You are on page 1of 7

(temporalmente ilimitada). Leishmaniose. entre outras. Febre Amarela. no decorrer de um longo período. Doença de Chagas. Esquistossomose.  Ex: Dengue. É a ocorrência de determinada doença que acomete sistematicamente populações em espaços característicos e determinados. e que mantém uma incidência relativamente constante. . permitindo variações cíclicas e sazonais. Malária.

fazendo uso de substâncias químicas. se for o caso. mediante ações de vigilância de endemias e de seus vetores.O Agente de Combate às Endemias tem como atribuição : 1. abrangendo atividades de execução de programas de saúde. Promoção da saúde. desenvolvidas em conformidade com as diretrizes do SUS e sob supervisão do gestor de cada ente federado. inclusive. 2. O exercício de atividades de vigilância. . prevenção e controle de doenças endêmicas e infecto-contagiosas.

por intermédio do Reconhecimento Geográfico (RG).  Realizar pesquisa larvária (Li e LIRa) em imóveis para levantamento de índices e descobrimento de focos. . e o levantamento de Pontos Estratégicos (PE) de sua área para que estes sejam cadastrados. Atualizar o cadastro de imóveis .

 Eliminar criadouros do mosquito em todos os imóveis. como medida complementar ao controle mecânico. incluindo realização de mutirões de limpeza. quando indicado. aplicando os larvicidas indicados.  Orientar moradores e responsáveis para a eliminação e/ou proteção de possíveis criadouros – EDUCAÇÃO EM SAÚDE. . Identificar (inspecionar) criadouros para identificar as formas imaturas (larvas) dos vetores. conforme orientação técnica.  Executar a aplicação focal e residual.

seus sintomas e riscos. as informações referentes às atividades executadas em campo. .  Comunicar ao supervisor de turma os obstáculos para a execução de sua rotina de trabalho. de forma correta e completa.  Atuar junto aos domicílios. o agente transmissor e medidas de prevenção. durante as visitas domiciliares. informando os seus moradores sobre a doença. Registrar nos formulários específicos.

 Visitas domiciliares: As diretrizes nacionais preconizam como ideal que cada agente visite de 800 a 1000 imóveis a cada 02 meses. Isso corresponde a um rendimento de 20 a 25 imóveis por dia que devem ser visitados por cada agente. .