You are on page 1of 45

Pele e Anexos

Ciência Morfofuncional I
Histologia

Aspectos gerais da Pele

Epiderme

Derme

Hipoderme

EMBRIOLOGIA
Ectoderme: Epiderme e anexos

Mesoderma: Derme

EMBRIOLOGIA

Classificação dos epitélios Revestimento simples Revestimento estratificados .

Classificação dos epitélios Glandulares .

Classificação dos tecidos da pele Revestimento estratificado pavimentoso queratinizado Conjuntivo frouxo Derme: camada papilar Derme Conjuntivo denso não modelado Derme: camada reticular .

EPIDERME Epiderme Derme .

Epiderme Epiderme Derme .

Epiderme .

Junções Celulares: Resumo .

Células da epiderme  Queratinócitos  Melanócitos  Células de Langherans  Células de Merkel .

.Queratinócitos • Queratinócitos da epiderme (planta do pé) mostrando os prolongamentos celulares onde se localizam desmossomos.

Queratinócitos • Queratinócitos com queratina (demonstrada por imunocitoquímica)-azul .

Sem queratina Com queratina Esôfago x Pele .

Melanócitos  Originados da crista neural .

 Meninges.  Orelha interna.Melanócitos Os melanócitos não se encontram somente na pele!!!  Coróide (olho). .  Íris.

Melanócitos Camada espinhosa mostrando os depósitos localizados de melanina cobrindo os núcleos celulares. .

Doença de Addison Albinismo Vitiligo . Geralmente é causado pela ausência de atividade da tirosinase ou pela incapacidade das células de transportarem tirosina para o seu interior.Melanócitos • Doença de Addison: deficiência de cortisol leva ao aumento da síntese de hormônio adenocorticotrófico da hipófise aumentando a pigmentação da pele. • Albinismo: incapacidade hereditária dos melanócitos produzirem melanina. • Vitiligo: degradação e o desaparecimento de melanócitos em certas áreas da pele causando uma despigmentação localizada.

.Células de Langherans  Ramificadas e se localizam em toda a epiderme entre os queratinócitos. processam e apresentam aos linfócitos T.  São originadas de precursoras mielóides da medula óssea.  Capturam antígenos.

 Se localizam no estrato basal. .  São consideradas mecano-receptoreas (sensibilidade táctil).  Apresentam grânulos citoplasmáticos.Células de Merkel  Presentes em maior quantidade na pele da palma da mão e planta do pé.  Ficam em contato co fibras nervosas aferentes.

heparan sulfato proteoglicano e entactina . laminina.O sistema de fibras e a membrana basal  Somente no ME!!!!  Colágeno IV. fibronectina.

Pele espessa Pele fina Planta do pé x Superfície da mão .

DERME Derme .

DERME .

Camadas da derme Conjuntivo frouxo Derme: camada papilar Derme Conjuntivo denso não modelado Derme: camada reticular .

Camadas da derme Tecido conjuntivo onde se apóia a epiderme e une a pele ao tecido celular subcutâneo ou hipoderme.  Papilar (derme superficial): conjuntivo frouxo-vascularizada  Reticular (derme profunda): conjuntivo denso não modelado .

Constituintes da derme Células. Fibras e Substância fundamental amorfa .

HIPODERME Epiderme Derme Hipoderme .

. é uma reserva de energia e proporciona proteção contra o frio (a gordura é bom isolante térmico).  O panículo adiposo modela o corpo.  Contém tecido adiposo constituindo o panículo adiposo.HIPODERME  Tecido conjuntivo frouxo.

Adipócitos MEV do tecido adiposo da hipoderme .

Vasos e receptores sensoriais da pele  A pele é o receptor sensorial mais extenso do organismo!!!  Receptores livres na epiderme. folículos pilosos e glândulas. .  Receptores encapsulados e não encapsulados na derme e na hipoderme.

Krause e Ruffini).  Encapsulados São mecano-receptores. .Vasos e receptores sensoriais da pele  Livres São sensíveis ao toque e à pressão (receptores tácteis). estão muito presentes nos pontas dos dedos. Meissner. são sensíveis a variação de temperatura. nas palmas das mãos e plantas do pé (Pacini. dor e a coceira.

Receptores sensoriais Receptores livres e capsulados da derme .

 Unhas.  Glândulas apócrinas: sudoríparas. .Anexos cutâneos  Glândulas écrinas ou merócrinas: sudoríparas.  Unidade polisebácea (folículo piloso e glândula sebácea).

Anexos cutâneos .

Embriogênese glandular .

Embriogênese glandular .

Tipos de secreção Glândula apocrina Glândula holocrina Glândula écrina ou merócrina Sudoríparas 1 e 3 Sebácea 2 .

. cuja contração auxilia a expulsão do suor.Glândulas écrinas: sudoríparas  No epitélio glandular possui células mioepiteliais.

Unidade polisebácea: Glândula sebácea  Situa-se geralmente pilosos.  Proliferam e acumulam no citoplasma o produto de secreção . na derme e seus ductos desembocam nos folículos  Palma da mão e sola do pé não possui.  As células centrais do alvéolo morrem e se rompem . de natureza lipídica. .  São alveolares. formando a secreção sebácea.

. . .Bainha interna.Papila dérmica. . Componentes do Folículo piloso: .Cutícula do pêlo. . .Bainha externa.Folículo piloso  Começam a se diferenciarem no 3º mês da vida fetal. .Bulbo do pêlo.  A queratina dos pelos é do tipo dura (necessidade de cortar).Melanócitos.Medula e córtex do pêlo. .Membrana vítrea.

.  A camada córnea da epiderme forma a cutícula da unha.  É constituída essencialmente por escamas córneas compactas. fortemente aderidas umas às outras. Hiponíquio: estrato córneo inferior para adesão ao epitélio. Unha Lúnula: região crescente branco. São placas de células queratinizadas localizadas na superfície dorsal das falanges terminais dos dedos.  A porção proximal é a raiz da unha.

Unha Lúnula Corpo da unha Raiz da unha .

. . .Reconhecer o significado funcional das camadas da pele. .Descrever a base celular da pigmentação da pele.Reconhecer dois diferentes tipos de glândulas presentes na pele. .Entender as estruturas presentes no folículo piloso e seus componentes cutâneos associados.Resumir as diferenças essenciais entre pele espessa e pele delgada.Objetivos: .Reconhecer cinco camadas da epiderme em cortes histológicos de pele espessa. .