UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO

Química Analítica Quantitativa
Docente: Arlan de Assis Gonsalves

Determinação da Dureza da Água por Titrimetria de Complexação de Substituição

Francisco Glaudson Reísa Pinheiro

como o calcário (CaCO3) ou a dolomita (CaCO3. A dureza da água é medida geralmente com base na quantidade de Partes por Milhão (ppm) de Carbonato de Cálcio (CaCO3). Alumínio. também representada como mg/L de Cálcio CaCO3. cloretos (Cl-) e sulfatos (SO42-). na forma de bicarbonatos (HCO3-). Os íons são provenientes de depósitos subterrâneos. MgCO3) que agregam à composição da água uma quantidade excessiva de íons Ca2+ e Mg2+. Cobre e Zinco são outros cátions associados a estes dois minerais. nitratos (NO3-). principalmente sais de Cálcio e Magnésio. Ferro.O Que Significa Água Dura?  Água com altas concentrações de minerais. que geralmente são mascarados ou precipitados antes da determinação.    .

htm .com/chemistry.mongabay.Classificação Química da Água Quanto a sua Dureza Classificação Muito mole Mole Média Dureza Dura Muito Dura Concentração (ppm) 0 a 70 ppm 70-135 ppm 135-200 ppm 200-350 ppm Acima de 350 ppm Fonte: http://fish.Water Chemistry .

Agregação dos cristais de Cálcio e Magnésio nas paredes de tubulações de caldeiras industriais. causando diminuição da eficiência na geração do vapor e aumento da temperatura da película do metal.   .Consequências da Utilização da Água Dura  Dificuldade na lavagem de materiais utilizando sabão. Toxicidade ao organismo caso seja usada para consumo. rompimento dos tubos e explosões.

A Titrimetria de Complexação Titulante – EDTA (concentração conhecida) Cátion metálico (analito) – (concentração desconhecida) + Indicador Metalocrômico .

   O EDTA irá se complexar com o cátion metálico (analito de interesse). A Complexação de um íon metálico por mais de um ponto de coordenação pelo ligante polidentado é chamado de quelação. permitindo a identificação da concentração deste metal. Os compostos que complexam desta forma se chamam agentes quelantes e o produto final de quelato. . Forma complexos estáveis com muitos dos cátions metálicos existentes.EDTA – Ácido Etilenodiaminotetracético  Ligante Polidentado.

. Possuem a capacidade de formar complexos bastante coloridos com os cátions metálicos de interesse.Os Indicadores Metalocrômicos  São corantes orgânicos utilizados em titulações de complexação com EDTA. A Kf do complexo metal-indicador deve ser menor que a Kf complexo metal-EDTA. do     O ÉRIO T (Negro de Eriocromo T ou NET) foi o indicador da aula prática. O complexo metal-indicador deve possuir coloração diferente do indicador não complexado.

 Titulante – EDTA (Y4-) Cátion Metálico (Mn+) + NET (Inm-) .A Titulação Complexométrica pode ser de dois tipos: Direta: Utiliza-se o EDTA como agente titulante e o NET como indicador.

Reações da Titrimetria Complexométrica Direta  Antes de Iniciar a Titulação: Mn+ + InmMetal Azul MInm-n Vermelho Vinho  Durante a Titulação: Mn+ +  Y4EDTA MY-(4-n) Incolor No ponto final da titulação: MInm-n + Y4- MY-(4-n) + InmAzul .

Titrimetria Complexométrica Indireta ou por Substituição .

0044 mol/L Volume Médio Gasto de EDTA: V= 13.01 x 372.24 x 0.376 g 1mol EDTA -----.37224 g Massa Real Pesada de EDTA: m1= 0.9 ml .025 M= 0.008 mol/L Solução de ZnSO4 : M= 0.1 m1= 0.1mol ZnSO4 nEDTA=nZnSO4 MxV= MxV M x 0.0139= 0.Determinação da Concentração Real de EDTA Massa Teórica de EDTA m1= M x MM x V (L) m1= 0.0044x0.

43 x 10-4 mols de EDTA 1mol EDTA--------1mol CaCO3  (MM=100.Cálculo do ppm da Água Molaridade Real do EDTA: 0.3mg de CaCO3 em 25ml de Solução Wmg de CaCO3 em 1000ml de Solução W= 572mg CaCO3 / L de Água ou 572 ppm .Z g CaCO3 Z= 0.008 mols de EDTA----------1000ml Y ----------------------------------17.09g)  Então: 1mol EDTA-------------------------.09g CaCO3 1.86ml Y= 1.008 mol/L 0.100.43 x 10-4 mols de EDTA-------.0143g  14.

65ppm .2ppm 692ppm Grupo VII Grupo VIII Média dos Resultados: = 631.Resultados de todos os Grupos 570ppm 572ppm 580ppm 642ppm 652ppm 672ppm Grupo 1 Grupo II Grupo III Grupo IV Grupo V Grupo VI 673.

016 Grau de Confiança de 95% Qcalc < Qtab (0.526)  Este resultado NÃO pode ser rejeitado sem que comprometa a confiabilidade dos resultados! .Aplicação do Teste Q Valor Suspeito: 570ppm Q= 1570 – 5721 / (692 – 570) Qcalc= 0.

526)  Este resultado NÃO pode ser rejeitado sem que comprometa a confiabilidade dos resultados! .154 Grau de Confiança de 95% Qcalc < Qtab (0.21 / (692 – 570) Qcalc= 0.Aplicação do Teste Q Valor Suspeito: 692ppm Q= 1692 – 673.

03  Coeficiente de Variação (CV): = 3% . 922  Desvio Padrão Relativo (RSD): = 0. RSD E CV  Desvio Padrão (s) = 18.Desvio Padrão.

36 = 631.36 x (18.85 647.Intervalo de Confiança – Com Grau de Confiança de 95% ttab= 2.65 ± 2.45 .65 ± 15.922÷ √8) = 631.8 615.