Profª Neisa

Canal

Mensagem

Resposta

Ambiente Campo Interacional

Não te amo mais.
Clarice Lispector

Não te amo mais. Estarei mentindo dizendo que Ainda te quero como sempre quis. Tenho certeza que Nada foi em vão. Sinto dentro de mim que Você não significa nada. Não poderia dizer jamais que Alimento um grande amor. Sinto cada vez mais que Já te esqueci! E jamais usarei a frase

Cinésica: linguagem do corpo Proxêmica: espaços interpessoais Tacêsica: toque Paralinguagem: voz, silêncio, entre outros

Motivação Emoções e sentimentos Conhecimento Tempo Limitações físicas e fisiológicas

“Quanto maior for nossa atenção aos sinais que o outro emite, nossa vontade de estar com ele e nossa capacidade de perceber os fatores que interferem na comuni-cação, maior compre-ensão teremos de nossas emoções.”

“ ...competência do profissional de saúde em usar o conhecimento sobre comunicação humana para ajudar o outro a descobrir e utilizar sua capacidade e potencial para solucionar conflitos, reconhecer as limitações pessoais, ajustar-se ao que não pode ser mudado e a enfrentar os desafios à auto-realização, procurando aprender a viver da forma mais saudável possível, tendo como meta encontrar um sentido para viver com autonomia.” (Stefanelli, 2005)

O ser humano não existe sem se comunicar.  A comunicação é um processo contínuo e não se repete do mesmo modo.  Cada ato comunicativo é um processo contínuo e não se repete do mesmo modo.  A comunicação entre as pessoas exige que a mensagem tenha um significado comum.

As pessoas agem de acordo com o significado que as coisas tem para elas.  As pessoas atribuem significado às coisas na relação com seus semelhantes.  Cada um modifica e manipula o significado dos fatos por meio de um processo interativo.  A comunicação é um dos componentes centrais da área da saúde.

Grupamento de expressão
 Ouvir

reflexivamente  Uso terapêutico do silêncio  Verbalizar a aceitação  Verbalizar o interesse  Usar frases com sentido aberto ou reticentes  Fazer pergunta  Devolver a pergunta feita

Grupamento de expressão (cont.)
 Usar

frases descritivas  Permitir ao paciente que escolha o assunto  Colocar em foco a idéia principal  Verbalizar dúvidas  Dizer não  Estimular a expressão de sentimentos subjacentes  Usar terapeuticamente o humor

Grupamento de clarificação
 Estimular

comparações  Solicitar ao paciente que esclareça termos incomuns  Solicitar ao paciente que precise o agente da ação  Descrever os eventos em seqüência lógica

Grupamento de validação
 Repetir

a mensagem do paciente  Pedir ao paciente repetir o que foi dito  Resumir o conteúdo da interação

Profª Neisa Lourenço

Prontuário: É o conjunto de documentos escritos relativos a determinada pessoa ou fato.  Prontuário do Paciente: É o conjunto de documento e informações referentes a um paciente e sua doença escrito de modo claro e conciso.

Registros de saúde ou do paciente
 Relatório

permanente dos problemas de saúde de um indivíduo;  Planilha de informações para equipe, indivíduo/paciente e convênios;  Garantia de qualidade no atendimento;  Qualificação (Joint Commission);  Pesquisa;  Evidência legal

Folha de identificação  Informações médicas  Plano de cuidados  Documentação de enfermagem  Registro de medicamentos ministrados  Documentação da Equipe Multiprofissional  Resultados de exames e testes

 Identificação

Social - nº de registro, nome completo, endereço, residência e trabalho, idade, cor, filiação,naturalidade, nacionalidade, estado civil, nome do cônjuge, nº de filhos, termo de responsabilidade, relatório do serviço social;  Econômico - Profissão, nº de horas de trabalho, salário, situação

     

História e exame físico Folha de prescrição médica Anotações médicas sobre evolução do paciente Sistematização da Assistência de Enfermagem Equipe multiprofissional Exames complementares: laboratório, raio x, eletrocardiograma, eletroencefalograma; Relatório de cirúrgia: anestesia,

Enfermagem:

Histórico de Enfermagem
   

Origem e história; Relacionamento hereditário; Hábitos pessoais; Exame físico: interrogação sobre os diversos aparelhos;

     

Diagnósticos de Enfermagem Prescrição de Enfermagem Evolução de Enfermagem Anotações de enfermagem; Gráficos de T.P.R. (Temperatura, Pulso, respiração) e P.A. (Pressão arterial); Gráfico de balanço hídrico;

Equipe Multiprofissional:

Anamnese/Histórico;
 Queixa

principal;  Origem e história;  Relacionamento hereditário;  Hábitos pessoais;  Exame físico: interrogação sobre os diversos aparelhos;

Evolução diária

Base de dados: informações iniciais à saúde  Lista de problemas do paciente  Plano inicial  Anotações de evolução

Narrativo  SOAP  Por Foco  Por Exceção  Computadorizado

 Proteção

dos dados

Políticas institucionais  Uso de abreviaturas  Horário na documentação

 

http://www.saturei.com/doencas_e_patologias/ prontuario.html Timby B K. Registro e Relato. In: Conceitos e Habilidades Fundamentais no Atendimento de Enfermagem. Porto Alegre: Artes Médicas, 2001. São Paulo (Estado). Secretaria de Estado da Saúde. Fórum de patologias do Estado de São Paulo. São Paulo, 1994

(Portaria do Ministério da Saúde nº1286 de 26/10/93 - art.8º e nº74 de 04/05/94)

Volpe M C M. Cartilha Direitos do Paciente [on line]. NAPACAN. Disponível em: [http://www.napacan.org.br/Cartilha.pdf]