You are on page 1of 23

REGISTRADORES

Circuitos Digitais Átila R. Lopes

Registradores

 Nos sistemas digitais as informações estão representadas por conjuntos de dígitos binários (palavras)  Atualmente, o tamanho da palavra é de 32, 64 ou 128 bits.  Um sistema digital deve possuir recursos de hardware que lhe permitam processar e armazenar simultaneamente conjuntos de n bits (n = tamanho da palavra)

Here comes your footer  Page 2

Memória principal.Flip-Flop.Registradores  os circuitos digitais responsáveis pelo armazenamento de informação são: . Here comes your footer  Page 3 . .Registrador. .

Here comes your footer  Page 4 .  Circuito digital formado por N flip-flops.Motivação: O flip-flop armazena apenas um bit de informação já um registrador é capaz de armazenas mais bits.Registradores Registrador  É utilizado para armazenar informações binárias. .  Constituídos de flip-flops D ou JK Mestre-Escravo ligados de forma encadeada onde a saída do anterior é ligada diretamente na saída do posterior  O tipo de ligação entre os flip-flop faz com que eles se comportem como um flipflop D. podendo armazenar N bits.

Here comes your footer  Page 5 .  Elemento de armazenamento básico: .Processadores possuem um conjunto de registradores .Os registradores ajudam a acelera o processamento .Registradores  Realizam conversão de dados em série para paralelo e vice-versa.os dados que estão sendo manipulados ficam armazenados próximo dos recursos de processamento (ULA e UC).

Registradores Ex: registrador de 4 bits feito com flip-flops D Here comes your footer  Page 6 .

Modo paralelo: mais de um bit que compõem os dados são recebidos e/ou transmitidos simultaneamente. em uma única linha.  Configurações básicas .Modo serial: os dados são recebidos e/ou transmitidos um bit por vez.Registradores  Possui 4 configurações diferentes. . dadas pelo modo como os dados (bits) entram e como são transmitidos do registrador para outro circuito. em mais de uma linha. Here comes your footer  Page 7 .

Registradores  De acordo com os modos de entrada e saída dos bits. Registrador série-série: Here comes your footer  Page 8 . os registradores podem ser classificados como: 1.

Registrador série-paralelo: Here comes your footer  Page 9 .Registradores 2.

Registradores 3 – Registrador paralelo-paralelo: Here comes your footer  Page 10 .

Registradores 4. Registrador paralelo-série Here comes your footer  Page 11 .

 O registrador de deslocamento pode ser usado para converter uma informação em série para paralela.Conversor Série-Paralelo  Paralelo: os bits da informação são apresentados simultaneamente. um após o outro.  Série: os bist da informação aparecem sequencialmente. Here comes your footer  Page 12 .

Here comes your footer  Page 13 .Entrada com o bit menos significativo primeiro.Entrada I = 0001 (I3 I2 I1 I0) .Conversor Série-Paralelo  Exemplo para análise: .Um pulso de clock para cada bit da informação.Saídas Q3 Q2 Q1 Q0 . . .Saída começa zeradas. .Atua na descida do clock.

o conteúdo do registrador está disponível em paralelo Here comes your footer  Page 14 .Após 4 pulsos.Conversor Série-Paralelo .

Registrador de Deslocamento (Shift Register) Here comes your footer  Page 15 .

 O funcionamento deste registrador depende da forma como são ativadas as entradas CK. MR. PL e S: Here comes your footer  Page 16 . sendo chamados também de registradores de deslocamento (shift registers).Registrador de Deslocamento (Shift Register)  São registradores que utilizam entrada e/ou saída seriais e os dados movimentam-se internamente.

Registrador de Deslocamento (Shift Register)  Pa. Qa também é a saída serial.  Qa. Qb e Qa fiquem resetadas (nível lógico “0”).  CK – entrada do pulso de clock: possibilita o deslocamento dos dados do registrador.  MR – entrada master reset: habilita as entradas clear (CL) de todos os flip-flops. fazendo com que as saídas Qd. Qc. Qc e Qd são as saídas paralelas. Qb.  PL .entrada paralela (parallel load): habilita as entradas paralelas transferindo-as para as saídas paralelas.  S – entrada serial: por onde os dados entram serialmente para serem armazenados no registrador. Pb. Here comes your footer  Page 17 . Pc e Pd são as entradas paralelas.

.  Se PR=”0” .  Se CL=1 .não mudam o valor da saída no flip-flop. o sinal de nível lógico “0” limpa. que está invertida: .para habilitar CL de cada flip-flop deve-se aplicar o sinal “0”. ou zera a saída de todos os flip-flops Here comes your footer  Page 18 .levam a saída à 0.não mudam o valor da saída do flip-flop.  Se CL=0 .Assim.levam a saída do respectivo flip-flop para “1”.  Observar que para habilitar as entradas CL de cada flip-flop existe uma única entrada MR. para evitar a confusão e a troca de sinais.Registrador de Deslocamento (Shift Register)  Se PR=”1” .

A cada pulso (clock) os bits saem de um flipflop e entram no próximo.Registrador de Deslocamento (Shift Register) 23/05 Modos de funcionamento do registrador de deslocamento: 1.Os bits são entram e saem do registrador na ordem da direita para esquerda. .A entrada paralela PL é desabilitada (PL=0) e os bits entram serialmente pela entrada S. . Série-série: .Para zerar o registrador deve-se habilitar o reset (MR=0) e desabilitá-lo em seguida (MR=1) antes da entrada de novos dados. . Here comes your footer  Page 19 .

Here comes your footer  Page 20 . Série-paralelo:  Procede-se de modo igual ao registrador série-série. com a diferença de que as saídas paralelas são obtidas diretamente das saídas Qa a Qd. para então efetuar a transmissão paralela.Registrador de Deslocamento (Shift Register) 2. deve-se aguardar o último pulso de clock para que a saída do último flip-flop do registrador seja atualizada com o último bit do dado de entrada.  Para isto.

Paralelo-paralelo:  Sempre que a entrada paralela for habilitada (PL=1) o registrador é resetado: . Here comes your footer  Page 21 .MR=0.  A transmissão do dado se faz da mesma forma que no modo anterior.  Caso alguns bits em Pa a Pd sejam “0”. então as respectivas saídas Qa a Qd não são modificadas. Pc e Pd são enviados às saídas dos flip-flops caso os valores sejam “1”.Registrador de Deslocamento (Shift Register) 3. permanecem em “0”. seguido de MR=1  Deste modo os bits em Pa. e como foram resetadas. Pb.

o registrador deve ser resetado e os novos dados podem entrar paralelamente.Registrador de Deslocamento (Shift Register) 4. a entrada de dados paralelamente só pode ser feita após o último bit do dado ser transmitido (deslocado) por Qa. dependente do sinal de clock. para que os bits saiam por Qa. Paralelo-série:  Neste modo a entrada se procede da mesma forma que no modo anterior. Here comes your footer  Page 22 . porém a transmissão dos dados se faz de forma serial.  Logo após.  Assim.

Serial: . . sendo mais lento. Here comes your footer  Page 23 .Paralelo: .exige mais linhas de entrada e/ou saída (mais circuitos ligados ao registrador). . pode-se notar que: .os bits deslocam-se em sincronia.Registradores  Nas diferenças entre o modo serial e o modo paralelo.fornece simultaneamente a entrada e/ou saída dos bits. sendo mais rápido.