You are on page 1of 43

MATERIAIS E

ENSAIOS
TECNOLÓGICOS
– AULA 2
PROF: JOÃO LUIZ

CIMENTO
• Cimento  é  uma  palavra  originada  do
latim  caementu, 
ou
seja,
pedra
proveniente de rochedos. Sua história é
muito antiga:
• Passa pelas pirâmides do Egito, que
utilizaram em sua concepção uma espécie
de gesso calcinado. Entra pela Roma e
Grécia antigas, que aplicaram em seus
monumentos uma massa obtida pela
hidratação de cinzas vulcânicas. Ganha
desenvolvimento nas mãos do inglês John
Smeaton,
em
suas
pesquisas
para

CIMENTO PORTLAND
• O ponto marcante, porém, para a história do
cimento atual, se deu pelas mãos do
construtor inglês Joseph Aspdin, com suas
experiências
envolvendo
processos
de
mistura, queima e moagem de argila e pó de
pedra calcária retirado das ruas. Neste
desenvolvimento, Aspdin conseguiu um
material pulverulento, no qual ele misturava
uma certa quantidade de água, produzindo
uma argamassa. Depois, deixava-a secar,
conseguindo um material de dureza parecida
com as pedras utilizadas nas edificações. Por
fim, o construtor patenteou este pó em 1824,

DEFINIÇÃO
•É
O
PRODUTO
OBTIDO
PELA
PULVERIZAÇÃO
DE
CLINKER
CONSTITUÍDO
ESSENCIALMENTE
DE
SILICATOS HIDRÁULICOS DE CÁLCIO, COM
UMA CERTA PROPORÇÃO DE SULFATO DE
CÁLCIO
NATURAL,
CONTENDO
EVENTUALMENTE, ADIÇÕES DE CERTAS
SUBSTÂNCIAS QUE MODIFICAM SUAS
PROPRIEDADES
OU
FACILITAM
SEU
EMPREGO.
• OVÍDEO
CLINKER É UM PRODUTO DE NATUREZA
GRANULOSA
RESULTANTE
DA

Cimento Portland: Fabricação .

Constituintes • a cal (CaO) • Sílica (SiO²) • Alumina (Al²O³) 95% • Óxido de Ferro (Fe²O³) 96% • Magnésia (MgO) • Anidrido Sulfúrico (SO³) a .

para permitir o endurecimento. após o qual esses materiais devem permanecer em repouso. . Tal período de tempo constitui o prazo disponível para as operações de manuseios das argamassas e concretos.PROPRIEDADES FÍSICAS: • A) Densidade: .O momento em que a pasta adquire uma certa consistência que a torna imprópria para o trabalho.42 Kg/m³) • B) Tempo de Pega: .5 (em torno de 1.Absoluta: 3.Aparente: 1.15 .

Aparelho de Vicat .

.É determinada pela ruptura do corposde-prova realizados com argamassa/concreto.PROPRIEDADES FÍSICAS • C) RESISTÊNCIA: .

essa elevação de temperatura conduz ao aparecimento de trincas de contração ao fim de resfriamento. ocorrem temperaturas superiores a 1900 ºC. no processo de fabricação.PROPRIEDADES QUÍMICAS • A) ESTABILIDADE: indesejável expansão volumétrica posterior ao endurecimento do concreto e resulta da hidratação da cal e magnésia. Isso pode ocorrer quando. • B) CALOR DE HIDRATAÇÃO: liberação exotérmica resultante das reações de hidratação. .

Cimento Portland Comum.Cimento Portland Composto com .Tipos de Cimento Portland (pág.Cimento Portland Composto com Escória (contém adição de escória granulada de alto-forno.). o que lhe confere a propriedade de baixo calor de hidratação e o uso da escória proporciona algumas melhorias no cimento.Z . CP I . como maior durabilidade e maior resistência final.Cimento Portland Comum com Adição. 65) a. b)Cimento Portland Composto: CP II .S . CP II .) Cimento Portland Comum: CP I .E .

pontes. obras de saneamento. obras em ambiente marinho. - . grandes blocos de concreto.c.) Cimento Portland de Alto-forno: CP III RS: Para obras em contato com meios agressivos. barragens. portos e pavimento de concreto. especialmente aos ataques de sulfatos e aplicações que necessitem de moderadas resistências à compressão nas primeiras idades Para obras de concreto.

CP IV e) Cimento Portland de Alta Resistência Inicial: .CP V-ARI .Tipos de Cimento Portland d) Cimento Portland Pozolânico: .

• As principais impurezas que contém o calcário são as silica. argilas. dolomita e matéria orgânica entre outros. óxidos de ferro e magnésio. glauconita.Matéria prima do cimento • Calcário • Os calcários são rochas sedimentares que contêm minerais com quantidades acima de 30% de carbonato de cálcio (aragonita ou calcita). fluorita. . gipso. Muitos calcários apresentam tons de vermelho. siderita. carbonato de magnésio. sulfetos. • A coloração do calcário passa do branco ao preto. fosfatos. azul ou verde dependendo do tipo e quantidade de impurezas que apresentam. amarelo. podendo ser cinza claro ou cinza escuro.

como as cinzas ou originadas de algum processo industrial. como a cinza volante. sílica ativa. .Matéria prima do cimento • Pozolana • Podem ser naturais. a cinza de casca de arroz e a argila calcinada.

origina-se da queima do carvão nas centrais termoelétricas e são coletadas pelos precipitadores eletrostáticos • A silica ativa é um subproduto resultante do processo de obtenção do ferro silício e silício metálico. Promovem a elevação da durabilidade do concreto. • A cinza da casca de arroz é o material resultante da queima da casca de arroz . geralmente utilizada pelas usinas beneficiadoras de arroz como fonte calorífica na geração de calor e vapor necessários para o processo de secagem e parborização do arroz .Matéria prima do cimento • A cinza volante é o material pozolânico mais utilizado no processamento do cimento.

• Tais impurezas dão origem à escória que quando resfriadas bruscamente obtêm-se um produto granular e vítreo • O resfriamento brusco não permite que sejam formados núcles cristalinos. que vem associadas aos metais no seu estado natural. • São classificadas em escórias de AF básicas (CaO/SiO2 > 1) e ácidas (CaO/SIO < 1).Matéria prima do cimento • Escória de Alto Forno • Durante a produção de ferro gusa. pois retém a energia de cristalização. . Dessa maneira a escória vítrea apresenta um alto nível de energia. é necessária a eliminação de impurezas.

alterando as propriedades mecânicas do cimento.Adições ao cimento • As adições minerais ao cimento Portland tanto em sua fase de produção quanto diretamente no concreto. • Vantagens das adições ao cimento: • • • • Promove maior impermeabilidade. Maior resistência a sulfatos Diminuição do consumo de energia durante o processo de fabricação • Aproveita subprodutos poluidores. como as escórias de altoforno e as cinzas volantes (pozolanas) • preservação das jazidas de calcário . modificando a microestrutura da pasta. promove a interação química e física . Diminuição da porosidade capilar.

Jazida de Calcário (subterrânea) Principal matéria-prima na fabricação do cimento .

Jazida de Calcário (céu aberto) Principal matéria-prima na fabricação do cimento .

Extração de Calcáreo O desmonte do calcário na jazida é feito com explosivos .

Transporte O material resultante é transportado em caminhões “fora-de-estrada” até a instalação de britagem .

Calcário antes do britador .

Britagem Na britagem. o calcário é reduzido a dimensões adequadas ao processamento industrial .

Moagem do Calcáreo .

Silos de Homogeneização A mistura de calcário com argila (farinha crua) é enviada aos silos de homogeneização .

são utilizados. em média: Calcário Calcita Dolomita 1146 kg Argila Quartzo Argilominerais 303kg Feldspato Corretivos Bauxita Hematita Quartzo 1000kg Clínquer   Silicatos Aluminatos  Ferroaluminato s cálcicos .MATÉRIAIS-PRIMAS Para a produção de 1 tonelada de cimento (20 sacos).

o material transforma-se em pelotas escuras .Forno Rotativo No forno.o clínquer. . a uma temperatura próxima a 1450oC.

Formação do Clínquer Clínquer Interior do forno .

Resfriador Industrial 1450oC 80oC Resfriador de grelhas .

Clínquer Portland .

resultando o cimento .Moinho de Cimento Na moagem final. o gesso e eventuais adições são misturados ao clínquer.

Silos de estocagem de cimento .

Calcário .Adições ao Cimento Portland Conforme o tipo de cimento poderão ser acrescentados. no processo de moagem. Pozolanas. materiais conhecidos por Adições: Escórias.

Adições ao Cimento Portland CP II-F Filer Clínquer + + Escória Gesso CP I ou CP V Pozolana CP II-E ou CP III CP II-Z ou CPIV .

Razões para o Uso das Adições Técnicas • Melhoria de propriedades específicas Econômicas • Diminuição do consumo energético Ecológicas • Aproveitamento de resíduos poluidores e preservação das jazidas .

Uso de Adições: Razões Técnicas • • • • • • Aumento da impermeabilidade Diminuição da porosidade capilar Maior resistência a sulfatos Redução do calor de hidratação Inibição da reação álcali-agregado Maior Durabilidade .

O produto é estocado nos silos de cimento e expedido em sacos ou a granel .

na hora da entrega e no controle dos estoques.Estocagem do cimento • Maior inimigo da estocagem é o contato com a água • Recomenda-se iniciar a pilha de cimento sobre um tablado de madeira. se o cimento for ficar estocado por mais de quinze dias. porque também facilita a contagem. . montado a pelo menos 30 cm do chão ou piso. e não formar pilhas maiores do que 10 sacos.

Estocagem do cimento .

2 M Vídeo Fabricação do Cimento .

Interpretação de Informações .

Explique os tipos de cimento • 5. Qual a melhor maneira de estocar o cimento em uma obra? • 4. Defina: Tempo de pega? Como é seu teste? • 3. .Exercício: • 1. O que você entende por clíquer? • 2. Explique as propriedades físicas do cimento.