Prof. Dr.

Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Bibliografia
ALONSO, M. S. & FINN, E. S. Física. Volume I, Ed. Edgar Blucher, São Paulo. HALLIDAY, D. et al.; Fundamentos da Física, volumes 1 e 2, Editora LTC – Livros Técnicos e Científicos S.A., Rio de Janeiro. RESNICK / HALLIDAY / KRANE ; Física, volumes 1 e 2, Editora LTC – Livros Técnicos e Científicos S.A., Rio de Janeiro. NUSSENZVEIG, H. M.; Curso de Física Básica, volume 1: Mecânica, Editora Edgard Blücher Ltda., São Paulo. TIPLER, P.A., Física. Vols. I e II, Editora LTC – Livros Técnicos e Científicos S.A., Rio de Janeiro. SERWAY, R.A.; Física, Volumes: 1 e 2, Editora LTC – Livros Técnicos e Científicos S.A., Rio de Janeiro.

Bibliografia complementar:
CUTNELL, J. D. & JOHNSON K. W., Physics, Ed. John Wiley & Sons. FEYNMAN R.; LEIGHTON, R. B. & SANDS, M. L., The Feyman Lectures on Physics. Vol. I. Ed. Addison-Wesley. SEARS, F. W. & ZEMANSKY, M. W. Física. Vol. I e II., Editora LTC – Livros Técnicos e Científicos S.A., Rio de Janeiro.

1 Medição Para expressar quantitativamente uma lei física necessitamos de um sistema de unidades. sendo as demais derivadas delas. aceleração (metro/segundo2) e força quilograma. para medir uma grandeza física é necessário definir a priori a unidade na qual esta grandeza será medida. massa(quilograma) e carga elétrica(Coulomb) são exemplos de unidades fundamentais. Existe uma enorme quantidade de grandezas físicas. Dr. .metro/segundo2) são exemplos de unidades derivadas. Do mesmo modo. Velocidade (metro/segundo). Tempo (segundo).Prof. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Capítulo . espaço (metro). mas apenas algumas são consideradas fundamentais.

1 watts = 1 W = 1 kg.Prof.m2/s3 . Dr. massa e tempo). Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Exemplos Unidades derivadas : Potência No SI Potência (W) Definida em termos de unidades fundamentais (comprimento.

89 x109 watts = 7.63 x 109 m 0.000.67 nanossegundos = 4.630.000 m = 4.Prof.67 ns .67 x 10-9 s = 4.000 000 246 s = 2.89 gigawatts = 7. Dr. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Um forma de expressar os números na física 4.89 GW 4.46 x 10-7 s Podemos utilizar os prefixos: 7.

Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Por razões históricas. Este conceito surge a partir da duração do dia. e mais tarde a noção de massa. de temperatura e etc. o tempo foi a primeira quantidade a ser mensurada. Com a evolução da humanidade e com os deslocamentos das comunidades surge o conceito de distância. de comprimento.Prof. Dr. . da presença da luminosidade do Sol. e a sua ausência: a noite. A partir da necessidade de quantificar as mercadorias para troca surge o conceito de peso.

Dr.6605402 x 10-27 kg. Onde: carbono-12 = 12 u u = 1.770 oscilações da luz (de um determinado comprimento de onda) emitida por um átomo de césio-133. Para medições em escala atômica. . definida em termos do átomo de carbono-12.Prof. Onde: c = 299.458 de segundo.192. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Conceitos Um segundo é o tempo necessário para que haja 9.792.458 m/s Massa de um quilograma é definido em termos de um padrão de platina-íridio mantido na França.792. O metro é a distância percorrida pela luz no vácuo durante um intervalo de tempo de 1/299. é usada em geral a unidade de massa atômica.631.

Mas a interação entre as sociedades. cada cultura tecnológica autônoma desenvolveu um próprio sistema de unidades. potência. calor específico.Prof. libra e etc. entropia e etc. pé. milha. de certo modo impôs que existisse uma uniformização para que as trocas contecessem de modo transparente e inteligível para as partes. A Inglaterra medieval era praticamente isolada comercialmente do resto da Europa e isso contribuiu para que lá se estabelecesse um sistema de unidades diferente do restante: polegada. corrente elétrica. De certo modo. Dr. campo eletromagnético. intensidade luminosa. . carga elétrica. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Outras grandezas surgem com o avançar da tecnologia e o desenvolvimento do método científico tais como: pressão.

kg Coulomb .cm/s2 = Dina g.m2/s2 = Joule CGS cm/s cm/s2 g.cm2/s2 = Erg . Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Algumas unidades fundamentais: Grandeza Comprimento Tempo Massa Carga elétrica Sistema Internacional .g Algumas unidades derivadas: Grandeza Velocidade Aceleração Força Energia Sistema Internacional . Dr.C CGS Centímetro .Prof.m/s2 = Newton kg.SI m/s m/s2 kg.SI Metro – m Segundo .cm Segundo .s Quilograma .s Grama .

Prof. Dr. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF .

Prof. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Mudança de Unidades Método de conversão em cadeia 1min/60s = 1 e 60s/1min = 1 2min = (2min)(1) = (2min)(60s/1min)=120s . Dr.

2ª ETAPA: FAZER UM ESQUEMA: Fazer um esquema ou desenho simples da situação ajuda a visualizá-la e a resolvê-la. mas podemos estar atentos aos detalhes para "visualizar" corretamente o que se está dizendo. quer dizer. Nem sempre entendemos tudo o que está escrito. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Como resolver problemas de Física 1ª ETAPA: LER O PROBLEMA: É preciso saber ler. ser capaz de imaginar a cena que o enunciado descreve. Dr. . Preste atenção que uma frase como "dar ré“ indica o sentido do movimento do objeto em questão. Procure indicar em seus esquemas informações básicas como o sentido e os valores envolvidos.Prof.

Sabemos que é possível resolver a nossa questão porque há a conservação da quantidade movimento total de um sistema. Com isso. Quer dizer. a soma das quantidades de movimento antes e depois do choque deverá ter o mesmo valor. que pode nos levar a resultados errados.Prof. Se achar que há um erro. você consegue montar as contas. Não queremos saber somente o número. DESCONFIE DOS NÚMEROS!!! Existe uma coisa que se chama erro nas contas. 4ª ETAPA: INTERPRETE OS VALORES. mas também o que aconteceu. Se o número insistir em lhe dizer coisas absurdas. Olhando para ele você deve ser capaz de chegar a alguma conclusão. O número deve nos dizer isso. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF 3ª ETAPA: MONTE AS EQUAÇÕES E FAÇA AS CONTAS: Uma equação só faz sentido se você sabe o que ela significa. . Pense bem no que o número está lhe dizendo e avalie se é uma coisa razoável. Dr. (A ETAPA MAIS IMPORTANTE!) Muito bem. você achou um número! Mas ainda não resolveu o problema. considere a possibilidade de que aquilo que você esperava não ser realmente o que acontece na prática. confira suas contas e o seu raciocínio.

Prof. A) Expresse esta velocidade em metros por segundo. Dr. Uma braça (fath) vale exatamente 6 pés (ft).5 braças por minuto.28ft) = 1. 36.11 m/s . Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Exemplos : 1-1 O submarino de pesquisa ALVIN está mergulhando com uma velocidade de 36.5 fath/min = (36.5fath / min) (1min / 60s) (6ft / 1fath) (1m / 3.

Dr. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF B) Qual é a velocidade em milhas por hora? 36.5fath / min) (60min / 1h) (6ft / 1fath) (1mi / 5280ft) = 2.49 mi/h .5 fath/min = (36.Prof.

Prof.46 x 1012 km. ou seja.16 x 107s/1a) = 3. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF C) Qual é a velocidade em anos-luz por ano? Obs: Um ano-luz (al) é a distância que a luz viaja em 1 ano.71 x 10-9 al/a . Partindo de: 1.11 m/s = (1. 9. Dr.11 m/s)(1 al/9.46 x 1012 km) x (1 km/1000m) (3.

Prof. Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Exemplos : 1-2 Quantos centímetros quadrados tem uma área de 6. Dr.0(km)(km)x(1000m/1km)(1000m/1km) x(100cm/1m)x(100cm/1m) = = 6.0 km2? 6.0 (km)(km) = 6.0 km2 = 6.0 x 1010 cm2 .

28 ft/s / 2.Prof.24 mi/h) = 88ft/s . Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Exemplos : 1-3 Faça a conversão em cadeia de 60 milhas/hora em pés/segundo. Dr. 60 mi/h = 60 mi/h ( 3.

Armando Cirilo de Souza Curso : Física / UEMS-DF Exemplos : 1-4 Converta 70 km/h em m/s? 70 km/h = 70 (km/h)x(1000m/1km) (1h/3600s) = = 20 m/s ( aproximadamente) Pode-se usar: 1 m/s = 3.Prof.6 km/h = 3.6 km/h Obs: 1 m/s = 3.281 ft/s = 2.237 mi/h . Dr.