Carla Francielle Jackson Naiara

que foi motivo de preocupação para a filosofia. . nasce como uma espécie de pantomima ou encenação. E essa pergunta levou a quatro possíveis respostas:  A linguagem nasce por imitação. na qual o gesto indica um sentido. a sede. particularmente do grito. a necessidade de abrigar-se e proteger-se.  A linguagem nasce pela imitação dos gestos. os humanos imitam pela voz os sons da natureza.  A linguagem nasce por necessidade: a fome. a necessidade de reunir-se em grupo para defender-se das intempéries. pois havia muitas divergências sobre a origem do assunto. isto é.Não se sabe ao certo a origem da linguagem. isto é.  A linguagem nasce das emoções.

 Já a psicologia experimental apareceu como uma ciência na Alemanha relacionada com os problemas da psicofísica. ou filosofia analítica. não é bem definida. . Essa escola segue basicamente duas vertentes: o positivismo lógico e a filosofia linguística.A escola dos analistas de linguagem. Comte foi um representante do positivismo e é considerado o fundador da sociologia como ciência. onde começa a ideia de psicologia e as suas vertentes. e Wilhelm Wundt fundou o primeiro laboratório de psicologia para desenvolver o controle experimental. e foi estudada por alguns filósofos. O positivismo lógico teve como referências Bertrand Russell e o Ludwig Wittgenstein.  A filosofia do positivismo lógico foi a que definiu muitos critérios para a ciência e a fundamentação na observação dos fatos.

Os filósofos Habermas e Apel desenvolveram a chamada ética do discurso. para Habermas. O discurso ético tem por critério de fundamentação das normas morais. * Uso estratégico da linguagem: É uma forma de uso típico de situações de engano e manipulação. uma interação comunicativa que não se propõe a trocar informações sobre algo. mas sim fundamentar as pretensões levantadas através da ação comunicacional. que diz que há algumas regras no uso da linguagem que condicionam algumas formas de agir. a linguagem.  Discurso significa. O agir é tratado pela ética. . A linguagem é compreendida como ação.

* Uso comunicativo da linguagem: Deixar bem claro o que pretende ao dizer algo. * A ética na psicanálise: A psicanálise é regida pela ética do inconsciente. * Falsos consensos: É bem comum que os que tenham mais dinheiro e poder consigam impor suas vontades aos outros.  A ética psicanalítica surge da relação entre psicanalista e analisando. permitindo o acesso à verdade do sujeito em relação à seus desejos. e tentar um acordo. assim como através da manipulação da informação. onde todos os envolvidos devem participar. que não deve ser forçado. . É na psicanálise que o sujeito é questionado sobre seu desejo.

 Formado em Medicina. passou da neurologia à psiquiatria. . 13 de abril de 1901 — Paris. Tornou-se importante figura do estruturalismo. 9 de setembro de 1981) foi um psicanalista francês.Jacques-Marie Émile Lacan (Paris. Teve contato com a psicanálise através do surrealismo e a partir de 1951. propõe um retorno a Freud.

Distingue-se do Sujeito do Inconsciente. através de atos falhos. "o desejo é o desejo do Outro". naqueles fenômenos que Lacan nomeia como "formações do inconsciente". onde o inconsciente se manifesta. do significante. juntamente com fenômenos como amor. Sua primeira intervenção na psicanálise é para situar o Eu como instância de desconhecimento. pois o Inconsciente seria autônomo com relação ao Eu.  O campo de ação da psicanálise situa-se então na fala. esquecimentos. . É o lugar das identificações e das relações duais. O Eu é situado no registro do Imaginário. então. no que é seguido por Lacan. A isto se refere o aforismo lacaniano "o inconsciente é estruturado como uma linguagem". E é no registro do Inconsciente que deveríamos situar a ação da psicanálise. ódio. instância simbólica. o significante precede e determina o significado”. enfim. chistes e de relatos de sonhos. é o campo da linguagem.  Esse registro é o do Simbólico. Lévi-Strauss afirmava que "os símbolos são mais reais que aquilo que simbolizam. agressividade. Lacan reafirma. a divisão do sujeito. ."o inconsciente é o discurso do Outro".

 As pessoas usam a linguagem somente para expressar necessidades e opiniões? Ou elas as manipulam pra atingir objetivos?  Os discursos políticos normalmente são éticos?  A internet influencia na linguagem das pessoas? No modo como elas pensam e agem? .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful