CALORIMETRIA

CALORIMETRIA
CALOR:

CALORIA:

É a energia transferida de um corpo
para outro graças a diferença de
temperatura entre eles.

É a energia necessária para variar
em 1°C a temperatura de 1g de
água.

Logo: 1kcal = 103 cal
1 cal = 10-3 kcal

CAPACIDADE TÉRMICA DE UM CORPO.
Quem aumenta primeiro a temperatura
em 1°C: 1 litro de leite ou 2 litros de leite?
E qual esfria primeiro ?
Para elevar em 1°C a temperatura de 2
litros de leite é necessária uma
quantidade de calor maior que para
elevar em 1°C a temperatura de 1litro
do mesmo material.
Ou seja: corpos diferentes necessitam de diferentes
quantidade de calor para elevar a sua temperatura em
1°C.
Portanto, 1litro de leite aquece primeiro e esfria primeiro
também.

Pensando !!!

Q
C
T

→ variação da quantidade de calor.
→ variação de temperatura.

CALOR ESPECÍFICO DOS MATERIAIS.
As diferentes sensações térmicas que temos de corpos
em um mesmo ambiente, recebendo a mesma
quantidade de calor, num mesmo intervalo de tempo,
são explicadas pela natureza de cada material.
Isso significa que, para que para elevar em 1°C a
temperatura de 1g, cada material necessita de uma
quantidade diferente de calor, definida como calor
específico do material.
O calor específico do material é a capacidade térmica
por unidade de massa:

C
c
m

→ Capacidade térmica.
→ Massa do corpo.

*Na tabela abaixo apresentamos valores do calor
específico de algumas substâncias.

Substância

Calor específico
(cal/gºC)

Água

1,00

Álcool

0,58

Alumínio

0,219

Chumbo

0,031

Cobre

0,093

Ferro

0,110

Gelo

0,55

Mercúrio

0,033

Prata

0,056

Vidro

0,20

vapor d’água

0,48

EQUAÇÃO FUNDAMENTAL DA
CALORIMETRIA

C
c
m

 C  c.m

Q
C
T

Q  C.T

Logo:

Q  m.c.T
OBS.:

A unidade usual de calor específico é cal / g.°C
(caloria por grama vazes grau Celsius.)
A unidade de Calor pode ser em Caloria ou Joule;
1 cal ≈ 4,18 Joules

PRINCÍPIO DA IGUALDADE DAS TROCAS
DE CALOR
*Dois corpos de temperaturas diferentes trocam calor
entre si quando colocados em contato. Por exemplo, se
você tocar uma vidraça, pode passar calor de sua mão
para ela; sua mão, portanto, esfria porque perdeu calor e
conseqüentemente teve a temperatura diminuída. Por
outro lado, a parte da vidraça que você tocou recebeu
calor e conseqüentemente sua temperatura aumentou.
Em um sistema termicamente isolado:
...A quantidade de calor trocada entre os corpos é tal que
a soma da quantidade de calor (ΔQ) recebida com a
quantidade de calor cedida é nula...:
ΔQrecebida + ΔQcedida = 0

=>

ΔQrecebida = - ΔQcedida

Exemplo:
1. (UFRGS) Um corpo de 2 Kg recebe 8000 J de calor e
sofre uma variação de temperatura de 100ºC. O valor
do calor específico desse corpo, em J/Kg.ºC, é:
Resolução:

Q  m.c.

8000( J )  2(kg ).c.100(C )

8000( J )
c
2(kg ).100(C )

8000( J )
c
200(kg.C )

J
c  40
kg.C
Mole-mole facil-facil !!!