You are on page 1of 2

RELATÓRIO DE ANÁLISE DO PROJETO FÍSICO DO HOSPITAL SANTA HELENA SERVIÇO DE HEMODINÂMICA

Processo nº 0311120001499 (DIVISA) Informamos que o mesmo está INDEFERIDO.

I-LEGISLAÇÕES DE REFERÊNCIA: RDC nº 50 de 21 de fevereiro de 2002 – MS/ANVISA RDC nº 307 de 14 de novembro de 2002 – MS/ANVISA RDC nº 189 de 18 de julho de 2003 – MS/ANVISA II- ANÁLISE TÉCNICA: Para a continuação da Análise Técnica do projeto físico, faz-se necessária a apresentação dos seguintes esclarecimentos e/ou correções em planta, devendo cada item abaixo ser justificado em relatório individualmente: Enviar memorial Descritivo das Atividades Assistenciais assinado e carimbado pelo Responsável Técnico ou pelo Responsável Legal do Estabelecimento, contendo, além da relação dos procedimentos a serem realizados no serviço, as seguintes informações: ESCLARECER: 1) Descrição do Sistema elétrico de emergência, justificando-o de acordo com a Parte III, item 7.2 Instalações Elétricas e Eletrônicas, da RDC 50/02; 2) Como serão supridas as exigências da RDC 50/02, referentes a gases medicinais, constantes na parte III, tabela 7.4 para os diversos ambientes. Mostrar em planta de layout pontos/réguas de gases medicinais onde se fazem necessários; 3) Objetivo funcional do ambiente ao lado da circulação que dá acesso as salas de recuperação pós anestésica: 4) Apresentar cálculo de blindagem. EM RELAÇÃO À ESTRUTURA FÍSICA: 5) Rever layout do posto de enfermagem: 6) Rever layout das salas de indução e recuperação pós anestésica . Respeitar distancia entre leitos e paredes previstas na RDC 50/02: 7) Identificar em planta os equipamentos de climatização e/ou exaustão dos diversos ambientes: 8) Identificar em planta, pia exclusiva para lavagem das mãos nas salas de indução e recuperação pós-anestesica: 9) Identificar em planta, local de guarda de roupas usadas no setor de hemodinâmica;

10) Identificar em planta, vãos das portas, respeitando dimensões mínimas exigidas na RDC 50/02. III – CONCLUSÃO: O projeto físico apresentado está provisoriamente INDEFERIDO. (1º Indeferimento)

OBSERVAÇÕES: 1. A analise foi feita considerando que o projeto apresentado destina-se exclusivamente a realização de procedimentos inerentes a um SERVIÇOS DE HEMODINAMICA de um Hospital já em funcionamento. 2. Novo projeto, com as devidas adequações, deverá ser enviado a DIVISA para nova avaliação, estando o mesmo sujeito a novas solicitações a depender das informações fornecidas. A analise técnica será realizada com as informações disponibilizadas pelo solicitante; 3. Qualquer discordância as orientações contidas neste relatório deverá ser justificada por escrito estando sujeita a avaliação. 4. Havendo 03(três) indeferimentos o processo será automaticamente encerrado, cabendo o regulado abrir um novo processo para analise do projeto.