOLUÇÃO DE QUESTÕES DE CONTAGEM ALUNO: WELLINGTON JOSÉ CAVALCANTI TURMA: LM1

RECIFE, 05/2012

. 1256521. ”somos”. ___. ___ = ou 1 2 3 4 5 Com 4 zeros _0_.. _0_. Também são palíndromos “cbebc”.9 quantos palíndromos de 7 algarismos podem ser formados? b) Quantos anagramas de “Zé de Lima.. ”a droga do dote é todo da gorda”... Mil e Dez ” são palíndromo? Resposta: a) Temos 10 algarismos ou caracteres que podemos usar na formação do palíndromo e queremos formar palíndromo de 7 caracteres. ___. Seguindo o mesmo raciocínio anterior as casas a partir da 11 se repetem em função das 10 primeiras.UFRE . 10 Ou seja.. Resultado. ”reviver”. 2) Considere todas as trinta e duas sequências. ”Roma me tem amor”. _10_. logo não altera a contagem.. a) Com os algarismos 0.___ 4 as três ultimas casas se repetem em função das 3 primeiras. ___. _10_.. que pode formar anagramas palíndromos. _0_. b) Os anagramas que podemos forma com o palíndromo são: _10_. temos 104 = 10. _10_. temos dez letras diferentes no palíndromo exemplo.Unversidade Federal Rural de PE Perguntas: 1) Um numero ou palavra é chamado de palíndromo quando este escito na ordem inversa é igual ao original. Resultado. _0_.. Temos então que a 4ª casa vai dividir a sequencia em duas partes iguais. São palíndromos os números 1221. .2. dai: _10_.. ”abcdedcba”. temos 1010 anagramas palíndromos que podemos formar. _0_. _10_. sem contar com os espaços. _10_. Rua Laura. ___ = 1 2 3 4 5 Total de possibilidades = 3 + 2 = 5 3) De quantas maneiras podemos formar uma fila com a) 15 pessoas de modo que “Ana” e “Marcos” estejam sempre juntos? b) 10 pessoas com 2 casais e cada casal sempre juntos e as esposas na frente dos maridos? RECIFE. logo não altera a contagem. quantas dessas sequencias possuem pelo menos três zeros em posições consecutivas? Resposta: a) Com zeros em posições consecutivas vamos considerar os zeros como uma unidade. _10_. 1. _0_.000 palíndromos que podemos formar. _10_ 1 . 1111. que podem ser formados como algarismos 0 e 1 . dai temos: Com 3 zeros _0_. com cinco elementos cada uma. 05/2012 .

__ _ 1 2 3 4 5 6 Se o numero começar com 6 : _1_ . . . dai: __. _13_. __. Como se trata de uma fila o casal pode inverter a posição do homem e da mulher gerando duas possibilidades. _12_. em cada fila formada e o 1 casal.. cada homem com sua esposa sempre na frente.000 então só vamos poder utilizar na 1ª casa apenas o 6 e o 7. __ _ .3.. ____ = 1 1 2 2 3 7 8 4) Quantos números de 6 digitos.  Podíamos resolver mais rápido esse problema apenas fazendo permutação de 13 pessoas e mais um casal como a unidade. _4_. ____. ____ =7 x 1 1 2 2 3 6 7 Já o 2º casal pode ficar em 8 posições diferentes.000. ____. dai: 14! x 2 ou 2 x 14! b) Como precisamos que 2 casais fiquem juntos. __ _ . _12_. __ _ 1 2 3 4 5 6 RECIFE. . dai: 2x Que é a resposta final do problema.. dai: __.7.Unversidade Federal Rural de PE Resposta: a) Como precisamos que “Ana” e ”Marcus” estejam sempre juntos vamos considera-los como uma unidade. __ _ . . . __ _ .. em cada fila formada. _6_..1. . ___ = 1 2 3 13 Mas o casal pode ficar em 14 posições diferentes. entre as pessoas.. ____.1. _6_. . dai temos: Vamos fazer as permutações da fila sem “Ana” e ”Marcus” _13_. temos: Vamos fazer as permutações da fila sem os casais _6_. __. _5_. vamos considerá-los como duas unidades. 05/2012 . maiores que 600. __ _. “Ana” e ”Marcus” ou “Marcus” e ”Ana”... . dai: __. podem ser formados usando apenas algarismos 1.. _4_. ___ = 1 2 3 6 Mas o 1º casal pode ficar em 7 posições diferentes. __. entre as pessoas. _5_.3. __ _ . . dai: Se o numero começar com 7 : _1_. _5_. _11_. _4_.. __ _. __ _.7? Resposta: a) Como precisamos de números maiores que 600. entre as pessoas.6. ____ = 1 1 2 2 3 13 14 Mas o casal pode ser formado de 2 maneiras.1. . _11_.. Dai . em cada fila formada.UFRE .

temos ainda 2 possibilidades trocando a posição de O1 e O3 .UFRE .. Como não queremos que O1 e O2 fiquem juntos. Para que um médico possa dizer. um para cada pessoa do circulo. dai: é o resultado final. é necessário que ele constate uma das seguintes situações: I) – a existência dos sintomas A e B simultaneamente. dai: Entre as pessoas podemos ter 6 espaços vazios. O2 e O3 permaneçam juntos e O2 sempre entre O1 e O3? Resposta: a) Como não queremos que os objetos fiquem juntos então vamos tirar pelo menos um do grupo e formar as outras permutações. com certeza. Queremos que e O2 fique no meio.Unversidade Federal Rural de PE Total geral = 50 + 120 = 170 formações. dai: Entre as 4 pessoas podemos ter 4 espaços vazios.. se o paciente sofre de tal enfermidade. 6) De certe doença são conhecidos exatamente 8 sintomas.. O2. pegando como referência O1. um para cada pessoa do circulo. então já temos uma possibilidade. Vamos então combinar cada 5 sintomas entre os 6 restantes: Podemos também combinar A e B com outros 4 sintomas RECIFE. 05/2012 .O7) circularmente e equidistantes entre si de modo que a) O1 e O2 nunca fiquem juntos? b) O1. 5) De quantas maneiras podemos dispor 7 objetos distintos (O1. b) Como não queremos que O1. então vamos tirar os 3 objetos do grupo e formar as outras permutações. II) – a existência de 5 desses sintomas Qual o numero de manifestações diferentes dessa doença que permitem obter um diagnóstico seguro? Resposta: Como a presença de A e B já diz com segurança que paciente possui a doença. pegando O2 como referência : é o resultado final.. O2 fica com 4 possibilidades de vagas. O2 e O3 permaneçam juntos e O2 sempre entre O1 e O3.

prove a formula de Lagrange Resposta: Caro professor a demonstração abaixo foi copiada da internet pois não consegui realmente entender como demonstrar. z? Resposta: Com 3 variáveis vai forma um numero de termos dado pela formula do Polinômio de Leibniz abaixo: (x + y + z)5 = Xα1. y. formados por inteiros não negativos. y. 6 + 15 = 21 é o resultado final. α1 + α2 + α3 = 5 e serão tantos termos quantos forem as termos 8) Quantas ternas (x. 7) Quantos termos possui um polinômio completo (que tem todos os termos possíveis) de grau 5 nas variáveis x. são soluções de 2 < x+y+z < 6 Resposta: Como foi dado que 2 < x+ y + z < 6.Unversidade Federal Rural de PE Logo. Demonstração via combinatória (Fórmula de Euler) Vamos provar essa bela identidade utilizando apenas argumentos combinatórios. 05/2012 .UFRE .Zα3 . então podemos armar as seguintes equações:     x+ y + z = 3 => x+ y + z = 4 => x+ y + z = 5 => x+ y + z = 6 => total = 10+20+35+56 = 121 9) Encontre um problema cominatório cuja solução resulte na fórmula de Euler Em seguida . Coloquei apenas para compor o trabalho. RECIFE. z). ou seja. Quantos subconjuntos com m mulheres e h homens temos em um grupo de p pessoas? Podemos pensar de duas formas diferentes: somando cada subconjunto possível ou simplesmente escolhendo p pessoas das m+h totais.Yα2.

Em cada esquina em que há duas opções de direção o tráfego se divide igualmente entre elas. Se 512 carros entram nessa área por P.UFRE . qual o número de carros que saem por Y? RECIFE. 05/2012 . o número de subgrupos nos quais há exatamente k mulheres é: . o que implica em o O coeficiente de no produto é: Logo: Corolário (Fórmula de Lagrange) Demonstração: Basta aplicar m=h=p=n na fórmula de Euler: Mas . Logo: É evidente que poderíamos fazer uma demonstração simples aplicando o Princípio da Indução Finita ou a seguinte identidade: O termo genérico do desenvolvimento de coeficiente em ser . Logo: 10) A figura abaixo representa uma área de ruas de mão única.Unversidade Federal Rural de PE De fato. Por outro lado: é .

temos: 512 = 128 + Y => Y = 384 veículos X = 128 Y=384 P=512 RECIFE. Dai. resta saber quantos saem em X e quanto em Y. 05/2012 . devido ao traçado de figura apresentada.UFRE . podemos encontrar facilmente quantos saem em X = 128.Unversidade Federal Rural de PE Resposta: Como em P entra 512 veículos então em x+ y saem 512.