You are on page 1of 27

Acoplamentos

Resumo
Os acoplamentos são componentes mecânicos utilizados em
diversos seguimentos da indústria. É um elemento de fácil
instalação que possui uma variedade de tipos e modelos onde
se adaptam em equipamentos que necessitam de eixos para
serem acoplados. Classificam-se teoricamente em rígidos,
flexível e móvel, podendo ser lubrificados e não-lubrificados. Em
sua montagem os acoplamentos rígidos não suportam
desalinhamento, ficando restrita sua aplicabilidade em conjuntos
extremamente alinhados. Os flexíveis compensam possíveis
desalinhamentos que o conjunto possa apresentar. Os móveis
funcionam como um conjunto de acionamento intermitente,
estando ora acoplado, ora desacoplado. Os mesmos são
montados com auxílio de instrumentos de verificação de
alinhamentos sejam eles manuais ou de precisão (mecânicos ou
eletrônicos), afim de garantir sua durabilidade e funcionalidade.
Nesta montagem é verificado o alinhamento axial, paralelo,
angular e mistos.

preventiva e corretiva. A preventiva atua diretamente na prevenção de falhas ocasionadas por defeitos básicos do tipo: falha na lubrificação. Estas são executadas com base em uma periodicidade afim de garantir sua eficácia. são feitas medições que detectam anormalidades que possivelmente ocasionaria quebras. A corretiva atua quando ocorre a quebra.Resumo Quanto a sua forma de construção e material utilizado na confecção os acoplamentos estão regulamentados por normas técnicas nacionais e internacionais de modo a garantir a qualidade e a confiabilidade. torna necessária a utilização de um plano de manutenção bem elaborado. desalinhamento e desgaste. através das manutenções do tipo: preditiva. A preditiva atua na prevenção de falhas nos equipamentos. Porém para manter um bom funcionamento do equipamento. sendo necessário principalmente quando o plano de prevenção não está bem dimensionado. .

ou unir extremidades (eixos). elásticos e móveis. Alguns dos materiais usados na construção dos acoplamentos são: o aço carbono. Podem ser divididos em acoplamentos rígidos. por ter sua fácil aplicação e ser de fácil manutenção. potência e torque de um para o outro. onde ocorre transferência de energia. permitindo também a união de mais de uma máquina. Muito utilizado na indústria em equipamentos e máquinas. ou o ferro fundido. .Definição Os acoplamentos são elementos utilizados para transmissão de movimento de uma máquina para outra.

permitir o movimento axial devido à expansão térmica. isolar e amortecer as vibrações torcionais. paralelo ou misto. absorção do movimento axial e para prever o carregamento axial ou manter a peça alinhada.Definição As funções dos acoplamentos mecânicos resumidamente são: facilitar a montagem e desmontagem das máquinas. . permitir ou desalinhamento angular.

• Móveis.Classificação de acoplamentos Os acoplamentos podem ser primariamente divididos em Acoplamentos Lubrificáveis e Não Lubrificáveis. • Flexíveis. . Também podem novamente ser classificados como: • Rígidos.

antes da partida do equipamento. os choques ou vibrações provenientes do funcionamento da máquina ou da partida do motor. . em diversas formas construtivas e várias alternativas de materiais.zero. Estes exigem que se faça um alinhamento 0-0 (zero. acoplamentos com luva de compressão ou de aperto e acoplamentos de discos ou pratos. nem tampouco. aço carbono ou aço inoxidável. perfeito) dos dois eixos acoplados. Entre eles o ferro fundido cinzento.Acoplamentos rigidos: Não absorvem desalinhamentos. Os acoplamentos rígidos são fabricados de acordo com a norma DIN nas versões DIN 115 e DIN 116. ferro fundido nodular. Os principais tipos de acoplamentos rígidos são: Acoplamentos com flanges parafusadas. Transmitem altas potências em baixas rotações (<400rpm) e conectam eixos longos.

Acoplamentos rigidos .

Acoplamentos discos ou pratos: Empregado na transmissão de grandes potências em casos especiais. como. e é próprio para a transmissão de grande potência em baixa velocidade. podendo ser montado e removido sem problemas de alinhamento. Acoplamentos com luva de compressão ou aperto: Esse tipo de luva facilita a manutenção de máquinas e equipamentos. As superfícies de contato nesse tipo de acoplamento podem ser lisas ou dentadas. . por exemplo.Acoplamentos com flages parafusadas: Esse tipo de acoplamento é utilizado quando se pretende conectar árvores. com a vantagem de não interferir no posicionamento das árvores. nas árvores de turbinas.

nas árvores de turbinas. As superfícies de contato nesse tipo de acoplamento podem ser lisas ou dentadas. Acoplamentos com luva de compressão ou aperto: Esse tipo de luva facilita a manutenção de máquinas e equipamentos.Acoplamentos com flages parafusadas: Esse tipo de acoplamento é utilizado quando se pretende conectar árvores. Acoplamentos discos ou pratos: Empregado na transmissão de grandes potências em casos especiais. e é próprio para a transmissão de grande potência em baixa velocidade. . podendo ser montado e removido sem problemas de alinhamento. como. por exemplo. com a vantagem de não interferir no posicionamento das árvores.

São empregados para permitir a conexão e a desconexão das arvores sem a necessidade de desmontar o acoplamento. são controlados por um comando. e a rotação é transmitida por meio do encaixe das garras ou de dentes. obedecem a um comando. .Acoplamentos Móveis: São empregados para permitir o jogo longitudinal das árvores. eles transmitem força e movimento somente quando acionados. isto e. Geralmente. Os acoplamentos móveis podem ser: de garras ou dentes. isto é. Esses acoplamentos transmitem força e movimento somente quando acionados. esses acoplamentos são usados em aventais e caixas engrenagens de máquinas-ferramenta convencionais.

Isso implica também a necessidade de usar mancais radiais e axiais tanto no equipamento acionado quanto no acionador.Acoplamentos flexíveis: São aqueles capazes de compensar “pequenos” desalinhamentos paralelos e angulares entre os eixos. O movimento relativo entre as partes do acoplamento torna necessário lubrificá-lo ou substituir elementos por desgaste ou quebra. Estas devem ser muito bem alinhadas antes da montagem do acoplamento. A flexibilidade se consegue por meio de um elemento deslizante (engrenagem) ou por meio de um elemento que se deforma. absorver choques e vibrações e movimentos axiais. Os acoplamentos flexíveis não são usados para ajustar máquinas desalinhadas. metálico ou não metálico. .

Acoplamentos flexíveis .

O que os diferencia são as flexibilidades radial.Acoplamentos Lubrificáveis: Acoplamentos flexíveis torcionalmente rígidos: Estes acoplamentos são denominados flexíveis devido sua mobilidade. Estes acoplamentos possuem o mesmo comportamento dos acoplamentos rígidos. porém não possuem os mesmos requisitos que os acoplamentos elásticos. . que permitem compensar pequenos desalinhamentos entre os eixos das máquinas e evitar quebras prematuras. no que diz a respeito a choque e vibrações torcionais. axial e angular obtida entre os cubos do acoplamento.

Podemos citar os acoplamentos de engrenagens ou dentado e acoplamentos de grades. São destinadas as aplicações com necessidade de sincronismo torcional ou reversões constantes em carga por serem torcionalmente rígidos.Acoplamentos Lubrificáveis: Acoplamentos flexíveis ‘torcionalmente rígidos: São acoplamentos cuja transmissão do momento de torção se realiza através do dentado interno e externo. A combinação das duas articulações confere a capacidade de compensar desalinhamento inevitável. na instalação das máquinas rígidas acopladas. .

sendo torsionalmente rígido. possuindo. não possui elemento elástico. porém flexibilidade para acomodar desalinhamentos angulares e paralelos.Acoplamentos engrenagem ou dentado: Construído totalmente em aço. Indicado para altas rotações (até 8000rpm) e ambientes corrosivos. com custo inicial baixo para altas capacidades. . além de flutuações axiais. Esta flexibilidade sedeve ao fato dos dentes dos cubos serem abaulados em três faces resultando numa redução nas cargas de engrenamento sob desalinhamentos.

Acoplamentos de grade ou fita elástica: Consiste de dois cubos providos de flanges ranhuradas. as árvores devem estar bem alinhadas no ato de sua instalação para que não provoquem vibrações excessivas em serviço. Todo o espaço entre os cabos e as tampas é preenchido com graxa. nos quais está montada uma grade elástica que liga os cubos. . O conjunto está alojado em duas tampas providas de junta de encosto e de retentor elástico junto ao cubo. Apesar de esse acoplamento ser flexível.

. O conjunto está alojado em duas tampas providas de junta de encosto e de retentor elástico junto ao cubo. nos quais está montada uma grade elástica que liga os cubos. as árvores devem estar bem alinhadas no ato de sua instalação para que não provoquem vibrações excessivas em serviço.Acoplamentos de grade ou fita elástica: Consiste de dois cubos providos de flanges ranhuradas. Todo o espaço entre os cabos e as tampas é preenchido com graxa. Apesar de esse acoplamento ser flexível.

. Flexibilidade elástica: O elemento elástico possui capacidade de absorver desalinhamento axial. Estes acoplamentos diferenciam dos acoplamentos tradicionais rígidos em dois pontos: elasticidade torcional e flexibilidade elástica Elasticidade torcional: Capacidade de deformação (compressão.Acoplamentos não Lubrificáveis: Acoplamentos flexíveis torcionalmente elástico: Também denominados de acoplamentos elásticos. angular e axial entre as árvores. e permitem o funcionamento do conjunto com desalinhamento paralelo. torção ou tração) do elemento elástico ao ser submetido ao momento de torção. poliuretano ou outro material sintético) entre elas. radial e angular. são constituídos de duas partes metálicas e um elemento de material não metálico (borracha. Seus elementos elásticos tornam mais suave atransmissão do movimento em árvores que tenham movimentos bruscos.

sendo de simples instalação. . Este tipo elimina as forças reativas nos mancais resultantes da rotação. Permite uma rápida substituição em função da forma construtiva (partido e flexível) sem necessidade de afastar os equipamentos acoplados.Acoplamentos não Lubrificáveis: Acoplamentos flexíveis torcionalmente elástico: Acoplamento elástico de pinos: Possui furos nas duas luvas onde são montados os elementos transmissores que são pinos de aço com mangas de borracha. Acoplamento elástico de garras : Os acoplamentos possuem elemento elástico em poliuretano ou borracha encaixam-se nas aberturas do contra disco e transmitem o movimento de rotação. fácil desmontagem e manutenção.

Acoplamentos elásticos: .

Pelas características mencionadas. choques e ruídos das máquinas acopladas. . torção ou tração) do elemento elástico ao ser submetido ao momento de torção. assim como amortecer picos de carga.Flexibilidade Elástica: O elemento elástico possui capacidade de absorver desalinhamento axial. os acoplamentos elásticos são os mais utilizados em equipamentos acionados por motor elétrico.Elasticidade Torcional: Capacidade de deformação (compressão.Acoplamentos não Lubrificáveis: Acoplamentos flexíveis torcionalmente elástico: . movimento de torção. Aclopamentos elásticos são apropriados para transmitir rotação. . radial e angular.

Acoplamentos elásticos: .

4. o momento de torção é transmitido pelo elemento elástico. eliminando totalmente ou parcialmente o ruído da caixa de transmissão ou máquina acoplada em baixa rotação. suavizando choques de engates e reversões. . As vibrações torcionais também são reduzidas sensivelmente. Principalmente aplicado em equipamentos acionados por motor de combustão interna.3.Acoplamentos altamente elásticos: Os discos de acoplamento são unidos perifericamente por uma ligação de borracha apertada por anéis de pressão. Esse acoplamento permite o jogo longitudinal de eixos.

Acoplamentos Altamente elásticos: .

. Agitadores.Principais aplicaçõs para acoplamentos: Bombas. Laminadores. Transportadores e elevadores de cargas. Secadores. Grupo gerador. Grupo moto-bomba. Ventiladores. Moinhos. Compressores.