You are on page 1of 63

Matéria é tudo que tem massa e ocupa lugar

no espaço. Não existe vida nem manutenção da
vida sem matéria.

Uma porção delimitada de matéria recebe o
nome de corpo. Quando um corpo é usado como
utensílio ou ferramenta pelo homem temos um
objeto.
Molécula é a menor porção de uma
substância pura que conserva as propriedades e a
composição da substância. Apesar de minúsculas
as moléculas são constituídas por partículas ainda
menores, denominadas átomos.
Matéria
Energia
Energia não é matéria, mas é a energia que faz
com que a matéria seja sólida (como pedra), líquida
(como a água da torneira) e em vapor, como a água
invisível que sai do nariz durante a respiração.
Não é fácil definir energia, é mais fácil perceber sua
existência. Por isso, a maneira mais simples de
descrever a energia é dizendo o que ela faz. As
principais coisas que a energia faz são:
* realizar trabalho - uma força capaz tanto de
movimentar a matéria bruta ou como fazer a vida
acontecer;
* produzir calor - fazendo as coisas se derreterem,
ficarem quentes, ferverem ou se evaporarem.
* São as propriedades da matéria observadas em
qualquer corpo, independente da substância de que
ele é feito.
-Extensão
-Inércia
-Impenetrabilidade
-Compressibilidade
-Elasticidade
-Divisibilidade
-Indestrutibilidade

Extensão: Propriedade que a matéria tem de
ocupar um lugar no espaço. O volume mede a
extensão de um corpo.
Inércia: propriedade que a matéria tem em permanecer na
situação em que se encontra, seja em movimento, seja
em repouso. Quanto maior for a massa de um corpo, mais
difícil alterar seu movimento, e maior a inércia. A massa
mede a inércia de um corpo.
Impenetrabilidade: Dois corpos não podem ocupar,
simultaneamente o esmo lugar no espaço.
Compressibilidade: propriedade da matéria
que consiste em ter volume reduzido quando
submetida a determinada pressão.
Elasticidade: Propriedade que a matéria tem
de retornar seu volume inicial - após cessada
a força que causa a compressão.
Divisibilidade: Propriedade que a matéria tem se
reduzir-se em partículas extremamente pequenas.
Indestrutibilidade: A matéria não pode ser criada
nem destruída, apenas transformada.
São as propriedades que variam conforme
as substâncias de que a matéria é feita.
-Cor, sabor, odor, estado de
agregação, brilho (organolépticas)
-Dureza
-Maleabilidade
-Ductilidade
-Densidade
-Magnetismo

Cor, sabor, odor... (propriedades organolépticas)
Dureza: É definida pela resistência que a superfície
oferece quando riscada por outro material. A substância
mais dura que se conhece é o diamante, usado para cortar
e riscar materiais como o vidro.
Brilho: É a propriedade que faz com que os
corpos reflitam a luz de modo diferente.
Maleabilidade: Propriedade que permite à
matéria ser moldada. Existem materiais
maleáveis e não-maleáveis.
Ductilidade: Propriedade que permite
transformar materiais sem rompê-los. Um exemplo
é o cobre, usado em forma de fios em instalações
elétricas e o ferro na fabricação de arames.
Densidade: é também chamada de massa
específica de uma substância, pela razão (d)
entre a massa dessa substância e o volume por
ela ocupado.

Observe:
dgelo=0,92
dH2O=1,00
Densidade
Sól > Líq > Gás
H2O é exceção
Vamos pensar um pouco...
1. Considere a densidade dos sistemas abaixo:

Sistema Densidade (g/cm
3
)
Madeira Balsa 0,12
Madeira ébano 1,2
Corpo Humano (Pulmões Cheios) 0,95
Água Líquida (4°C) 1,0
Cera de Abelha 0,96
Mercúrio 13,6
Agora assinale a alternativa que contenha apenas sistemas que flutuam em água:
a) Madeira balsa e mercúrio;
b) Corpo humano e madeira balsa;
c) Mercúrio e madeira ébano;
d) Medeira balsa e madeira ébano;
e) Cera de abelha e mercúrio.

Vamos calcular um pouco...
2. Os pulmões bombeiam, em média, 11500L de
ar por dia. Considerando que o ar possui uma
densidade igual a 1,2 g/L, qual o valor da massa
de ar que participa desse fenômeno?
v d m
v
m
d    
1,2 g de ar ---------------------------- 1L de ar
m ------------------------------- 11500 L de ar
Kg g
L
L g
m 8 , 13 13800
1
11500 2 , 1
 


Participam desse fenômeno 13,8 Kg de ar.
Magnetismo: Algumas substâncias têm a
propriedade de serem atraídas por ímãs, são as
substâncias magnéticas.
Ponto de fusão: Temperatura na qual uma
substância passa do estado sólido para o líquido.
Ponto de ebulição: Temperatura na qual uma
substância passa do estado líquido para o gasoso.
Solubilidade: Quantidade máxima de soluto que
pode ser dissolvido no solvente.
Estados Físicos da Matéria
Gases-Moléculas afastadas ,
aceleradas,forma variável,volume variável.
Líquidos – Moléculas + próximas, formato
do recipiente, - aceleradas,volume fixo.
Sólidos –“Moléculas” ++ próximas
,movimento,forma/volume fixos
/regular,(retículos cristalinos).
Estados da Matéria
Atualmente se conhece 5 estados
de transformação da matéria.
Mudanças de Estados Físicos
Na mudança de estado,ñ há alteração de matéria
(processos físicos).
Pto.Fusão - Temp. sol.  Liq.
Pto ebulição - Temp. Liq.  Gás.
PF e PE são propriedades específicas
Determina-se o estado físico da matéria pelos
seus PF e PE e pela temp. à qual ela está
submetida.

PF PE
SÓL LÍQ GÁS
PROPRIEDADES FUNCIONAIS

  Hidrocarbonetos são inflamáveis.
  Os ácidos têm sabor azedo.
  Os sais fundidos conduzem corrente
elétrica.

As propriedades funcionais são
aquelas apresentadas por um grupo de
substâncias, chamado função química .
Tipos de Substâncias
Átomo

Elemento químico

Molécula

Substância pura

Mistura

Simples: H
2
, O
3
, P
4
Composta: H
2
O, CH
4
Homogênea: 1 fase
Heterogênea: 2 ou mais fases
Átomos & Moléculas
H + H H H
H H
H + H + O O
Átomos Moléculas
Tipos de Substâncias
Simples Composta
Substância Pura
Homogênea Heterogênea
Mistura
Sistemas Materiais
Tipos de Substâncias
Substância Pura
É toda substância
constituída por moléculas
quimicamente equivalentes.
Substância Pura
Simples
Quando é constituída por
átomos do mesmo
elemento químico.
Substância Pura
Composta
Quando é constituída por
átomos de elementos
químicos diferentes.
Substâncias Puras
SIMPLES COMPOSTA

• Durante a mudança de estado
físico de uma substância pura, a
temperatura de fusão e a
temperatura de ebulição
permanecem constantes.

• É a quantidade de calor
fornecida para que ocorra a
mudança de estado.
CALOR LATENTE
Misturas
Quando temos a
junção de 2 ou mais
substâncias.

• Numa Mistura, durante a
mudança de estado físico, a
temperatura de fusão ou a
temperatura de ebulição variam.
MISTURAS
HETEROGÊNEA HOMOGÊNEA
solução
ÁGUA + AREIA AR
CURIOSIDADE - Misturas
A expressão quilate possui significados
diferentes para o diamante e para o ouro.
No caso das pedras preciosas, o quilate é
uma medida de massa que vale 0,2g. Por
outro lado, para o ouro, a palavra quilate está
associada à qualidade do material.
Assim, o ouro puro corresponde a 24
quilates.
Já o ouro de 18 quilates é uma liga com 18
partes de ouro e 6 partes de vários outros
metais.
Representação do aquecimento da matéria
Curva de aquecimento(CA) de Subst. Puras

MISTURA
Curvas de Misturas Comuns
Aquecimento Resfriamento
MISTURA EUTÉTICA

• É uma mistura entre sólidos.

• A temperatura que permanece
constante é a de FUSÃO.
Curva de Mistura Eutética
Curva de Mistura Eutética
Curvas de Misturas Eutéticas
Resfriamento
PS
Aquecimento
PF
Mistura eutética Ponto de fusão
Chumbo (38%) + estanho (62%)
183°C
Chumbo (87%) + antimônio (13%)
246°C
Bismuto (58%) + estanho (42%)
133°C
Mistura eutética Ponto de fusão
Chumbo (38%) + estanho (62%)
183°C
Chumbo (87%) + antimônio (13%)
246°C
Bismuto (58%) + estanho (42%)
133°C
Mistura eutética Mistura eutética Mistura eutética Ponto de fusão Ponto de fusão Ponto de fusão
Chumbo (38%) + estanho (62%) Chumbo (38%) + estanho (62%)
183°C 183°C
Chumbo (87%) + antimônio (13%) Chumbo (87%) + antimônio (13%)
246°C 246°C
Bismuto (58%) + estanho (42%) Bismuto (58%) + estanho (42%)
133°C 133°C
MISTURA AZEOTRÓPICA

• É uma mistura entre líquidos.]

• A temperatura que se mantém
constante é a de EBULIÇÃO.
Curva de Mistura Azeotrópica
Curva de Mistura Azeotrópica
Curva de Mistura Azeotrópica
Aquecimento
PE
Resfriamento
PL
Mistura azeotrópica
Ponto de ebulição
Acetona (86,5%) + metanol (13,5%)
56°C
Álcool etílico (7%) + clorofórmio (93%)
60°C
Álcool fórmico (77,5%) + água (22,5%)
107,3°C
Mistura azeotrópica
Ponto de ebulição
Acetona (86,5%) + metanol (13,5%)
56°C
Álcool etílico (7%) + clorofórmio (93%)
60°C
Álcool fórmico (77,5%) + água (22,5%)
107,3°C
Mistura azeotrópica Mistura azeotrópica Mistura azeotrópica
Ponto de ebulição Ponto de ebulição Ponto de ebulição
Acetona (86,5%) + metanol (13,5%) Acetona (86,5%) + metanol (13,5%)
56°C 56°C
Álcool etílico (7%) + clorofórmio (93%) Álcool etílico (7%) + clorofórmio (93%)
60°C 60°C
Álcool fórmico (77,5%) + água (22,5%) Álcool fórmico (77,5%) + água (22,5%)
107,3°C 107,3°C
Obs:
Uma
mistura
eutética
nunca
será
azeotróp.
e vice-
versa
PAUSA PARA RESOLUÇÃO
DE QUESTÕES.
• As misturas podem ser:

• HOMOGÊNEA


• HETEROGÊNEA
Mistura Heterogênea
Apresentam 2,
3, 4 ou mais
fases.
Mistura Homogênea
Apresenta uma
única fase.
Obs: O n° de substs. da mistura ñ
são obrigatoriamente = ao n° de
fases da mistura (água+gelo),
(água+sal)...
Dicas
• Mist. Gases - Homogêneas;
• Líquidos miscíveis-Homogêneas;
•Soluções Insat.- Homogêneas;
•Sólidos diferentes - Heterogêneos
Vamos pensar um pouco...
a) Três fases e um componente.
b) Uma fase e três componentes.
c) Uma fase e um componente.
d) Três fases e três componentes.
e) Uma fase e dois componentes.

3. Um determinado soro hospitalar é constituído por uma
solução aquosa de cloreto de sódio e glicose. Esse
sistema apresenta:

4. Indique o número de fases e componentes de cada um
dos seguintes sistemas:
a) Mistura de água e álcool.
b) Água Líquida + álcool + água sólida.

mararosanaeq@yahoo.com.br

mararosanaeq@gmail.com