You are on page 1of 26

Projetos Mecânicos

Elementos de transmissão de potência

José Queiroz - Unilins

Elementos de Transmissão de Potência

2

movimentadas pela rotação do eixo do motor e pelas correias. A face é ligada a um cubo de roda mediante disco ou braços. na qual se enrola a correia. 3 . Uma polia é constituída de uma coroa ou face.Elementos de Transmissão de Potência Polias e correias Polias: As polias são peças cilíndricas.

Essa superfície pode ser plana ou abaulada. 4 . As polias planas podem apresentar dois formatos na sua superfície de contato.Elementos de Transmissão de Potência Polias e correias Tipos de polia: Os tipos de polia são determinados pela forma da superfície na qual a correia se assenta. Elas podem ser planas ou trapezoidais.

As polias apresentam braços a partir de 200 mm de diâmetro. 5 . e a polia com superfície abaulada guia melhor as correias. a coroa é ligada ao cubo por meio de discos. Abaixo desse valor.Elementos de Transmissão de Potência Polias e correias Tipos de polia: A polia plana conserva melhor as correias.

Elementos de Transmissão de Potência Polias e correias Tipos de polia: A polia trapezoidal recebe esse nome porque a superfície na qual a correia se assenta apresenta a forma de trapézio. 6 . As polias trapezoidais devem ser providas de canaletes (ou canais) e são dimensionadas de acordo com o perfil padrão da correia a ser utilizada.

Variáveis para dimensionamento das polias trapezoidal Essas dimensões são obtidas a partir de consultas em tabelas. .

8 . as palavras roda e polia são utilizadas como sinônimos. para correntes. polias (ou rodas) de atrito. polias para correias redondas e para correias dentadas. Algumas vezes. existem as polias para cabos de aço.Elementos de Transmissão de Potência Polias e correias Além das polias para correias planas e trapezoidais.

Elementos de Transmissão de Potência 9 .

Elementos de Transmissão de Potência 10 .

pois.Elementos de Transmissão de Potência Material das polias Os materiais que se empregam para a construção das polias são ferro fundido (o mais utilizado). A superfície da polia não deve apresentar porosidade. do contrário. 11 . aços. ligas leves e materiais sintéticos. a correia irá se desgastar rapidamente.

A correia em . ou trapezoidal é inteiriça. É feita de borracha revestida de lona e é formada no seu interior por cordonéis vulcanizados para suportar as forças de tração.V. fabricada com seção transversal em forma de trapézio.Elementos de Transmissão de Potência Correias As correias mais usadas são planas e as trapezoidais. 12 .

é preferível ao da correia plana porque: · praticamente não apresenta deslizamento. 13 .Elementos de Transmissão de Potência Correias O emprego da correia trapezoidal ou em . · permite o uso de polias bem próximas. típicos das correias emendadas (planas). · elimina os ruídos e os choques. Existem vários perfis padronizados de correias trapezoidais.V.

como no comando de válvulas do automóvel. para casos em que não se pode ter nenhum deslizamento. 14 .Elementos de Transmissão de Potência Correias Outra correia utilizada é a correia dentada.

Elementos de Transmissão de Potência Material das correias Os materiais empregados para fabricação das correias são couro. materiais fibrosos e sintéticos (à base de algodão. perlon e náilon) e material combinado (couro e sintéticos). viscose. 15 .

a polia que transmite movimento e força é chamada polia motora ou condutora. A polia que recebe movimento e força é a polia movida ou conduzida.Elementos de Transmissão de Potência Transmissão Na transmissão por polias e correias. A maneira como a correia é colocada determina o sentido de rotação das polias. temos: 16 . Assim.

Elementos de Transmissão de Potência Transmissão 17 .

18 .Elementos de Transmissão de Potência Transmissão Para ajustar as correias nas polias. mantendo tensão correta. utiliza-se o esticador de correia.

Ela é a relação entre o número de voltas das polias (n) numa unidade de tempo e os seus diâmetros.Elementos de Transmissão de Potência Relação de transmissão Na transmissão por polias e correias. Para estabelecer esses limites precisamos estudar as relações de transmissão. para que o funcionamento seja perfeito. 19 . é necessário obedecer alguns limites em relação ao diâmetro das polias e o número de voltas pela unidade de tempo. Costumamos usar a letra i para representar a relação de transmissão.

Elementos de Transmissão de Potência Relação de transmissão A velocidade tangencial (V) é a mesma para as duas polias. e é calculada pela fórmula: 20 .

Relação de transmissão .

ELEMENTOS DE MÁQUINAS EXERCÍCIOS Os dados que você tem são: a velocidade do motor e os diâmetros das polias motoras e movidas. 22 . A máquina tem quatro conjuntos de polias semelhantes ao mostrado na figura a seguir.

São conjuntos parecidos com os mostrados na ilustração a seguir.n1 D 2 = n 2 D1 ELEMENTOS DE MÁQUINAS Cálculo de rpm em conjuntos redutores de velocidade Os conjuntos redutores de velocidade agrupam polias de tamanhos desiguais de um modo diferente do mostrado com a furadeira. 23 .

ELEMENTOS DE MÁQUINAS 24 .

Calcule a rotação do eixo. Sabendo que a polia movida tem 30 cm de diâmetro e desenvolve 1200 rpm.ELEMENTOS DE MÁQUINAS Exercício 2 Um motor que possui uma polia de 160mm de diâmetro desenvolve 900 rpm e move um eixo de transmissão cuja polia tem 300mm de diâmetro. Exercício 3 Uma polia motora tem 10 cm de diâmetro. Exercício 4 Se a polia motora gira a 240 rpm e tem 50 cm de diâmetro. que diâmetro deverá ter a polia movida para desenvolver 600 rpm? 25 . calcule o número de rpm que a polia motora desenvolve.

D3 = 80mm e D4 = 400mm. o eixo motor desenvolve 1000 rpm. Os diâmetros das polias medem: D1 = 150mm. Determine a rpm final do sistema.ELEMENTOS DE MÁQUINAS Exercício 5 No sistema de transmissão por quatro polias representado abaixo. D2 = 300mm. 26 .