Consórcio Modular Volkswagen

Inovação na Cadeia de Montagem de Ônibus e Caminhões

antecedentes

Preliminar
• Fato: a indústria automobilística brasileira tem vivido uma acirrada competição de mercado. • Implicação: para obterem vantagens competitivas, elas tem procurado ser inovadoras (idéias criativas e diferenciadas).  A Volkswagen Caminhões de Resende é um exemplo do esforço de inovar.

• Para tal objetivo.estratégia Objetivo • O objetivo da Volkswagen foi construir uma fábrica que a colocasse em lugar de destaque no ramo de Caminhões e Ônibus. ela projetou e desenvolveu o conceito de Consórcio Modular.  Obteve visibilidade internacional. .

fornecimento. matéria-prima. .o que é o consórcio? Princípios do Consórcio • O Consórcio é uma combinação de diversas práticas aplicadas à cadeias de suprimento automobilística. etc. – Os novos sistemas de computação – Ferramentas disponíveis para lidar com: programação. tais como: – Uso de Internet – Novos processos e soluções de armazenagem e transporte. transporte. expedição e vendas. armazenagem.

Cabe ao parceiro a montagem do módulo e a conexão deste módulo no chassi na linha de montagem final. e – recursos humanos que atendam às necessidades e objetivos de qualidade estabelecidos pela Volkswagem. peças e subconjuntos necessários na montagem. . • Cada parceiro deve prover – recursos materiais.o que é o consórcio? Consórcio Modular ? • Parceiros trabalham dentro da planta da Volks. nos seus respectivos módulos.

o que é o consórcio? E o que faz a Volks ? • A Volkswagem é responsável: – pelo planejamento do produto. . – desenvolvimento do produto e pela liberação final do veículos e – aprovação do planejamento de sistemas de qualidade de cada módulo e da fábrica como um todo. vendas e pós-vendas. marketing.

• Diminui estoques e tempo de produção dos veículos. • Aprimorar relacionamento  segue .o que é o consórcio? Vantagens do Consórcio Modular • Permitir a redução nos custos de produção e investimentos. • Tornar mais flexível a montagem de veículos.. ... aumentando a eficiência e produtividade.

contribuindo com soluções para a melhoria da produtividade. redução de custos e aumento da qualidade.relacionamento Relacionamento com Fornecedores • A integração dos parceiros (fornecedores) no processo produtivo permite o entendimento das implicações de seus produtos no veículo. .

dias e horas. semanas. Assim todos sabem o que tem de ser produzido nos próximos meses. integrando-os numa única plataforma de comunicação via rede para compartilhar os planos de produção. .relacionamento Fornecedores • O desafio foi definir e preparar fornecedores para o novo conceito de produção. mudanças repentina de mercado ou na economia. • O sistema online de planejamento e programação entre montadora e fornecedores garante o sincronismo e são essenciais quando surgem necessidade de flexibilização e ajustes devidos a pedidos especiais.

• peças B médio valor lotes para 1 semana e • pecas C de baixo valor para até 15 dias de produção.relacionamento Layout interno • Após várias simulações foi decidido adotar um Layout que otimiza o fluxo logístico de materiais. Tudo que entra na fábrica é material em processo divididos em três categorias: • peças A de alto valor lotes para 1 dia de produção. • Não há prédios ou áreas de armazenagem de estoques. .

relacionamento .

•Eisenmann . revestimento interno.responsável pela montagem dos eixos.responsável pela montagem final do motor. amortecedores e barras estabilizadoras. pressurização e •MWM/Cummins .responsável pela montagem da cabine a partir das peças estampadas. linhas de combustível.responsável pela montagem das rodas e pneus. linha de transmissão e caixa de direção. tubos de escape e freios. •VDO . alternador.responsável pela montagem do chassi.responsável pela pintura das cabines. Também é de responsabilidade da VDO a montagem da cabine completa sobre o chassis. . caixa de mudanças. formando os kits de suspensão. vidros e chicote elétrico. chicote elétrico.relacionamento Empresas Parceiras do Consórcio Modular: •Iochipe/Maxion . motor de partida. alimentação de óleo. balanceamento. •Tamet . painel de instrumentos. sistema de direção hidráulica.montagem de embreagem.responsável pela montagem de bancos. molas. •Rockwell/Braseixos . •Remon . sistema de freios (reservatório de ar e válvulas).

sendo responsável por todo recebimento.  Resultado: administração e operação coordenada. abastecimento das linhas e administração de estoques. movimentação.  Ação: uma operadora logística foi contratada para trabalhar em parceria com elas. . o maior desafio interno era organizar e coordenar 8 empresas para atuarem em harmonia dentro da fábrica.relacionamento Desafio Interno Inicialmente.

os controles necessários e informações visuais da operação a ser realizada. ferramentas e peças utilizadas. . operações a serem executadas.Sistemas de informação Sistema de Informação • Sistema de planejamento do processo assistido por computador no ambiente de consórcio modular implantado na nova fábrica de caminhões e ônibus da Volkswagem do Brasil. • Este sistema deve garantir informações precisas e padronizadas sobre o fluxo de produção. que podem ser fotos ou desenhos em uma base de dados única e acessível por todos os parceiros.

Sistemas de informação Sistema de Informação .

lista dos componentes de cada operação e instruções detalhadas de controle do processo. lista das ferramentas e dispositivos para as operação. • Aumento da qualidade dos processos . • Padronização dos processos .Sistemas de informação Resultados • Redução do tempo de planejamento . garantindo uma padronização da documentação pelos diversos parceiros.aumento da produtividade de planejamento do processo. • Base única de processos .apesar de cada parceiro ser responsável por uma parte do processo de montagem do veículo. • Agilidade nas revisões .operação do processo pode ser facilmente monitorada e revisada. .modelo único de plano de processo.o plano de processo possui auxílio visual com fotos ou desenhos.

 Visto que os mais de 400 fornecedores (90% Paulistas) localizam-se a 280 km de Resende. Identificou-se para cada peça (componente) quais seriam coletadas no sistema milk run e quais seriam fornecidas nos sistemas JIT. foi criado um centro de recebimento crossdocking próximo a saída do estado SP.fornecedor do fornecedor Relação com fornecedores dos fornecedores • Definição do esquema de coleta das peças e componentes. . kanban e ....

• Impacto: – redução de custos para montadora e aumento no volume de carga e de negócios para transportadora. que assim pode investir em carrocerias especiais para atender a nova fábrica.fornecedor do fornecedor Transportador • Foi feita parceria com um uma única transportadora para manipular cargas do centro cross-docking à fábrica. .

Resultados • A Volkswagen tem se mantido uma das lideres deste setor altamente competitivo. • Nos primeiros 5 anos de operação: – o volume anual de produção subiu 168% – o volume diário de produção subiu 159% – houve uma redução significativa nos estoques da cadeia. .

no qual fornecedores são partes do processo de produção. => .Conclusão • O consórcio modular é uma estratégia única construída em termos de conceitos logísticos que procuram utilizar de forma eficiente e criativa as ferramentas. • Novos consórcios estão sendo pensados nesta mesma linha envolvendo outras montadoras aqui instaladas e em outras localidades no mundo. os processos e soluções conhecidas na prática para criar um novo conceito de produção.

conclusão Seguidores .