You are on page 1of 27

A gestão de Empresas na Era da

Gestão Ambiental
Movimento Ambiental
Poluição Industrial
Combustíveis fósseis e
Gases GE
Explosão
Demográfica
• 1960 = visão crítica contra os efeitos progresso humano e suas
conseqüências;
Movimento ambiental - História Ambiental

• 1962 – Profª Rachel Carson – Livro
“Primavera Silenciosa” – DDT/bioacumulação
Crítica fé cega na tecnologia.
• 1965 - Universidade de Keele (GB) –
Conferência Educação. Utilização pela 1a vez expressão
Environmental Education;
• 1968 - Clube de Roma - cientistas, industriais e políticos:
limites do crescimento econômico/ uso crescente dos
recursos naturais.
• 1968 – Paris: Conferência da Biosfera, (UNESCO)
Especialistas - Bases Científicas para Uso e Conservação
Racionais dos Recursos da Biosfera.
• 1970 - Iniciou-se o uso expressão Educação Ambiental (EUA):
1ª nação a aprovar uma lei sobre EA.
• 1972 - Estocolmo = 1ª grande Conferência Meio Ambiente =
Influência Radical Ação países Produtivos e Relações
Internacionais.
• 1974 - Brasil = Funda a SEMA Secret. Espec. Meio Ambiente;
vários órgãos Governamentais ou não;
• 1987 - Divulgação do Our Commun Future (Nosso Futuro
Comum), sobre sustentabilidade. O Brasil enviou
representante.
• 1992 - Conferência ONU/UNESCO Meio Ambiente e
Desenvolvimento – Cúpula da Terra - Rio 92 -ECO 92;
• 1998 - Conference on the Changing Atmosphere - Toronto -
Canadá;
Movimento ambiental - História Ambiental
• Humanidade: percepção e responsabilidade com o meio ambiente
– diminuição na qualidade de vida;
– Aumento degradação da natureza ao longo dos anos.
•Novo paradigma ambiental, defendido pela sociedade:
• passa a exigir e influenciar em modificações nos demais
atores sociais: o Estado e as organizações empresariais.

•O ESTADO: criação de regulamentações = adequar e minimizar os níveis
de poluição = redução impactos ambientais

•As EMPRESAS: influência sociedade e Estado = adaptar-se!!
•Deixar responsabilidades apenas econômicas =
produção bens e serviços,
•Ampliar campo de atuação tendo responsabilidade
sociopolítica.
.....Mudanças na Homeostase da Biosfera
Movimento Ambiental - Cenário: Ondas de inovação
Ref. Gardner, Prugh et al, 2008, World Watch Institute
Políticas Ambientais (União,
Estado, Município)
• Nível Internacional:
1. OMS = vinculada a ONU (sede NY e Genebra)
2. Organização Panamericana da Saúde (atuação nas três
Américas)
3. EPA = Environmental Protection Agency – EUA;
4. ISO = International Organization for Standardization
(Organização Internacional para Padronização)
5. ONG´s = Green Peace, WWF, Ford Foundation, etc

• A Nível Nacional
1. Ministério do Meio Ambiente: Coordenador do SISNAMA -
Sistema Nacional de Meio Ambiente;
2. CONAMA = Conselho Nacional do Meio Ambiente - órgão
Consultivo e Deliberativo – órgão Central IBAMA
3. IBAMA = Instituto Nacional do Meio Ambiente e dos
Recursos Naturais Renováveis;
4. ABES = Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e
Ambiental
5. ONG´s = ECOBRASIL, Terra Brasilis, Sociedade Brasileira de
Silvicultura, Rede Brasil, etc..
SGA (União, Estado, Município)
• A Nível Estadual
1. SEMAD
2. COPAM = Conselho Estadual de Política Ambiental
3. FEAM = executivo e fiscalizador
4. ONG´s = AMDA, Associação Biodiversitas, etc.
• A Nível Municipal e Regional
1. CODEMAS: Conselhos Municipais de Conservação e
Meio Ambiente
2. Agencias: Bacias Hidrográficas, Consórcios Municipais
(Paraopeba, etc)
Políticas Ambientais (União,
Estado, Município)
• Até final dos 80`s QUESTÃO BÁSICA:
»O QUE FAZER COM O RESÍDUO??
• SGA era peso para empresas. Motivos:
1. Único propósito de descartar rápida e economicamente
resíduos fase da gestão ambiental representada por
tecnologias end-of-pipe (fim de linha).
2. Atender aos requisitos legais, fixados UNILATERALMENTE
órgãos governamentais distanciados da REALIDADE
TECNOLÓGICA E ECONOMICA DAS EMPRESAS.
• Perfil do Profissional:
• qualquer técnico;
• Solução apenas problemas final do processo (EFLUENTES,
EMISSÕES E RESÍDUOS SÓLIDOS). Sem especialidades....
Sistema de Gestão Ambiental - SGA
• Profissional sem envolvimento com processo
GERADOR DO RESÍDUO/EFLUENTE
• RESOLVER problema: redução dos custos de tratamento e disposição.
Isolado na Empresa: Resolve aí!!!!
•Surgem conceitos de:
1. Prática de Produção Mais Limpa,
prevenção da poluição
2. Redução de Resíduos na Fonte
3. Trabalho de tratamento e
disposição Final limpos.

•No Brasil, final anos 80 e Inicio 90:
Princípios de QT , surgem as Normas IS0 9000 (sistemas de
manejo e qualidade) e 14.000 (meio ambiente) (1996).
Sistema de Gestão Ambiental
Certificação ambiental – ISO 1400
• Objetivos:
• Promover processos de GA (Educação, licenciamento e
monitoramento).
• Manter (com segurança do trabalho), a saúde dos
trabalhadores;
• Produzir produtos ou serviços ambientalmente compatíveis;
• Colaborar (setores econômicos, a comunidade e órgãos
ambientais) desenvolvimento e adoção processos produtivos
evitem ou minimizem agressões ao meio ambiente.
• Brasil 2007: apenas 1.500 empresas certificadas ISO 14001
• Explicita diretrizes e padrões internacionais (métodos e
analises), das exigências de um SGA.
• É ferramenta às empresas que almejam processo de produção
em consonância com o desenvolvimento sustentável e
compromisso com a sociedade.
• Mudança de comportamento nas Empresas e países industrializados.
• Hoje, SGA passa a ser:
1. Fator de competitividade = minimiza de custos na produção;
2. Melhoria da imagem da empresa;
3. Prevenção de acidentes ambientais e custos inerentes;
4. Melhoria da comunicação órgãos fiscalizadores;

O SGA é
“...parte de um sistema de gestão de uma organização utilizada
para desenvolver e implementar sua política ambiental e para
gerenciar seus aspectos ambientais”.
(NBR ISO 14001, 2004, p. 2)
Sistema de Gestão Ambiental
• As mudanças Continuam.....
• Da apatia para: preocupação grande público;
• Do interesse local para: interesse global;
• Do isolamento para: envolvimento da ALTA
ADMINISTRAÇÃO.
• De conformidade legal para: melhoria contínua;
• Dos custos ambientais para: vantagem competitiva;
• Das relações antagônicas e isolacionistas entre
indústria e governo para: cooperação e participação
Sistema de Gestão Ambiental
• Perfil do novo profissional:
• Normas ISO 14000 (1996), NBR ISO 14001
= obrigam empresas a terem profissionais
qualificados (obtenção do reconhecimento
internacional...);

• Área Ambiental com INTERFACE EM O MERCADO DE TRABALHO.

• O novo profissional deverá:
1. Contribuir para redução da poluição na fonte – prioridade
máxima;
2. Melhoria do desempenho ambiental;
3. Melhoria da produtividade e melhor qualidade de vida

Sistema de Gestão Ambiental
• Indispensável conhecimento sobre Ciências da Natureza –
princípios de Ecologia;
• Estar atento à problemas de meio ambiente:
• Agropecuária (uso de agrotóxicos);
• Manuseio de produtos químicos;
• Construção Civil (saneamento, resíduos, impacto das
obras)
• Indústria: efluentes e emissões;
• Mineração – extinção de habitats, recuperação das
lavras
• Saúde, Etc.
Sistema de Gestão Ambiental
• Valor Ambiental agregado:
• Empresas com Imagem Verde:
1. Uso de processos menos poluidores;
2. Colaboram na preservação do meio ambiente;
• Ganham:
1. Respeito
2. Simpatia do Público
3. Crescimento econômico
SGA (Gestão de Empresas)
QUESTÃO AMBIENTAL: PARÂMETRO PORTADOR DE
FUTURO E COMPETITIVIDADE PARA EMPRESAS!!
Certificação ambiental
• Sistema brasileiro de certificação ambiental :

• Constituído pelas organizações credenciadas para
certificarem e regular a estrutura de certificação no Brasil.
Destacam-se
– CONMETRO (Conselho Nacional de Metrologia, Normalização e
Qualidade Industrial),

– o INMETRO (Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e
Qualidade Industrial)

– ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), entidade
privada reconhecida como foro nacional único em normalização e
representante brasileira na ISO.
SGA (Gestão de Empresas)
• Nenhuma empresa quer ter o nome ligado a “Vilão Ambiental”;
• LEED® C&S (Core & Shell) = selo verde
mais disputado no mercado da construção civil hoje no mundo
Avaliação/reconhecimento = soluções e tecnologias sustentáveis:
projeto e obra = redução impactos ambientais : o núcleo do edifício, as
áreas comuns e fachadas;
Fornecida pela Greenbuilding pelo USGBC (Conselho de Construção
Verde dos Estados Unidos)
•Brasil = em vias de se tornar o 5º país
com mais certificações Leed (Liderança em Energia e Desing Ambiental)
fora dos EUA;
•Temos quase cem edifícios pré-certificados ou em processo de
certificação. Segundo AsBEA , 2012.
Certificação Ambiental na
Construção Civil
Conglomerado comercial Eldorado Business Tower, Av. das Nações
Unidas, região da Marginal Pinheiros da capital de São Paulo,



Pré-certificação platina, a mais alta das
avaliações, ainda em fase de construção.
Têm estacionamento com 1.815 Vagas,
preferenciais para veículos movidos a
GNV ou álcool.

http://tracosdoarquiteto.blogspot.com/2008/09/eldorado-business-tower_28.html


Conglomerados comerciais Eldorado Business Tower,
em São Paulo
• Alguns Resultados da alta performance ambiental do Eldorado
Business Tower
• 33% de economia de no consumo de água potável, comparado ao
padrão norte-americano.
100% de economia de água potável para irrigação
18% de economia no consumo de energia
74% de todo resíduo gerado na obra foi desviado de aterros
30% de todo material empregado é de origem reciclada
50% de todo material adquirido é de origem local
95% de toda madeira certificada pelo FSC (Forest Stewardship
Council);
25% de redução da vazão e volume de água lançada na rede pública
durante as chuvas

http://tracosdoarquiteto.blogspot.com/2008/09/eldorado-business-tower_28.html
o SGA orienta-se sob:
• ciclo do PDCA
• (PLAN-planejar, DO-executar, CHECK-verificar e ACT-agir) visando o
processo de melhoria contínua.

• A organização ao implantar este sistema deve cumprir cinco etapas
sucessivas:

1) estabelecimento da política ambiental,
2) planejamento,
3) implementação,
4) operacionalização,
5) verificação e análise pela administração.
Procedimentos Para a Implantação
Antes de serem iniciadas estas fases,
recomenda-se:
• fazer uma análise global da relação da
empresa com a natureza, por meio de uma
avaliação das atividades produtivas,
• Analisar a legislação pertinente ao setor de
atuação.

Onde e como obter certificação?
• Contato com Organismos de Certificação de
Sistemas de Gestão Ambiental Acreditados pelo
Inmetro.
• A lista dos Organismos de Certificação encontra-se
disponível no endereço:
http://www.inmetro.gov.br/organismos/consulta.asp
Bibliografia
• FERNANDES, J.M.S. Ciências do Ambiente: engenharia ambiental,
gestão ambiental. Belo Horizonte, Fumarc. 2011
• AsBEA (Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura): entidade
independente, abrangência nacional, sede São Paulo.
• LIMA , R. T e LIRA, T.K.S. a implantação de um sistema de gestão
ambiental, baseado na nbr iso 14001:2004 - um estudo de caso de
uma empresa prestadora de serviços do poló cloroquimico de
alagoas. II CONEP 2007
• http://www.inmetro.gov.br/ouvidoria/faqs.asp#certificacao