You are on page 1of 26

Metodologia dos 5 S´s

Eliseu Carrilho Realinho realinho.eliseu@gmail.com www.qvolegis.pt

Conteúdos e Objectivos da Sessão
• Conteúdos programáticos da sessão: – Conceitos básicos dos 5S´s – Origem dos 5S´s – O que é o programa 5S´s
• Objectivos pedagógicos da sessão: – Conhecer os principais conceitos dos 5S´s.

Eliseu Realinho

Introdução Eliseu Realinho .

Quebrou-se o paradigma. as corporações tornaram-se enxutas e extremamente organizadas. Com a tão falada e comentada globalização. de que os parques industriais deveriam ser grandes e imponentes. as empresas obrigam-se a buscar incessantemente a modernização. ou seja.Introdução O final do milênio apresentou inúmeras mudanças no contexto empresarial. como parte da Gestão da Qualidade Total. surge como um dos caminhos para alcançar a modernidade e competitividade Eliseu Realinho . A ferramenta 5S.

praticadas de forma persistente e honesta. Em decorrência deste facto. Esta ferramenta tem como vantagem. principalmente no que tange. mas como parte da Gestão da Qualidade Total. Torna-se importante salientar que esta ferramenta é um programa japonês de educação básica e não deve ser encarada como solucionadora de todos os problemas da empresa. a idéia de que a melhoria de pequenas coisas. Os 5S procuram difundir por toda a empresa.Introdução A cultura ocidental difere da oriental em vários aspectos. atinge resultados extraordinários. a sua simplicidade de implementação. pode ser aplicada com facilidade em qualquer nível hierárquico. a importância dada a pequenas coisas do dia-a-dia. Eliseu Realinho .

Tais organizações e seus resultados incluem: Centro de Suporte da Hewlett-Packard Melhorou os níveis de qualidade da comunicação e troca de informações Redução do ciclo de formação para novos empregados Redução de reclamações Redução do tempo de atendimento por cliente Boeing Melhoria da produtividade Maiores níveis de qualidade da produção Maior segurança Melhor Desempenho Eliseu Realinho .? 5S num contexto de negócios A metodologia 5S foi adoptada em várias organizações. Toda a implementação do 5S visa a melhorar a produtividade e o desempenho.. Roland dão exemplos[ de usos do 5S no contexto de negócios. Jim & Smith..SABIA QUE. Peterson. desde pequenas empresas até as grandes corporações.

Conceitos básicos dos 5S´s Eliseu Realinho .

Várias sugestões foram feitas e diversas palavras são utilizadas para representar cada S. em português. seiketsu e shitsuke. Traduzi-las para uma única palavra. seisou.Conceitos básicos dos 5S´s Definindo os 5S O nome deste programa vem de palavras japonesas iniciadas com a letra S: seiri. é uma tarefa bastante difícil porque o idioma japonês expressa-se através de idéias e conceitos generalizados. seiton. alcançou-se um denominador comum. abaixo relacionado: Eliseu Realinho . No entanto.

comprometimento educação). para seiketsu.Conceitos básicos dos 5S´s para seiri foi escolhida a palavra UTILIZAÇÃO (também foram sugeridas arrumação. ASSEIO (outras opções levantadas: higiene. (foram votadas e também: harmonia. para seiton. AUTODISCIPLINA disciplina. lógica e prática). organização e classificação). seleção. Eliseu Realinho . para shitsuke. para seisou. LIMPEZA (foi cogitada a palavra zelo). pureza e integridade). saúde. ORDENAÇÃO (outras palavras votadas: sistematização.

utilizando as ferramentas e métodos da Qualidade Total através do Ciclo PDCA Plan (Planear).SABIA QUE. Action (Agir para corrigir).. esse programa tem como ponto central de suas actividades. a análise de processos. Eliseu Realinho .? Programa de melhoria contínua Etapa final da implantação e sínteses de todas as práticas da Qualidade Total.. Do (Fazer). a solução de problemas e a padronização de rotinas. Check (Verificar).

Pode parecer que a intenção foi a de procurar manter a marca consagrada do nome do programa. limpeza. ordenação. asseio e autodisciplina. Mas. na verdade. ao optar-se por uma expressão iniciada com S na tradução para o português. Eliseu Realinho . SENSO traduz com perfeição as idéias de atitude e de prédisposição para gerar os comportamentos de utilização.Conceitos básicos dos 5S´s Decidiu-se também pela colocação da expressão “SENSO DE” na frente das cinco palavras escolhidas.

é o facto de que os 5S deveriam estar presentes na nossa vida quotidiana. mas também em casa. que deve ser referenciado. nas casas de banho.Conceitos básicos dos 5S´s Um aspecto muito importante. nos ambientes de lazer. Eliseu Realinho . Sendo aplicados não só no trabalho. tornando-se um hábito quotidiano de todos os cidadãos. nos restaurantes.

os seus principais papéis são: libertar áreas. o 5S gerou resultados diferentes de um para outro local. Eliseu Realinho . Com isso. a partir da década de 90. Na indústria. evitar desperdícios. por não usar expressões exclusivas do meio empresarial.Origem dos 5S´s O 5S surgiram no Japão no início dos anos 1950. melhorar relacionamentos. Trata-se de uma sigla formada pelas iniciais de cinco palavras japonesas. A tradução que adoptamos é uma das mais praticadas. facilitar as actividades e localização de recursos disponíveis. Alguns “S” foram traduzidos usando palavras variadas. É a tradução adequada a qualquer lugar onde se vive. em empresas e escolas.

Círculo de Controle da Qualidade. cujo princípio era popularizar os conceitos de estatística aplicada à qualidade. não existe nenhuma citação nos seus próprios livros sobre esta suposta referência. Porém.Origem dos 5S´s Não há uma convergência de informações sobre a real origem do 5S. Engenheiro Químico japonês e principal pregador dos conceitos de qualidade total naquele país. Alguns autores citam que foi criado pelo saudoso Dr. Kaoru Ishikawa. através de grupos de trabalhos compostos por funcionários de níveis operacionais. Esta referência deve-se ao facto ter sido o Professor Ishikawa o responsável pela criação do CCQ . Eliseu Realinho .

Origem dos 5S´s O que se sabe é que o 5S foi criado com o objectivo de possibilitar um ambiente de trabalho adequado para uma maior produtividade. Isto ocorreu no início da década de 50. produtos com preço e qualidade capazes de competir na Europa e Estados Unidos. Eliseu Realinho . momento em que o Japão se tentava reerguer da derrota sofrida na Segunda Grande Guerra e as indústrias japonesas necessitavam colocar no mercado.

o Japão passou a ser foco de pesquisas. Círculos de Controle de Qualidade – CCQ. Desta forma.Origem dos 5S´s Após se transformar numa grande potência económica. desejando conhecer as ferramentas de gestão utilizadas para justificar os seus grandes ganhos de produtividade (Qualidade Total. o 5S passou a ser adoptado por várias organizações do mundo. Sistema de Produção Just-In-Time – JIT. Eliseu Realinho . Manutenção Produtiva Total – TPM. o princípio de melhoria contínua – KAIZEN). Porém. como um prérequisito dos seus modelos de gestão. todas as organizações japonesas são unânimes em afirmar que o 5S é a base física e comportamental para o sucesso destas ferramentas gestão. por parte de organizações de outros países.

higiene e traz eficiência e qualidade. pois traz benefícios a todos que convivem no local. inclusive em residências. as condições de trabalho. melhora o ambiente.Programa 5S´s O Programa 5 S tem aplicabilidade em diversos tipos de empresas e órgãos. saúde. Eliseu Realinho .

educar a população e o pessoal envolvido directamente com o método para aprimorar e manter o Sistema de Qualidade na produção.Programa 5S´s Objectivos do programa: Baseado em sua própria elaboração. facilita a implementação do programa. A consciencialização dos integrantes da importância dos conceitos e de como eles devem ser usados. o Método 5S visa a combater eventuais perdas e desperdícios nas empresas e indústrias. Eliseu Realinho . É importante a alteração no comportamento e atitudes do pessoal.

Programa 5S´s A abordagem do programa deve ser aplicada como hábito e filosofia. Eliseu Realinho . não apenas no „house keeping”(cuidar da casa).

Eliseu Realinho . facilitará a identificação de materiais.Programa 5S´s O programa 5S auxiliará na reorganização da empresa. eliminação de itens obsoletos e melhoria na qualidade de vida e ambiente de trabalho para os membros da equipe.

Eliseu Realinho . sendo também um “prérequisito” para a consolidação da fase seguinte.Programa 5S´s Cada fase está intimamente ligada à outra. fica mais fácil dar continuidade à implementação do método. Uma vez iniciado o processo. Consequentemente. haverá consolidação do Sistema da Qualidade e melhoria do desempenho geral no sector.

e consequentemente o custo extra também. pode-se eliminar o desperdício. estas cinco fases ajudarão também a implantar o Sistema da Qualidade. Eliseu Realinho .Programa 5S´s Planeamento e Prática dos Conceitos De acordo com o conceito japonês.

É uma questão de quão rápido podemos obter aquilo de que necessitamos..? • Organizar consiste na procura contínua da eficácia.SABIA QUE.. Eliseu Realinho .

técnicos e funcionários. Eliseu Realinho . Também é uma oportunidade de reciclagem dos conhecimentos de cada um e harmonização da equipe.Programa 5S´s A formação dos membros da equipe. Com os novos programas de formação. deve ser periódica e o acompanhamento deve ser constante. avaliações do pessoal. as melhoras e o que ainda pode ser feito. a equipe pode verificar os resultados.

ou seja. as 3 primeiras fases são a base para o sucesso da implementação do programa.” “Ordenar é identificar.” “Os três primeiros Ss.” “O ambiente mais limpo não é o que mais se limpa. “Organização do pessoal reflecte organização do ambiente.Programa 5S´s Ideias principais do Método 5S: „Se você sabe e não faz. desde que usada na medida certa.” “ A tolerância também é uma ferramenta de trabalho.” “Todo o trabalho tem de ser feito em equipe. e sim o que menos se suja. é como se não soubesse.” Eliseu Realinho .

BIBLIOGRAFIA DE APOIO • • • • RIBEIRO..com www. (2010) Eliseu Carrilho Realinho realinho. (2010) US • “The 5s Reference Guide”. (2000) “Monografia – MBA em Gerência Empresarial” “Guia para a auto-implementação da metodologia 5S” Curso “The 5S Workplace Organization Web-based Training” RESOURCE ENGINEERING.eliseu@gmail. “A Bíblia do 5S” MENDES.qvolegis. Quality Training Portal. INC. Haroldo. Sérgio R. (2006).pt . A.