You are on page 1of 18

Salazarismo

Deus, Pátria, Família

António de Oliveira Salazar (1889-1970) “Dirigiu. Foi Ministro das Finanças. Afastou todos os que tentaram destituí-lo do cargo. os destinos do País durante quatro décadas. e conseguiu que . Criou dois movimentos paramilitares: a Legião e a Mocidade Portuguesas. fundador e chefe do partido União Nacional. presidente do Conselho de Ministros. Mas equilibrou as finanças públicas. Instituiu a censura e a polícia política. de forma ditatorial. mesmo que controlado. criou as condições para o desenvolvimento econômico.

Estado Novo (1933-1974) .

1928 – António de Oliveira Salazar é chamado novamente para o Ministério pelo então Presidente da República Marechal Carmona. Fim da Ditadura Militar e início do Estado Novo. 1968 – Salazar se distancia do poder por motivos de saúde. Novo governo chefiado por Marechal Gomes da Costa. . 1933 – O Estatuto do Trabalho Nacional estabelece o Regime Corporativo. Salazar toma posse da presidência do Conselho de Ministros.A Cronologia do Regime 1926 – Início da Ditadura Militar. em plebiscito. 1933 – Aprovação de uma nova Constituição. 1930 – Fundação da União Nacional. através da constituição dos Grêmios. 1930 – Ato Colonial 1932 – Nomeado por Carmona. mas desiste por falta de autonomia. Sindicatos Nacionais e Casas do Povo. Salazar é nomeado Ministro das Finanças.

soldados com a bandeira. Nuno Álvares Pereira). -Colonialismo (Infante D. Henrique.Ruralismo (trabalho no campo) . Invasões Francesas. D. Afonso Henriques.Valores do Estado Novo -Nacionalismo (Escudo Central) -Culto dos Heróis ( D. Primeira Guerra Mundial). -Pátria (Defesa da Pátria. mãe e filho). Vasco da Gama e os indígenas). . -Cristianismo (missionários). guerra da restauração. -Família (pai.

Governo e Tribunais. Legião Portuguesa e Mocidade Portuguesa .A Política do Estado Novo  A lei fundamental é a Constituição de 1933 e o poder reside nos órgãos de soberania.  Nacionalismo  Corporativismo  Eleições manipuladas pelo Estado  Polícia Política. Assembléia Nacional. que são: Chefe de Estado.

27 de Fevereiro de 1939: “Pois que unidade resiste à divisão. que solidariedade ao ódio.A Política do Estado Novo: Corporativismo Discurso de António de Oliveira Salazar na Manifestação dos Sindicatos Nacionais. e é com . a nação. o Estado. que comunidade à falta de disciplina e de organização? E nasceu o Corporativismo! E elevando a regra constitucional da ordem nova a princípio informador da consciência e comunidade nacional. a aldeia.

A Política do Estado Novo .

A Política do Estado Novo .

A Política do Estado Novo .

sintetiza os princípios do Estado Novo.O Decálogo do Estado Novo  Datado de 1934. . da responsabilidade de António Ferro. este documento.

Salazar reorganizou as finanças públicas: aumentou os impostos e reduziu as despesas com saúde. educação e salários dos funcionários públicos. .A Economia Portuguesa no Estado Novo Impondo ao país uma política de forte autoridade.

―Grandes planos de Ponte Salazar .A Economia Portuguesa no Estado Novo ―Controle rigoroso das despesas – incluindo gastos de todos os ministérios. ―Década de 30: investimento na produção agrícola alimentar para baixar as importações. ―Melhoria de recursos públicos com o início de várias obras públicas.

em termos reais.  Últimos anos de ditadura: crescimento real de 7% a 8% (níveis dos países asiáticos). cerca de 8%. .A Economia Portuguesa no Estado Novo  Rendimento Nacional cresceu. Redimento Nacional 140 120 100 80 60 40 20 0 1929 1939 1950 1974 Índice de contas públicas antes e durante o Regime.

do cinema.. por isso. artigos e fotografias . buscou mobilizar esse veículo como um . para alimentar a António Ferro (1895-1956) Intelectual modernista que se interessava pelo cinema e que. dos livros. retratos sempre incompletos de Salazar. da rádio. – É a vez dos grandes cortejos de rua..Criação do Secretariado da Propaganda Nacional (SPN).A Propaganda do Estado Novo – 1933 . sob a direção de António Ferro. dos cartazes. – SPN constrói em livros.

Cartaz do Filme A Revolução de Maio.A Propaganda do Regime Salazarista  Cinema como instrumento de propaganda: Caravana de Imagens. 1937 .

A Propaganda do Regime Salazarista  A Lição de Salazar: estratégia de inculcação de valores por parte do Estado Novo. .

O fim do Estado Novo: A Revolução dos Cravos .