You are on page 1of 37

CURSO: DISCIPLINA: Humanidades

ENGENHARIAS Prof. Edgard Costa SEMESTRE/ANO

TURMA: A 01/2010

MODELO DE PROJETO DE SEMINÁRIO
TÍTULO DO SEMINÁRIO Sistema de gerenciamento dos semáforos através do fluxo de carros Nome do Líder do Projeto Nome: Gilvandson Costa Cavalcante Telefone: 91993043 Email: gilvandson.costacavalcante@gmail.com Nome dos componentes de grupo – Ficha técnica Orientador Augusto Brasil – Engenheiro Mecânico Nome do aluno
1. 2. 3. 4. 5. 6.

Matrícula 09/0114949 09/0115244 09/0115830 09/0115929 09/0116593 09/0043561 Tema do Projeto Gerenciamento de semáforos através do fluxo de carros. Descrição do problema que vai ser resolvido

Gilvandson Costa Cavalcante Gregory Luiz Ribeiro Gustavo Vinicius Martins Arvelos Haroldo do Rosário Humberto Carneiro Ramos Marcelo Machado G. B. Souto

Os semáforos de Brasília encontram problemas de sincronia e falta de comunicação entre seus sistemas. Com isso esses contribuem para o aumento de engarrafamentos, poluição ambiental, poluição sonora, perda de tempo dentre outros, problemas que causam muito transtorno para seus usuários. Os semáforos na maioria dos locais são controlados por softwares que trabalham com contagem de tempo, ou seja, cada luz tem um tempo determinado, por ser um sistema que trabalha por um padrão ele acaba não atendendo de forma eficiente cada situação, fazendo com que muitas vezes os sinais fiquem fechados sem ter necessidade.
1

Com base nesse problema a equipe trabalhou em um modelo para gerenciar os semáforos através do fluxo de carros. Segue abaixo a o diagrama de espinha de peixe de Ishikawa, que foi usado para melhor mostrar os problemas encontrados atualmente no semáforo, o grupo teve como foco principal melhorar a falta de sincronia do semáforo, que reduzira todos os outros problemas.

FALTA DE SINCRONIA DO SEMÁFORO

SISTEMAS DESORGANIZADOS

TEMPO

PULUIÇÃO AMBIENTAL

PROBLEMAS NO TRÂNSITO

FALTA DE COMUNICAÇÃO

SISTEMAS DESORGANIZADOS

CONSUMO DE COMBUSTÍVEL

INSEGURANÇA NOTURNA

Após algumas analises, o grupo observou que um semáforo temporizado localizado na Rodoviária de Brasília, gerava acumulo de carros. Muitas vezes o fluxo de carros de uma das vias estava interrompido sem que houvesse necessidade, ou seja, o semáforo indicava a luz vermelha (sinalização para delimitar que nenhum carro passe), porém não tinha nenhum carro para passar ou o tempo entre os carros era muito grande (essa situação será melhor abordada durante o projeto) sendo que na via auxilia existia ah necessidade de indicar a luz verde(sinalização para delimitar os carros da via passem) por haver carros. Sociedade que será beneficiada pelo projeto O projeto visa beneficiar as comunidades vindas das cidades satélites que passam por um setor próximo a rodoviária de Brasília, visto que, é um local de grande fluxo de veículos. A equipe levantou requisitos para solucionar os problemas de fluxo de veículos, e conseqüentemente pedestres. Depois que o sistema estiver instalado nesse setor, será usado como modelo para implementação em outros locais no Distrito federal

2

-Grupo social específico: Como o projeto está sendo feito pela visualização e projeção da solução no semáforo do cruzamento da rodoviária, apenas o grupo social que utiliza essa via será beneficiado (motoristas e pedestres). - Grupo social em primeiro nível: Motoristas e pedestres que utilizam daqueles semáforos, que foram citados anteriormente no projeto, serão priorizados em primeiro prazo. Como haverá uma expansão do projeto para semáforos que tenham as mesmas características das vistas anteriormente, serão beneficiados também os indivíduos que utilizarem desses cruzamentos a médio e longo prazo. Objetivos do Projeto O objetivo do grupo é tentar através do sistema de gerenciamento do semáforo por fluxo, melhorar a sincronia dos mesmos e com isso, minimizar problemas existentes no trânsito. Metodologia do Projeto O grupo pretende através do desenvolvimento de circuitos eletrônicos, com micro controladores que interajam entre si, implementar o gerenciamento de semáforo por fluxo de carros, utilizando o sensor do laço magnético que é o mesmo presente nos controladores de velocidade(pardais). Durante duas manhãs de sábado foi analisado como esse funcionaria caso fosse instalado no local determinado, segundo essa análise chegou-se a conclusão de que o tempo ganho de cada período, que vai do tempo de verde até o termino do período “entreverdes” gerando um ciclo, seria de cerca de 30 segundos. Foi feita uma média da quantidade de carros que passavam no semáforo próximo a rodoviária de Brasília, esse local foi escolhido porque o fluxo de carros e pessoas é intenso, devido esta característica, a equipe poderia observar o impacto que o sistema de gerenciamento de semáforos por fluxo causaria. Esse semáforo hoje funciona de forma temporizada, ou seja, a luz vermelha fica acesa indicando que os carros não podem passar logo após um determinado tempo ligada ela apaga e a luz verde acende, liberando o fluxo carros, essa fica acesa por um determinado tempo depois apaga e acende a amarela que indica que logo o sistema se iniciara novamente, depois de alguns segundos ela apaga e
3

O problema encontrado com esse sistema é que muita das vezes os veículos de um semáforo ficam parados sem ter fluxo no outro. ambos os sensores não estão acionados e um sabe que no outro semáforo não possui veículo. o contador de tempo passa 4 segundos caso o sensor não tenha identificado nenhum veiculo o semáforo 1 inicia o ciclo para fechar o sinal. e com isso existe a perda de tempo. mas também do chamado "nível de saturação". e com isso depois de determinada quantidade de veículos ele inicia o ciclo para fechar o semáforo 1 e após esse ciclo indica para o semáforo 2 abrir. o tempo que a luz verde fica acesa é chamado “tempo de verde”. depois há desliga e depois liga a luz vermelha. ele e calculado com a soma dos tempos de amarelo. no semáforo 1 inicia uma rotina para verificar se há veículos passando ou não. após o início dessa um contador de tempo e de fluxo e acionado. que em cadeia pode acabar acarretando em congestionamentos. a princípio os dois semáforos estariam fechados. Através desses dados podese realmente calcular o tempo real da travessia que é destinado à passagem de veículos. Nesse processo existe um tempo que é utilizado para que não haja problemas com o último veiculo de cada fase. No sistema proposto. depois que a luz vermelha é acesa. ou tempo de verde efetivo. determinado por fatores como largura da rua. logo após o sensor do semáforo 1 ser acionado esse abre(aciona a luz verde)e envia um sinal para o semáforo 2 permanecer fechado. esse tempo é calculado através de uma fórmula matemática que é baseada em fatores como o fluxo de carros por minuto. para descobrir o ciclo ideal de cada semáforo. assim que chegasse um veículo em algum dos dois semáforos. ou seja liga a luz amarela. essas medidas dependem não só do fluxo de carros por minuto. mais o de verde normal. menos o do que é deixado para que não haja problemas com o último veiculo de cada fase. Dessa forma quanto mais intenso for o tráfego em um cruzamento. ou seja. A soma dos tempos total que a luz vermelha e amarela ficam acesas e chamado de período “entreverde” esse e importante para calcular o tempo de “verde efetivo”. que por sua vez gera a poluição ambiental e sonora. Caso a contagem não 4 .a luz vermelha acende novamente gerando esse ciclo. esse seria ativado (para melhor explicação será adotado como semáforo 1 o que primeiro chegou algum veículo. entre outros tempos. existe um tempo para que o veículo que já estava na faixa de contenção da luz amarela anterior possa passar sem que o outro sinal do cruzamento possa ativar a luz verde e fazer com os veículos se choquem. caso o sensor seja acionado antes de 4 segundos significa que existe fluxo de veículos e o contador de fluxo que já estava em execução junto com o do tempo verifica quantos estão passando. ou seja. mais longo será esse ciclo. e semáforo 2 o que recebeu primeiro o comando para ficar fechado) antes do primeiro veículo chegar os dois sensores estão se comunicando e mostrando que não há veículos no local. Em vista desses problemas gerados pelo semáforo temporizado. o grupo propôs um modelo de gerenciamento de semáforos por fluxo de veículos fazendo assim com que o tempo perdido seja menor. número de carros estacionados e presença de lombadas ou valas.

desde lasers até mangueiras de borracha cheias de ar dentre outras. porém pelo que foi verificado pelo grupo não existe sistemas iguais a esse elaborado. Na Bibliografia é possível encontrar endereços de sites que podem mostra que sistemas semelhantes funcionam muito bem. existe vários tipo de tecnologias para controle de fluxo nos semáforos que vão. Se acontecer a situação de um veículo ficar parado para que esse mostre que está acionado. Segue abaixo os fluxograma elaborados pelo grupo para melhor descrever a operação do fluxogramas sistema.alcance o número determinado de carros e passe 4 segundos do último carro o semá semáforo 1 inicia o ciclo para fechar e indica para o semáforo 2 abrir. Fluxograma 1 5 . após 1 minuto ele inicia o ciclo para fechar o semáforo 1 e depois da a ordem para que o semáforo 2 abra e assim inicia a rotina usada no semáforo 1. Durante a elaboração do projeto foi verificado que existem sistemas semelhantes em todo o mundo.

para mostrar o problema de forma mais clara. gravou alguns vídeos e estimou alguns dados que serão apresentados posteriormente em gráficos.Fluxograma 2 Caracterização do Local O local escolhido pelo grupo foi esse que está relatado nas imagens abaixo. assim o fluxo de carros da via principal é interrompido. posteriormente A imagem 1. 2. e 3 relatam que o semáforo 1(para melhor entender será chamado assim) indica a cor vermelha. Durante essa ida ao local. o grupo retirou algumas fotos. 6 . essa interrupção é feita sem que haja fluxo na outra via.

Imagem 1 Imagem 2 7 .

pois não existe fluxo de carros nesse momento em uma das vias e na outra ainda está interrompido. Se esse estivesse aberto evitaria que carros se acumulassem no local. Portanto o semáforo 2 (será adotado a via auxiliar ao lado que contem o semáforo para melhor entendimento) verificou que não passou nenhum carro depois de 4 segundos poderia estar fechando e já dado a ordem para o semáforo 1. Com o sistema de gerenciamento por fluxo nesse momento a via que está fechada. mas o fluxo de veículos da outra via está fechado(quando o semáforo indica que os carros devem parar) podendo estar aberto(quando o semáforo indica que os carros podem passar). dessa forma existe uma perca de tempo. Esse semáforo funciona com o sistema temporizado. com o uso do sistema de gerenciamento por fluxo o tempo que esses carros estão parados poderia ser ganho para desenrolar o transito e assim em um horário de grande fluxo impedir ou reduzir congestionamentos. 8 . que já identificou que possui carros no local. pois não existe fluxo na outra. pois nesse momento não há carros em uma das vias.Imagem 3 Esse é um dos problemas encontrado no sistema de semáforos temporizados. abrir. estaria aberta.

com isso houve acumulo de carros no semáforo 2. e o semáforo 2 está fechado. já poderia estar aberto.Na imagem 3. sendo que já poderia estar fechado. Imagem 4 Imagem 5 9 . o semáforo 1 está fechando(indicando a luz amarela). sem que haja carros no semáforo 1.

Essa imagem mostra que o semáforo 1 ainda está aberto e o intervalo entre os carros é maior que o tempo dedicado pelo sistema de gerenciamento de semáforos por fluxo a essa situação. Foto via satélite do local: A seta amarela indica o semáforo da via principal. já iniciaria processo para fechar e depois de fechado. o intervalo de tempo entre os carros é maior que 4 segundos e existe carros no semáforo 2 com isso o semáforo 1. ou seja.Na imagem 5 o semáforo da via auxiliar está fechado. informar para o semáforo 2 abrir. 10 . informado dessa situação. e semáforo da via principal ainda está aberto mas com uma diferença de tempo entre os carros muito grande. e a seta vermelha o da via auxiliar.

53 90 80 Semáforo Principal Regressão linear de Semáforo Principal Quantidade de Carros 70 60 50 40 30 20 10 0 0 2 4 6 8 10 12 Aberturas do Sinal 11 . Após os dados terem sido coletados e analisados o grupo gerou um gráfico para facilitar a visualização dos mesmos. para que fosse possível levantar o tempo e a quantidade de carros adequada para serem usadas no sistema. alguns dados foram coletados. Fluxo de carros por ciclos do semáforo 1 da via principal f(x) = -0.Mapa do local: No dia em que o grupo foi ao local. • Gráfico 1. através desse foi gerado uma função para descrever. e retorna para entreverdes) é o tempo gasto entre os carros dos dois semáforos. o comportamento do fluxo de carros pela quantidade ciclos (período em que o semáforo passa pelo entreverdes.61x + 73.

A quantidade de carros é algo de grande importância para esse sistema. Essa análise foi feita em um horário que não é chamado de “horário de pico”(onde o fluxo de pessoas cresce muito) portanto é possível que nesse “horário de pico” a quantidade de pessoas beneficiadas seja maior.05 25 Regressão linear de Semáforo Secundário Quantidades de Carros 20 15 10 5 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Aberturas do Sinal Esses gráficos descreve a quantidade de carros que passam no semáforo 1 e 2 pelo número de ciclos. dessa forma esse semáforo acaba interrompendo o fluxo do outro sem que haja necessidade. Pode-se ainda gerar uma taxa de variação média que está descrita na linha que corta o gráfico. pois como a quantidade de carros e pouca existe momentos onde o semáforo abre e ainda não tem nenhum carro(essa informação ficará mais clara no gráfico que indica o tempo de um 12 . Fluxo de carros por ciclos do semáforo 2 da via auxiliar Semáforo Secundário f(x) = 0.31x + 14. Segundo o gráfico 1 a quantidade de carros que passa por esse local é bem alta. No gráfico 2 a quantidade de carros que passam na via auxiliar não é tão alta. com isso a média de carros que passa nesse local nesse período também é alta está entre 60 a 80 carros por ciclo. atingindo até 90 carros em um dos ciclos. essa é apenas uma estimativa do grupo para uma manha de sábado. em comparação a do semáforo 1. Através desse podemos gerar uma função que mostra exatamente a quantidade de carros por ciclos. Esse dado varia de acordo com o dia. pois através desse dado podemos analisar qual é o fluxo de carros da via e assim estimar a quantidade adequada de carros que o sistema contará para fechar o semáforo. podendo assim ser maior em alguns dias e menor em outro. que foi feita como modelo para que o grupo se guie quando for fazer uma análise mais detalhada.• Gráfico 2. com isso é necessário que uma análise mais precisa seja feita. dessa forma o sistema beneficiaria muitas pessoas.

00 5.00 45. do mesmo dia em que dados referente a fluxo por tempo foram coletados.00 0. esse dado é importante para o sistema.03x + 7. pois com esse poderemos estimar qual é o tempo que se adequa aquele local assim definir um bom intervalo para que caso não passe carro o semáforo possa começar a fechar e assim liberar o fluxo da outra via.00 10.26 25.00 30. A quantidade máxima de carros atingida nesse é cerca de 23 carros e a média de carros do local está entre 12 a 20 carros por ciclo.02x + 4. tempo estimando entre um carro e outro do semáforo 1 da via principal f(x) = 0. para calcular o tempo entre eles.00 20. os carros passam orientados pelo tempo referente a cada sinalização de controle.00 Quantidade de Carros • Gráfico 4.00 0. o grupo determinou uma quantidade de carros. tempo estimado entre um carro e outro do semáforo 2 da via auxiliar f(x) = -0.carro para o outro) para passar.00 30. Com o uso desse.00 15.00 40.00 20. o carro A (será chamado assim.00 5.00 5.00 0.00 15.00 0.00 15. seja grande e dessa forma.00 40.00 5.00 10.00 Semáforo Secundário Regressão linear de Semáforo Secundário Intervalos entre os carros 25.00 10. ou seja.00 20.00 35. quando um dos carros for passar pode ser que não de tempo e esse inicie o ciclo para fechar assim que o carro estiver passando.00 25.00 35.00 25. Abaixo os gráficos que informam o tempo entre a passagem de determinado número de carros.00 15.00 Quantidade de Carros Na manha de sábado. • Gráfico 3. pode existir momentos em que o tempo de um carro para o outro.94 30.00 Semáforo Principal Regressão linear de Semáforo Principal Intervalos entre os carros 20. No semáforo temporizado.00 10. para melhor 13 .

com uma media entre 5 e 10 segundos. Os altos índices de corrupção fazem com que ocorram atrasos com novas tecnologias para Brasília e isso torna o progresso da cidade. o software teria 2 contadores que funcionariam em conjunto. com uma media de 2 a 7 segundos. esses dados são muito importantes. o carro que irá passar o semáforo depois do carro A). com isso depois de uma determinada quantidade ter passado ele indicaria para o semáforo A. iniciar o ciclo para fechar e assim que esse fechasse. Outra situação seria quando o tempo entre esses dois carros fosse tão grande a ponto de prejudicar o fluxo na outra via. para que caso não passasse a quantidade determinada de carros ou o tempo entre eles fosse grande. que devia ser promissora nos avanços tecnológicos para beneficiar a comunidade. o que seria tempo suficiente para que esse fosse fechado e o B aberto. esse tempo ainda e maior. caso tivesse carros no semáforo B. esquecido e desacelerado. tem um tempo X do carro B(será chamado assim. O primeiro responsável pela contagem do número de carros. Dessa forma o tempo entre os carros seria limitado. pois o tempo de um carro para o outro chega a alcançar no gráfico 3 do semáforo A cerca de 20 segundos e o menor tempo entre eles é de cerca de 2 a 4 segundos. Com o uso da tecnologia proposta pelo grupo. Brasília chega aos 50 anos renegada pelos candidatos à Presidência. Maculada por uma série de escândalos. esse iniciaria o ciclo para fechar o semáforo A e assim que esse fechasse o B abrisse. Assim quando houvesse um tempo grande entre os carros. o semáforo estará indicando a luz amarela ou até mesmo a luz vermelha. possui o tempo maior de 23 a 25 segundos. com isso pode-se verificar que o fluxo de carros no semáforo B possui intervalos maiores entre os carros. para melhor entendimento. com o semáforo A aberto o B não haveria necessidade estar fechado. Esses gráficos indicam o tempo de um carro para o outro. depois de alguns segundos apaga e acende a vermelha) será metade de X. -Contexto político Atualmente o Governo do Distrito Federal não tem se preocupado com o avanço tecnológico da cidade. pois com eles é possível otimizar o tempo para cada via e com isso programar de acordo com o fluxo da via o tempo que o semáforo irá contar. o carro que irá passar o semáforo primeiro). deixando mais visível esse problema. porém o tempo que o semáforo levará para fechar(indicar a luz amarela. e o menor de 0 a 3 segundos. O segundo responsável pela contagem de um tempo. O semáforo controlado por fluxo libera as vias de acordo com a necessidade. Com receio de ter suas imagens 14 .entendimento. Através desses dados é possível facilmente visualizar que existe necessidade desse contador. o semáforo B abrisse. ou seja. e houvesse carros no semáforo B. No gráfico 4 do semáforo B. quando o carro A passasse o carro B estaria tão distante que nesse tempo poderia a outra via ter sido liberada. com isso quando o carro B passar.

é provável que o próprio governo seja um grupo dominante contra o progresso do projeto. e o ministério dos transportes. Esperamos que nos próximos aniversários da cidade possamos comemorar com um novo sistema de semáforos que irá não só aumentar a economia da cidade como também fará parte de um novo pólo tecnológico . é de se notar que possivelmente a venda de veículos aumentaria. as normas que regulam a Propriedade Industrial. O próprio governo em vista dos problemas do transito pode ser um grupo dominante a favor do projeto. Ou seja. Brasília. sem partido). -Áreas do governo federal. as concessionárias e os postos de gasolina serão grupos dominantes a favor do projeto. segundo a Lei 9. vinculada ao Ministério do Desenvolvimento. O que será dos próximos aniversários da cidade? Tendo em vista que escândalos como este depreciam e retardam o avanço econômico e tecnológico da capital do país. Os governos locais em conjunto com distrital fazem o projeto se desenvolver nas ruas. Outro aspecto atenuante dessa realidade é a prestação de custos que pode vir a ser negligenciada. Indústria e Comércio Exterior. -Legislação e regras que devem ser atendidas por esses projetos para atender demandas técnicas e sociais O Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) é uma autarquia federal brasileira. Como o contexto político de Brasília se mostra desinteressado em relação a melhora do transito a partir de novas tecnologias. econômica. Tendo em vista que um dos frutos do projeto será a redução dos congestionamentos. que chegou a levar à prisão e à perda de mandato do ex-governador José Roberto Arruda (ex-DEM. nenhum dos quatro postulantes ao Planalto cantará parabéns em público para a cidade.relacionadas ao escândalo do mensalão do DEM. no país. graças a melhoria transito. -Grupos dominantes que são contra ou a favor da solução do problema: O projeto depende inteiramente do interesse de órgãos governamentais. tendo em vista a sua função social. Tem por finalidade principal. distrital e local que serão envolvidas no trabalho. executar. O governo federal e o tribunal de contas da união serão responsáveis pela liberação da verba através do consenso da câmara legislativa. no âmbito nacional. devido à pressão popular e a autopromoção política tendo em vista eleições governamentais. A câmara legislativa é o órgão distrital que verifica se há necessidade real do uso da tecnologia. jurídica 15 . Isto provocaria um aumento no consumo de combustível.279/96 (Lei da Propriedade Industrial).

convênios e acordos sobre propriedade industrial. E depois de registrada a patente as demandas técnicas e sociais serão liberadas pelo Ministério dos Transportes e pelo Governo do Distrito Federal. -Dados relevantes para a aplicação do projeto 16 . O INPI é responsável pela concessão e registro de patentes necessárias para a concepção do projeto de semáforos inteligentes é nele que estão as regras e leis para o registro do projeto. ratificação e denúncia de convenções. É também sua atribuição pronuncia-se quanto à conveniência de assinatura.e técnica. tratados.

17 .

é necessário informar o número.O projeto tem a objetivo de ajudar. Foram pesquisados dados relativos ao número de veículos automotores em Brasília e o número de habitantes em Brasília. em primeiro lugar. de pessoas que poderão ser beneficiadas com as melhorias previstas graças ao sistema proposto no trabalho. tem a intenção de mostrar o número de indivíduos e de máquinas mecânicas que serão beneficiados por um melhor sistema de transito. não exato. 18 . o fluxo do transito a partir do aprimoramento do semáforo. porém total. a partir do site do IBGE e do Detran. Os dados levantados. Entretanto como o projeto tem o objetivo de se expandir para áreas externas ao DF.

nos dias de hoje. Público alvo: O alvo deste questionário é a parte da sociedade que é afetada diretamente pelo problema de trânsito devido à ineficiência dos semáforos. pelo menos. 1 – Você acha que o trânsito.etc. d) Outros 5 – Você acha que um novo modelo de semáforo pode resolver ou.carro.Modelo da pesquisa de campo utilizado: Nome do Entrevistado: _________________________________________ Identidade ou Matrícula: _________________________________________ ENTREVISTA/QUESTIONÁRIO Objetivo: O objetivo deste questionário é oferecer respaldo da própria sociedade quanto à necessidade desta nova tecnologia-semáforo inteligente o qual vem para resolver um grave problema do trânsito. são eles: motoristas de automóveis. ônibus e os seus passageiros. é dos grandes problemas enfrentados pela sociedade? Sim ( ) Não ( ) 2 – Você acredita que o sistema de trânsito pode ser melhorado? Sim ( ) Não ( ) 3 – Será.através de ônibus... a otimização do funcionamento dos atuais semáforos? Sim ( ) Não ( ) 4 – Qual dos problemas abaixo você considera o mais grave enfrentado no trânsito: a) Engarrafamento b) Ineficiência do sistema de trânsito c) Tempo para se deslocar de um local ao outro. amenizar os efeitos do problema selecionado na questão anterior? Sim ( ) Não ( ) Assinatura do Entrevistado ______________________________________________ 19 . uma das soluções.

20 .

21 .

22 .

23 .

24 .

25 .

26 .

27 .

28 .

29 .

será feita uma pequena análise do resultado da entrevista proposta. principais 30 . como um todo. tem comprovado isto empiricamente. cerca de 70%. 1-Você acha que o trânsito. pois tanto a população do Gama como do DF. aponta que existem problemas no trânsito do Distrito Federal. Podemos verificar quais são suas reais demandas e anseios. é um dos grandes problemas enfrentados pela sociedade? 0% Pergunta 1 Não Em branco Sim 30% 70% Podemos ver que o trânsito se tornou um grande problema para sociedade e a pergunta comprova este fato.A pesquisa é de extrema importância para qualquer trabalho desenvolvido cujo foco seja a própria sociedade. Grande parcela dos entrevistados. assim este é o objetivo da realização desta entrevista que busca respaldo da própria sociedade quanto a necessidade da nova sociedade tecnologia que se pretenda desenvolver (um semáforo inteligente) o qual vem para resolver um dos grandes problemas do trânsito. Tal projeção certamente é difícil de ser contestada. Sendo assim. nos dias de hoje. uma melhora no trânsito é uma das principai demandas da sociedade. Então.

devido ao fato. Uma visão otimista quanto a solução do problema é que esse pode ser amenizado. Para que seja possível tirar conclusões mais concretas seria preciso um número maior de participantes da pesquisa. expressa um sentimento de revolta. então. estas formas de ver o resultado desta pergunta não são excludentes e elas se sobrepõem. pois se todos percebem que os problemas estão presentes e podem ser reduzidos. uma 31 . mas podemos ter um boa noção. O sistema é bastante precário e a solução se torna evidente. porque não buscar a solução? Certamente.2-Você acredita que o sistema de trânsito pode ser melhorado? Você Pergunta 2 Sim Não Em branco A pergunta pode ser vista de várias formas conforme constante da espinha de peixe de Ishikawa ilustrada anteriormente.

uma das soluções.3-Será. oferecendo respaldo maior para o projeto. pois ela mostra que a construção de semáforos inteligentes vem para solucionar vários dos problemas sofridos pela população. 80% é uma parcela significativa. Dentre as pessoas entrevistadas. uma vez que os sofridos mesmos representam uma otimização do sistema atual. 32 . Pergunta 3 Sim Não 0% 20% Em branco 80% Esta pergunta é de importância fundamental. a otimização do funcionamento dos atuais semáforos? Será.

90% dos entrevistados confirmaram que um entrevistados novo modelo de semáforo pode resolver ou melhorar os problemas por eles sofridos. melhores presentes que Brasília pode ganhar em seu aniversário. Isso acarretará numa reorganização do fluxo de veículos ão automotores e pedestres que posteriorment pode ser ampliada para toda a cidade posteriormente cidade. 33 . os semáforos como um todo e. Resultados esperados Espera-se obter melhorias na qualidade de vida dos motoristas e pedestres. pelo menos. Se o sistema for bem sucedido o trânsito da região escolhida.5-Você acha que um novo modelo de semáforo pode resolver ou. em particular. indicam que o projeto está no caminho certo. com bases nos cálculos e pesquisas realizadas pelo grupo. irá fluir da melhor maneira possível. Definitivamente a implementação deste novo controle de trânsito por fluxo será um dos ementação fluxo. amenizar os Você efeitos do problema selecionado na questão anterior? Pergunta 5 Sim Não 0% 10% Em branco 90% Temos com esta última pergunta mais uma confirmação da necessidade de melhora do sistema de trânsito. Pelo fato do trânsito se reorganizar de maneira mais eficiente é possível que as estatísticas do organizar DETRAN quanto à frota de veículos anuais aumentem ainda mais e a de acidentes em faixas com semáforo diminuam.

34 . Custo estimado do projeto 1. dentre outros gastos necessários aproximadamente 30000 reais. é de 2 anos. tinta de impressão. 4. Formato do Seminário O grupo abordara o assunto por meio do Seminário. Banner cerca de 200 reais 2. instalação 15 dias e manutenção que varia de acordo com o prazo de contrato. placa de laço magnético. variando de acordo com o contrato. Custo de implantação Custo com técnicos.arquitetos. flash simulando a solução e vídeos ilustrando o problema. eletricista. laço magnético aproximadamente 2000 reais 3. Custo de manutenção Custo de manutenção 2000 reais. pedreiros. usando slides.Tempo estimado de duração das fases do projeto Com base na experiência de um dos integrantes do grupo (técnico em eletrônica há 7 anos) estimamos que o tempo. Banner com descrição do projeto. para levantamentos de dados e montagem do circuito. maquina fotográfica. Custo de aquisição de tecnologia Componentes eletrônicos. Custo de pessoal Gasolina. testes 6 meses efetivo.

pdf> Acessado em 26 de junho de 2010. <http://www.br/tecnologia/pergunta_285876.gov. <http://www. NBR 6023: Informação e documentação – Referências .uol.detran.html> Acessado em 26 de junho de 2010. 2004. <http://www.sinaldetransito.br/semaforo-inteligente-atuado-pelo-fluxo-de-veiculos146746.ufpr.patentesonline.para PIC 16F628A.tubarao. Rio de Janeiro. 2002. ISBN 978-85-7194-867-9. ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS.br/bonde.php?id_bonde=1-3--68020100320&tit=troca+de+semaforos+pode+melhorar+fluxo+de+veiculos> Acessado em 26 de junho de 2010.br/eng_trafego_optativa/arquivos/SEMAFOROS_PARTEIIcap10.br/questao234.com.br/secretarias/comunicacao-social/noticias/semaforos-sincronizadosagilizam-fluxo-de-veiculos-no-centro-da-cidade> Acessado em 26 de junho de 2010. <http://www. São Paulo. <http://www. DESBRAVANDO O PIC: ampliado e atualizado .com.dtt.sc.df.com.com.htm> Acessado em 26 de junho de 2010.Elaboração. 35 .pdf> Acessado em 26 de junho de 2010.br/005/00502001. <http://mundoestranho. <http://www. 272 p.parana-online.Bibliografia do Trabalho SOUZA.br/artigos/uso_e_parametrizacao_de_semaforos_atuados_%20p elo_trafego. DAVID JOSE D.com.hsw.shtml> Acessado em 26 de junho de 2010.gov.abril.bonde.br/editoria/policia/news/117591/> Acessado em 26 de junho de 2010.asp?ttCD_CHAVE=7234> Acessado em 27 de junho de 2010 <http://carros.com. Érica. <http://www.

-elaboração de textos críticos. -levantamentos de dados estatísticos pertinentes ao projeto. -comentários críticos dos gráficos e das imagens. 36 . -apontador das tecnologias existentes no mercado. Gustavo Vinicius Martins Arvelos–09/0115830 -especificação das tarefas. -gerenciamento do grupo. -organizador do seminário. -estruturação do documento. -levantamentos de dados estatísticos pertinentes Gilvandson Costa Cavalcante – 09/0114949 Gregory Luiz Ribeiro – 09/0115244 ao projeto. -estruturação do documento. -organização da equipe.Ficha técnica do Seminário Nome do aluno e matrícula Atividades realizadas no planejamento do seminário -estruturação do documento. -elaboração de textos críticos. -análise críticas das filmagens. -confecções de gráficos. -pesquisa de campo. -registros de fotos e filmagens. -estruturação do documento. -especificação das tarefas. -pesquisa de campo. -pesquisador do funcionamento atual dos semáforos.

-texto crítico sobre as entrevistas. -preparação das imagens para o seminário. Souto – 09/0043561 -criação das animações em flash. -edição de vídeo. -realização das entrevistas. Haroldo do Rosário – 09/0115929 -levantamentos de dados estatísticos pertinentes ao projeto. Humberto Carneiro Ramos – 09/0116593 -elaboração dos questionários. 37 . -elaboração de textos críticos. -análise críticas das filmagens.-pesquisa de campo. -confecções dos gráficos das entrevistas. B. -pesquisador de tecnologias existentes. Marcelo Machado G.