You are on page 1of 6

Freud e as repercussões da psicanálise na arte

HCA – 12º ANO Módulo 9 (A Cultura do Cinema)

Interessou-se inicialmente pela histeria e. com interesses pelo inconsciente e as pulsões dos indivíduos. estudou pessoas que apresentavam esse quadro.►O contributo de Sigmund Freud (1856-1939) na procura do “Eu” ► Foi um médico judeu austríaco neurologista. Mais tarde. . tendo como método a hipnose. desenvolveu o método de estudo da associação livre de ideias e da interpretação dos sonhos. e fundador da psicanálise.

no conhecimento da natureza humana. e. sobretudo.Os estudos de Freud tiveram impacte em: ciência e medicina de clínica psiquiátrica. através do modelo psicossexual. fundado em Zurique em 1916. exaltou a espontaneidade. história da arte e dos artistas. Freud e o Dadaísmo ► A sua linha de interpretação afectou os movimentos artísticos dos inícios do séc. XX (dadaísmo e surrealismo). . ► O Dadaísmo. a anarquia e o individualismo na criação. desafiando os valores e a ordem estabelecida.

o revolucionário Cabaré Voltaire. aberta logo depois. Colónia. os dadaístas faziam reuniões. política. mais tarde o movimento expandiu-se para Berlim. de início. . Nova York e Barcelona. religiosa e moral. Hanover e Paris. lançavam manifestos. procurando subverter a ordem existente .► ► O movimento Dada surgiu como protesto contra os horrores da Primeira Guerra Mundial e revoltou-se contra as convenções artísticas. publicavam periódicos e montavam as mais diversas exposições.social. Cheios de energia. Essa rebelião foi fomentada. Em Zurique. houve desacordo entre os seus integrantes. Uns pregavam o completo niilismo. fundado por Hugo Ball. o Cabaré Voltaire foi cenário de exposições provocadoras e perfomances escandalosas. Marcel Janco e Tristan Tzara. o centro mais importante do Dadaísmo. Jean Arp. Contudo. outros (que acabaram se reunindo em torno de André Breton) pesquisavam novos canais criativos. O resultado foi a dissolução do movimento Dada por volta de 1922-23. Juntamente com a Galerie Dada. por jovens escritores e artistas que tinham escapado do serviço militar e buscaram refúgio contra a guerra em Zurique. atraía jovens talentos como Richard Huelsenbeck.

A subversão cultural assumia a forma de um ataque à base da cultura: a linguagem. produzindo uma sensação de desumanização. da espontaneidade e do acaso.  Alguns. A palavra não precisava no futuro de representar a realidade ou denotar um significado. . os artistas adoptaram os princípios da abstracção.► ► Há um paradoxo fundamental subjacente ao Dadaísmo: criavase arte numa atmosfera anti-arte. acompanhado por ilustrações satíricas. tendiam à abstracção pura. ou de absurdo.sob uma nova luz. Os artistas fragmentavam a linguagem e mostravam os seus sinais básicos .  Outros.  Os dadaístas faziam uso constante da colagem. e publicado nos numerosos boletins Dadaístas. Hannah Höch e Raoul Hausmann. Surgiu então um estilo de design gráfico revolucionário. preferiam justapor textos e imagens figurativas toscas. como Marcel Janco. como Max Ernst. as composições aleatórias e a dialéctica entre destruição e construção. a integração da arte com a vida real. Jean Arp e Kurt Schwitters.as letras . pela reutilização de materiais descartados ou já prontos (readymade). Ao mesmo tempo. abrasivo.

A fonte. que é o transporte de um elemento da vida quotidiana. a escultura foi rejeitada pelo júri. há quem veja nas formas do urinol uma semelhança com as formas femininas. Em vez de trabalhá-los artisticamente. . branco e esmaltado. A princípio como uma brincadeira entre seus amigos. a priori não reconhecido como artístico. de modo que se pode ensaiar uma explicação psicanalítica. para o campo das artes. Entretanto. ele simplesmente considerava-os prontos e exibia-os como obras de arte.Dadaísmo. Duchamp passou a incorporar material de uso comum nas suas esculturas. comprado numa loja de construção. quando se tem em mente o membro masculino lançando urina sobre a forma feminina. 1917. ► A Fonte está baseada nesse conceito de ready-made: pensada inicialmente por Duchamp (que a assinou com pesudónimo) para figurar entre as obras a serem julgadas para um concurso de arte promovido nos EUA. Trata-se de um urinol comum. uma vez que não havia nela nenhum sinal de labor artístico. ► Marcel Duchamp. ready-made e Marcel Duchamp (1887-1968) Duchamp foi o responsável pelo conceito de ready-made.