You are on page 1of 20

Grupo: Ana Laura Feijó Carolina Infante Patrícia Mariano Victor Nogueira

Michelangelo di Lodovico Buonarroti Simoni

. A família Buonarroti era de uma linhagem nobre. e com este convívio direto com o mármore. mas em decadência. província de Arezzo. região toscana. Ele cresceu nesse ambiente.Biografia Michelangelo di Lodovico Buonarroti Simoni nasceu em Caprese. Quando tinha 6 anos de idade sua mãe faleceu e ele foi entregue aos cuidados de uma ama de leite onde o pai dela e seu marido trabalhavam como cortadores de mármore na aldeia florentina de Settignano. e pode estudar as diversas técnicas de escultura. ele teve o seu primeiro contato com o cinzel e o martelo. como em um teste e depois na prova real com o mármore a chamada "pedra da luz" pelos gregos. na Itália em 06 de Março de 1475. Primeiro na rocha comum.

com todos os músculos e tendões. quando o volume de correspondência. arquitetura e posição entre os mais famosos na existência. e desde então. ele tem sido considerado um dos maiores artistas de todos os tempos. . esboços e reminiscências que sobrevivem também é levado em conta. Donatello. Um número de suas obras em pintura. ele é o artista mais bem documentado do século 16. Sua saída em cada campo durante sua longa vida foi prodigiosa. Em pouco tempo dominou tanto o que estudou que não houvesse postura e movimento que ele não pudesse desenhar. Foi considerado o maior artista vivo em sua vida. e dos escultores gregos e romanos. Penetrou nos segredos dos escultores antigos que sabiam representar a beleza do corpo humano em movimento. Masaccio.Michelangelo se dedicou profundamente ao estudo da obra de grandes mestres do passado: Giotto. escultura.

em Roma foi requisitado por um banqueiro que lhe encomendou "Baco.Obras A Madonna da Escada • Seu primeiro trabalho em relevo aos 15 anos de idade foi a "Madonna da escada". • Michelangelo aceitou logo quanto ao criar as esculturas para o mausoléu de Júlio II. Dizia ter nascido para esculpir e não pintar." • Também em Roma o Papa Júlio II (conhecido mais como guerreiro do que papa) encomenda os serviços de Michelangelo. • Aos 17 anos criou o baixo relevo a "Batalha dos Centauros". Primeiro o grandioso mausóleu dedicado ao Papa e depois o tão admirável teto da Capela Sistina para que ele o pintasse. . porém quanto a pintar o teto da Capela Sistina não lhe fazia gosto porque se considerava escultor e não pintor. • Como a fama de Michelangelo foi propagada além dos muros de Florença.

no Vaticano. David Pietà .Dois de seus trabalhos mais conhecidos são a Pietà e David. assim como a famosa pintura da Capela Sistina.

A pintura no teto da Capela Sistina no Vaticano foi perfeitamente e detalhadamente criada por Michelangelo. . e. Michelangelo decide pintar o teto da Capela.Devido às provocações recebidas por Bramante . pintou cenas relacionadas com as histórias do antigo testamento da Bíblia do livro do Gênesis. O artista utilizou a técnica de pintura afresco. A princípio ele iria pintar os doze apóstolos. mas não lhe agradou muito esta idéia.arquiteto oficial do papa Júlio II. Grande parte das figuras retratadas no teto da Capela Sistina foram concebidas como esculturas. muitas poses foram inspiradas em famosas esculturas gregas e romanas que Michelangelo admirava e estudava muito.

1506.Rafael Sanzio Autorretrato. .

Em seu ateliê Rafael criou sua primeira obra significativa. Giovanni era culto e bem relacionado na corte do duque Federico da Montefeltro. o qual faleceu em 1494. A sua primeira produção foi realizada em 1501. transformando Urbino em um centro cultural. Rafael foi introduzido à esta corte.Biografia Rafael Sanzio nasceu no dia 6 de abril de 1483. que provaram o poder de sua rica e diversificada imaginação. na cidade de Urbino. Seu pai lhe transmitiu o amor pela pintura e as primeiras lições do ofício. Era filho de Giovanni Santi. O Casamento da Virgem. especialmente na decoração dos aposentos do Vaticano. Já aos 11 anos. foi para Perúgia onde aprendeu com Pietro Perugino a técnica do afresco ou pintura mural. por 12 anos foi encarregado de obras de grande importância. e com a sua morte em 1494. Em 1500. um altar para a Igreja de San Nicola da Tolentino. Neste local. o mesmo tinha ideais renascentistas e apoiava todas as formas artísticas. Após 4 anos. em 1504. com 17 anos já era considerado um mestre. o papa Júlio II o convidou para trabalhar a seu serviço. onde adquiriu influência de Leonardo da Vinci e Fra Bartolomeu. A seguir encontram-se os principais fatos que ocorreram ao longo destes anos: . que ficaram conhecidos como stanze (salas) de Rafael. Neste mesmo ano ele se dirigiu para Florença. pintor não muito reconhecido e escritor de uma crônica famosa em rima.

mesmo ano em que criou Transfiguração. Rafael teve uma morte precoce em Roma. • Compôs o cenário para a peça cômica I suppositi. • Foi indicado para cuidar das antiguidades de Roma em 1517.• Em 1511 Rafael produziu: “Escola de Atenas”. de 1519. como pela graciosidade que cercava suas obras e também por uma perfeição sem igual. tapeçarias. planos arquitetônicos direcionados para edificações não religiosas e igrejas como a de Sant’Eligio degli Orefici. concluída depois por seus aprendizes. altares. Seu nome marcou a história do Renascimento. passando a coordenar a sequência dos trabalhos na Basílica de São Pedro. uma de suas obras principais. Nesta mesma ocasião ele passou a comandar as investigações arqueológicas então realizadas em Roma. cenografias e ornamentações sacras. Leão X. e realizou trabalhos. Afirma-se que ele foi vítima de uma febre muito severa. como retratos. do autor Ludovico Ariosto. Foi neste período que ele também decorou as galerias do Vaticano. Rafael tornou-se famoso especialmente pela produção de suas Madonas. . • Em 1515 ele é oficializado como arquiteto do Vaticano. Júlio II faleceu e Rafael tornou-se o artista dileto de seu sucessor. • Dois anos depois. no dia em que alcançava os 37 anos. obra diferenciada e importante.

Obras • • • • • • • • • • • Ressurreição de Cristo Escola de Atenas Madona e o Menino Entronado com Santos Francesco Maria della Rovere La Formarina Retrato de Maddalena Doni Retrato de Maddalena Doni A Sagrada Família As Três Graças Leão X Átila A Multiplicação dos Peixes A Multiplicação dos Peixes .

típicos de sua fase florentina. .Ressurreição de Cristo (1499–1502) Esta obra apresenta traços característicos de sua poética e estilo compositivo. com tendência ao equilíbrio e o gosto pelo movimento.

a composição é mais rica e mais livre e o colorido mais harmônico.Escola de Atenas (1510-1511) Considerada um dos ícones maiores da arte ocidental. Euclides e por fim o próprio Rafael. Bramante. possui o "Templo da Filosofia“ como tema. Aqui sua pincelada se mostra mais segura e acabada. Sócrates. as figuras possuem mais peso e volume. Aristóteles. . decorado com estátuas de deuses e relevos. em um edifício amplo. Nesta obra encontram-se pensadores como Platão. Diógenes. Pitágoras. Timeu.

. na Itália.Filippo Brunelleschi Estátua de Brunelleschi próxima ao Duomo de Florença.

para onde seguem séries de linhas paralelas. Essa descoberta de Brunelleschi foi mais científica que artística e ganhou grande importância entre os artistas. fazendo com que todas as medidas permanecessem medíveis. tornava-se possível reconstruir a planta de um edifício a partir do seu desenho em perspectiva. que consiste num processo geométrico de projetar o espaço numa superfície plana.Biografia Filippo Brunelleschi (1377 – 1446) foi o primeiro arquiteto renascentista a estudar com profundidade a arquitetura antiga buscando medir monumentos rigorosamente e procurando métodos para transpor as relações métricas para o papel. Sua principal característica é o ponto de fuga. pois era objetiva e racional. Assim. Através de seus estudos desenvolveu a perspectiva linear. . A perspectiva matemática tornou possível a representação de um espaço tridimensional numa superfície plana.

preciso e baseado em estudos científicos. Brunelleschi transformou a linguagem arquitetônica da época num sistema estável.Por meio de seus estudos e utilizando-se de criatividade. Brunelleschi fez seu aprendizado como ourives e escultor. introduzindo um novo tipo de abóbada cuja superfície curva era formada pela parte superior de uma cúpula de raio igual a metade da diagonal da parede quadrada na qual seria sobreposta. tornando-se engenheiro e projetista de edifícios. Brunelleschi criou uma abóbada “de uma só peça” simples e geometricamente regular. porém. Brunelleschi combinou os elementos clássicos sem quebrar o ritmo. . Com o ressurgimento das formas e proporções clássicas (greco-romanas). Em sua arquitetura existem diferenças entre o aspecto da engenharia e a utilização clássica. foi atraído pela arquitetura. Evitando as arestas e nervuras. Filippo foi o primeiro e único artista renascentista que conseguiu combinar a precisão da engenharia com os aspectos greco-romanos da Antiguidade. Ou seja.

.Obras Sua primeira grande obra foi a construção da cúpula da Catedral de Florença (Santa Maria del Fiore). para qual inventou um sistema de andaimes e um método de construção com tijolos. O Duomo da Catedral foi comparada às ruínas romanas.

Brunelleschi foi considerado o pai da engenharia moderna pelas suas descobertas como a perspectiva matemática. . onde foram projetados arcos de voltas perfeitas. em Florença. formando “medalhões” de forma simples. como vemos no Pórtico do Hospital dos Inocentes. Observando as obras do arquiteto percebemos sua segurança em incluir elementos clássicos nas edificações. no centro dos círculos. esculturas colocadas em espaços definidos entre eles.

também em Florença. observamos o típico esquema da fachada que abriga um arco central de volta perfeita ligando duas seções de colunas simétricas. construída entre 1430 e 1444. Em seu interior destaca-se a arquitrave interrompida que apóia as duas abóbadas de berço que suportam a cúpula hemisférica.Na Capela dos Pazzi. apresentadas de forma monumental. .

característico da arquitetura renascentista.O interior da Igreja do Santo Espírito em Florença mostra perfeitamente os critérios da perspectiva. o principal objetivo de Brunelleschi era racionalizar o desenho arquitetônico. Assim. Suas linhas horizontais convergem para um único ponto de fuga e as arquitraves contínuas sobre os arcos de volta perfeita. mantém o sentido geométrico e simétrico. .