You are on page 1of 28

TEMA: QUALIDADES FÍSICAS

DE CADA MODALIDADE: BASQUETEBOL,
HANDEBOL, VOLEIBOL, FUTSAL
O QUE SÃO QUALIDADES FÍSICAS?
São definidas como todo atributo físico
treinável num organismo humano. Em
outras palavras, são todas as capacidades
físicas motoras passíveis de treinamento.
CLASSIFICAÇÃO DAS QUALIDADES FÍSICAS
•FORÇA
•FLEXIBILIDADE
•RESISTÊNCIA
•VELOCIDADE
•EQULÍBRIO
•COORDENAÇÃO
•AGILIDADE
FORÇA

• FORÇA ISOTÔNICA (DINÂMICA) – É o tipo de força que
envolve os músculos dos membros em movimento ou suportando
o peso do próprio corpo em movimentos repetidos.

• FORÇA ISOMÉTRICA (ESTÁTICA) – É o tipo de força que
explica o fato de haver força produzindo calor e não havendo
produção de trabalho em forma de movimento.

• FORÇA EXPLOSIVA (POTÊNCIA) – Habilidade de exercer o
máximo de energia em um ato explosivo.
Obs: Potência é igual a Força dinâmica X a Velocidade.
Habilidade que permite um
músculo ou um grupo de músculos
produzir uma tensão e vencer ou
igualar-se a uma resistência na
ação de empurrar, tracionar ou
elevar.
FLEXIBILIDADE



• Dependente da elasticidade muscular e da mobilidade
articular
• MOBILIDADE ARTICULAR : é expressa pelas propriedades
anatômicas das articulações

• ELASTICIDADE MUSCULAR : é projetada pelo grau de
estiramento dos músculos envolvidos. Portanto, a flexibilidade,
capacita as pessoas a aumentarem a extensão dos movimentos,
numa articulação determinada.
Capacidade das
articulações de se
mover por uma grande
amplitude de
movimento
RESISTÊNCIA

• RESISTÊNCIA AERÓBICA: é a capacidade que o indivíduo tem para realizar
um esforço de intensidade média e durante um tempo o mais longo possível.

• RESISTÊNCIA ANAERÓBICA: É a qualidade física que permite um indivíduo
a sustentar o maior tempo possível uma atividade física numa situação de
débito de oxigênio. É a capacidade de realizar um trabalho de intensidade
máxima ou sub-máxima com insuficiente quantidade de oxigênio, durante um
período de tempo inferior a três minutos.

• RESISTÊNCIA MUSCULAR LOCALIZADA (RML): Capacidade individual de
realizar num maior tempo possível a repetição de um movimento, em um mesmo
ritmo e com a mesma eficiência, ou seja, a capacidade do músculo em trabalhar
contra uma resistência moderada durante longos períodos de tempo.
Qualidade física que
permite um continuado
esforço durante um
determinado tempo
VELOCIDADE


• VELOCIDADE DE DESLOCAMENTO: Capacidade máxima de
uma pessoa deslocar-se de um ponto a outro.

•VELOCIDADE DE REAÇÃO: Rapidez com a qual uma pessoa é
capaz de responder a um estímulo (visual, auditivo ou tátil).
Tempo requerido para ser iniciada a resposta a um estímulo
recebido.

•VELOCIDADE DE MEMBROS: Capacidade de mover membros
superiores e ou inferior o mais rápido possível.

É a capacidade que
permite realizar
movimentos no menor
tempo possível ou reagir
rapidamente a um
estímulo
EQUILÍBRIO


• EQULÍBRIO ESTÁTICO: adquirido em determinada posição;

• EQUILÍBRIO DINÂMICO: adquirido durante o movimento;

• EQUILÍBRIO RECUPERADO: explica a recuperação do
equilíbrio após o corpo ter estado em movimento.
É a capacidade
conseguida por uma
combinação de ações
musculares com o
propósito de assumir e
sustentar o corpo sobre
uma base, contra a lei da
gravidade
COORDENAÇÃO


• Permite realizar uma sequência de exercícios de forma
coordenada (combinada);
•Constitui-se uma atividade psicomotora indispensável em todas
as habilidades desportivas, devendo ser trabalhada em todos
os programas de Educação Física desde os primeiros níveis.
É a ação conjunta do
sistema nervoso central
e unidades motoras dos
músculos e articulações,
dentro de uma
sequência de
movimentos objetiva
AGILIDADE


• Habilidade do corpo inteiro, ou de um segmento, em
realizar um movimento, mudando a direção, rápida e
precisamente.

• Requer uma combinação de várias qualidades físicas e
embora dependa da carga hereditária, pode ser bastante
melhorada com o treinamento.
É a qualidade física que
permite mudar a posição
do corpo no menor
tempo possível sem
perder o equilíbrio nem
a coordenação
QUALIDADES FÍSICAS ENVOLVIDAS NO BASQUETEBOL


Qualidade Adaptações

Força

Potência muscular dos membros inferiores


Velocidade
Velocidade de deslocamento
• Realização de saltos durante os lançamentos
(arremessos)
•Realização de sprints
•Saídas e mudanças de direção rápidas

Coordenação
Execução de movimentos com precisão e economia de
energia e realização de movimentos simples:
• Drible
• Passe
• Recepção
•Arremesso



Qualidade Adaptações

Agilidade

Permite rápidas mudanças de direção e posição
• Realização de dribles, giros e fintas
• Deslocamentos


Resistência
• Aeróbica: adaptação cardiorrespiratória e
recuperação durante e após o esforço;
•Habilidades técnicas e deslocamentos rápidos e
repetitivos.




Flexibilidade
Condiciona a capacidade funcional das articulações a
movimentarem-se nos limites ideais de determinadas
ações
• Maior amplitude de movimento
• Melhor relaxamento muscular
• Aperfeiçoamento técnico
• Prevenção de lesões

QUALIDADES FÍSICAS ENVOLVIDAS NO HANDEBOL
 FORÇA

Variação Adaptações

Máxima
Força muscular máxima empregada no movimento
• Importante na tomada de posição
• Importante para suportar contato físico


Potência
Máximo de energia num ato explosivo (movimento de
força com o máximo de velocidade)
•Realização de saltos (verticais e horizontais)
•Realização de lançamentos (arremessos e passes)
•Realização de sprints
•Saídas e mudanças de direção rápidas

Resistência
Para suportar repetições de movimentos explosivos
•Realização de saltos
•Realização de lançamentos
•Deslocamentos
 VELOCIDADE













*Esse tipo de velocidade em esportes coletivos não chega a ser atingido, devido
às limitações das quadras. A velocidade máxima só pode ser alcançada por volta
dos 30m
Variação Adaptações

de Reação
Para produzir respostas motoras rápidas
• Manuseio da bola
• Deslocamentos
• Contra-ataques

de Força
Para produzir movimentos rápidos contra resistências
• Realização de deslocamentos ofensivos/defensivos
• Realização de fintas com marcação

Máxima*
Movimentos realizados com máxima velocidade
• Deslocamentos com velocidade máxima
•Arremessos
 AGILIDADE

















Variação Adaptações

Permite rápidas mudanças de direção e posição
• Realização de fintas
• Realização de arremessos
• Deslocamentos
 RESISTÊNCIA













Variação Adaptações

Aeróbia
Possibilita a manutenção do rendimento durante a
partida
• Adaptação cardiorrespiratória
• Recuperação durante e após o esforço
• Adaptação metabólica (redução na produção de
lactato)

de Velocidade
Possibilita realização de movimentos velozes e potentes
• Habilidades técnicas rápidas e repetitivas
• Deslocamentos rápidos e repetitivos

Muscular
Localizada
Permite realização de repetições de movimentos com
eficiência por um longo período de tempo
• Favorece a manutenção de uma determinada posição
• Favorece a realização de arremessos
• Favorece a realização de saltos
 FLEXIBILIDADE

















Variação Adaptações
Condiciona a capacidade funcional das articulações
a movimentarem-se nos limites ideais de
determinadas ações
• Maior amplitude de movimento
• Melhor relaxamento muscular
• Aperfeiçoamento técnico
• Prevenção de lesões
 COORDENAÇÃO














Variação Adaptações


Habilidade
Execução de movimentos com precisão e economia de
energia
Realização de movimentos simples:
• Drible
• Passe
• Recepção


Destreza
Realização de movimentos complexos:
• Fintas
• Arremessos especiais
 EQUILÍBRIO











Obs: Pode-se perceber que muitas qualidades físicas,
se não todas, estão envolvidas nessa modalidade
desportiva.




Variação Adaptações

Estático
Para manter ou alcançar uma posição desejada
• Sem deslocamento


Dinâmico
Para manter ou alcançar uma posição desejada
• Com deslocamento
• Após saltos (retomada)
• Disputa de posição
QUALIDADES FÍSICAS ENVOLVIDAS NO FUTSAL
A FORÇA DOS MEMBROS INFERIORES, A VELOCIDADE DE DESLOCAMENTO
E A AGILIDADE SÃO CAPACIDADES FÍSICAS CONSIDERADAS ESSENCIAIS
PARA UM BOM DESENVOLVIMENTO NO FUTSAL.
 FORÇA


Variação Adaptações

Máxima
Força muscular máxima empregada no movimento
• Importante na tomada de posição
• Importante para suportar contato físico


Potência
Máximo de energia num ato explosivo (movimento de
força com o máximo de velocidade)
•Realização de chutes
•Realização de sprints
•Saídas e mudanças de direção rápidas

Resistência
Para suportar repetições de movimentos explosivos
•Realização de chutes e cabeceios
•Deslocamentos
 VELOCIDADE














Variação Adaptações


de
Deslocamento
Para produzir respostas motoras rápidas
• Realização de deslocamentos ofensivos/defensivos
• Realização de fintas e dribles com marcação
• Condução da bola
• Contra-ataques
 AGILIDADE

















Variação Adaptações

Permite rápidas mudanças de direção e posição
• Realização de dribles e fintas
• Realização de chutes
• Deslocamentos
QUALIDADES FÍSICAS ENVOLVIDAS NO VOLEIBOL

 Fisicamente, o atleta deve ter estatura privilegiada, com muita
coordenação, possibilitando ataques de bolas altas, rápidas e
bloqueios nos vários pontos da rede, sem muito desgaste físico.

 Além de força nos membros superiores para sacar e cortar,
agilidade, raciocínio e reações rápidas (velocidade de reação),
deve ser dotado de grande resistência, pois os jogos podem
durar duas ou mais horas.

 O correto conhecimento das qualidades físicas solicitadas dentro
do voleibol é imprescindível na hora de se planejar os
treinamentos em relação aos parâmetros de tipo, intensidade,
número de repetições, frequência e o intervalo dos estímulos
aplicados na modalidade.


BIBLIOGRAFIA



BARELA, José A.; ELENO, Thaís G; KOKUBUN, Eduardo. Tipos
de esforço e qualidades físicas do handebol. Revista Brasileira
de Ciências do Esporte, Campinas, v. 24, n. I, p. 83-98, set.
2002

MATTOS, Mauro Gomes; NEIRA, Marcos Garcia. Educação
Física na adolescência: construindo o conhecimento na
escola. 5. ed. São Paulo: Phorte, 2008.

TUBINO, Manoel José Gomes, MOREIRA Sérgio Bastos.
Metodologia Científica do Treinamento Desportivo. 13. ed.
revista e ampliada, Editora Shape: Rio de Janeiro, 2003.