You are on page 1of 28

CIRLENE FRANCISCA PINTO DAIANE CAROLINE FREITAS GIRLEIDE CRUZ DOS SANTOS HELENO SILVA ROCHA ROBÉRIO FIGUEIRÊDO

A utilização da ergonomia como ferramenta para auxiliar na melhoria de serviços na construção civil é muito importante pois pode proporcionar uma maior qualidade de vida ao trabalhador trazendo assim grandes benefícios para as empresas.

. indicar erros e propor melhorias.Este trabalho tem por finalidade analisar Ergonomicamente atividades executadas por trabalhadores de uma determinada empresa.

Segundo a NR 17 a Ergonomia visa adaptar as condições psicofisiológicas do posto de tarabalho ao trabalhador. A ergonomia surge para definir o espaço adequado para a execução das funções do trabalhador com segurança e qualidade .

diagnosticar e corrigir determinada situação de trabalho. .A analise ergonômica do trabalho busca aplicar os conhecimentos de ergonomia para analisar.

passagens e escadaria. O canteiro de obra deve apresentar-se organizado. principalmente nas vias de circulação.A organização do canteiro é um dos pontos básicos para se iniciar uma analise ergonômica de uma obra de construção civil. . limpo e desimpedido.

.Na construção civil encontramos um ambiente hostil e o trabalho se desenvolve sob influência de vibrações. ruídos e poeira. Os efeitos desses agentes são fatores determinantes da velhice e doença profissional dos operários.

Más condições de trabalho nos canteiros. alta rotatividade de mão-de-obra. Ausência e uso incorreto de equipamentos de proteção. como: Falta de informação e motivação. Terceirização indevidamente realizada.     O setor da construção civil é o que apresenta os índices mais elevados de acidentes de trabalho. Treinamento precário. tendo estes as mais diversas causas. .

.

A indústria da construção civil pela sua capacidade de gerar empregos diretos e indiretos é de grande importância econômica para o país. . ela apresenta sérios problemas em relação às condições de trabalho dos operários. baixa qualificação e altos índices de acidentes. no entanto.

. As obras executadas por essa Empresa estão relacionadas a escavação de poços. assentamento de tubulação subterrânea.O estudo foi realizado em uma empresa terceirizada que presta serviço de construção civil no interior do Estado da Bahia. Construção de Fuste. entre outras atividade que viabilizam abastecimento de água.

.

a organização do canteiro e aspectos relacionados a segurança do trabalho. sendo observados vários fatores como: o meio ambiente físico. foi analisado o posto de trabalho do pedreiro de alvenaria. Num segundo momento. registro das diversas situações em fotografias e entrevistas informais com as pessoas envolvidas.  . As técnicas de análise empregadas foram observações sistemáticas. Inicialmente foram analisados aspectos gerais referentes às condições de trabalho num canteiro específico. as instalações dos operários.

Historicamente. ele passa ao cargo de pedreiro. com certo tempo.  . O trabalhador começa como servente e com o acúmulo de experiência. O treinamento de pessoal não é incentivado. configurando-se um cenário de desqualificação geral e implicando em elevado índice de rotatividade.ANÁLISE DO POSTO DE TRABALHO  O posto tradicional de pedreiro exige postura inadequada. pode-se afirmar que a aprendizagem profissional se dá na prática. esforço físico intenso e levantamento/ transporte manual de pesos.

é muito difícil. a adoção de medidas que minimizem o desconforto do operário quando em atividade. . ou seja. pois ele é provisório. Posto de Trabalho móvel O tratamento desse ambiente de trabalho. e os materiais utilizados produzem muita poeira e sujeira.

 Descrição da Tarefa O operário recebe a informação do encarregado sobre a área que vai trabalhar e qual a quantidade de trabalho que ele deve executar. A forma de execução do serviço já é conhecida do operário. quer seja térmico. . para a execução da tarefa.  Ambiente de Trabalho O Ambiente não atendem às necessidades ambientais com relação ao mínimo de conforto. acústico ou de iluminação.

por mais inacessíveis que sejam. a mão-de-obra resume-se basicamente.  Análise da Atividade As posturas assumidas no trabalho refletem-se nos problemas de saúde e nas queixas constantes de dores lombares. tendo que percorrer todos os locais da obra. no emprego de pedreiro e servente. o posto de trabalho é que é móvel. Descrição das Ações Dadas a característica de imobilidade da construção civil. Durante o processo de edificação. .

calor e chuva.Ambiente é agressivo ao operário. Construção de Dessalinizador . Postos de trabalho estão sujeitos à ação do sol.

a falta pode provocar alergia ou ponto de desgaste por abrasão decorrente do manuseio de tijolos e argamassas .O contato das mãos com a argamassa exige o uso de luvas.

.Os pés também merecem atenção: a possibilidade de quedas de objetos e o risco de acidentes em entulhos acarretam danos quando o calçado é inadequado Escavação de fundação para sapata do fuste.

esforço físico intenso e levantamento e transporte manual de pesos. Descarregamento de materiais .Postura inadequada.

quando muito forte. e causando transtornos ao trabalhador.A movimentação de ar (ventos). . é prejudicial. pois levanta a poeira existente no ambiente de trabalho. Assentamento de Tubulação de água.

O nível de pressão sonora é alto. ele é decorrente da presença de diversas fontes de ruído provocados por serviços adjacentes ao local de trabalho. .

 Porta argamasseira de altura regulável. evitando o contínuo abaixar e levantar (movimentos curvados) para alcançar a argamassa a cada tijolo assentado. mantida sempre na altura da cintura do trabalhador. em pé e sem se curvar. curvando-se apenas para assentar o tijolo nas fiadas mais baixas. de modo que o pedreiro. quando esta  . Utilização de uma bancada para apoiar os tijolos e a caixa de argamassa. possa apanhar o tijolo com a mão e a argamassa com a colher.

Fiscalização e obrigação do uso de equipamentos de segurança pessoal. para que os mesmos aprendam a executar as suas tarefas com posturas adequadas. Deve-se focalizar as atenções na prevenção de acidentes e higiene do trabalho para evitar o afastamento temporário do operário e o efeito psicológico do mesmo sobre os companheiros. Disponibilização de intervalo de tempo de descanso para os trabalhadores. .    Treinamento de funcionários.

segurança do trabalho sobre a saúde e bem-estar dos trabalhadores. a análise ergonômica permitiu perceber a influência dos fatores ambientais.Na canteiro estudado. organização do trabalho e do canteiro. .

M. Rio de Janeiro. FLÁVIO OLIVEIRA de. Ergonomia: Conceito e Aplicações. NUNES. Segurança e Saúde no Trabalho n 10 a 19. 1998 . Brasilia: SSMT/MTb: FUNDACENTRO. Normas Regulamentadora – Segurança e Medicina do Trabalho. A. Ed Método. MINISTERIO DO TRABALHO (2013). NR17 e NR-18. RJ: 2 A B.   MORAES. Rio de Janeiro.