You are on page 1of 24

Decidindo

Entregar Tudo
a Deus
1 Timóteo
6:7GOBF
1 Timóteo
6:7
“pois nada trouxemos para este mundo
e dele nada podemos levar;”
Tese
Como buscar a boa administração
para minha vida?
Introdução
Falar sobre mordomia é um tanto
complicado pois nascemos, crescemos e
fomos educados na perspectiva de ter,
possuir, ser os donos. O “meu
brinquedo”, o “meu carro”, a “minha
boneca” e tudo o que ouvimos e
aprendemos nos faz crer que somos
senhores de tudo aquilo que está em
nossas mãos.
Quem nunca ouviu
essas frases?
“A VIDA É MINHA E FAÇO DELA O QUE QUIZER”

“O DINHEIRO É MEU E GASTO DA FORMA QUE BEM


ENTENDER”

“A SAÚDE É MINHA E FUMO O QUANTO QUIZER”;

“DA MINHA VIDA CUIDO EU”.

A VERDADEIRA MORDOMIA É A ENTREGA DE


TODA A MINHA VIDA NAS MÃOS DO SENHOR.
Falar meias verdades é a grande
especialidade do inimigo. Ele manipula as
palavras e procura deturpar toda a criação
e orientação de Deus. Jesus foi tentado no
deserto com meias verdades e ainda hoje,
somos constantemente bombardeados
com meias verdades que passam a ter
influência tal em nossas vidas que somos
dominados por elas e deixamos de ver a
total e agradável vontade de Deus para
nossas vidas.
A VERDADE É QUE TODOS NÓS SOMOS
SERVOS, MORDOMOS; NEM MAIS, NEM
MENOS.

Mordomo (do lat. vulg. majordomu,


o criado maior da casa, administrador
dos bens de uma casa, serviçal
encarregado de administrar. Cargo ou
ofício de mordomo.
O tema mordomia é bastante amplo,
tendo como foco principal a questão
financeira, mas é muito mais que isso,
somos mordomos não só do dinheiro que
chega em nossas mãos, mas também da
agenda que fazemos para nosso dia-a-
dia.
Nossos bens, nosso corpo, nossos
pensamentos, nossas ações, as palavras
que desferimos, nossos dons e talentos,
bem como nossa própria vida, pois uma
profunda e sincera reflexão nos levará a
descobrir que nem mesmo de nossas
vidas nós somos proprietários.
Vamos ver as 10 leis da boa mordomia
que governam atitudes corretas de quem
administra bem suas finanças, seu tempo,
seu físico, seu intelecto e sua vida
emocional.
1 – A lei da posse correta.

NADA NOS PERTENCE DE VERDADE.


TUDO PERTENCE A DEUS.

Timóteo 6:7
“pois nada trouxemos para este
mundo e dele nada podemos levar.”
“Teus, ó Senhor, são a grandeza, o
poder, a glória, a majestade, e o
esplendor pois tudo o que há nos céus
e na terra é Teu. Teu, ó Senhor, é o
reino; Tu estás acima de tudo.”
2 – A lei da generosidade regozijante.

DEUS AMA OS MORDOMOS QUE DÃO


COM ATITUDE CORRETA.

2 Coríntios
9:7
“Cada um dê conforme determinou
em seu coração, não com pesar ou por
obrigação, pois Deus ama quem dá
com alegria.”
3 – A lei da multiplicação milagrosa.

A ECONOMIA DO MORDOMO É
GOVERNADA PELA MATEMÁTICA DO
SOBRENATURAL.

Hebreus
11:6fé é impossível
“Sem agradar a Deus,
pois quem dele se aproxima precisa crer
que ele existe e que recompensa aqueles
que o buscam”.
4 – A lei da fiel perseverança.

A LEALDADE MARCA O VERDADEIRO


MORDOMO.

1 Coríntios
4:12
“Trabalhamos arduamente com
nossas próprias mãos. Quando somos
amaldiçoados, abençoamos; quando
perseguidos, suportamos;”
5 – A lei da participação paradoxa.
A MAIS RICA GENEROSIDADE
GERALMENTE É CANALIZADA ATRAVÉS
DA MAIS PROFUNDA POBREZA.

1 Coríntios
8:2
“No meio da mais severa tribulação,
a grande alegria e a extrema pobreza
transbordaram em rica generosidade”.
6 – A Lei da Sintonia Construtiva.
A OBRA DE DEUS DEVE SER FEITA POR
HOMENS E MULHERES DE DEUS QUE
CONTRIBUEM DE ACORDO COM A
VONTADE DE DEUS.
Neemias 4:4
“Ouve-nos, ó Deus, pois estamos
sendo desprezados. Faze cair sobre eles
a zombaria. E sejam eles levados
prisioneiros como despojo para outra
terra.”
7 – A Lei da Iniciativa Pessoal.

O DESEJO PRECEDE A OBRIGAÇÃO


NA GRAÇA DA CONTRIBUIÇÃO.

2 Coríntios
38:3-4
Pois dou testemunho de que eles deram
tudo quanto podiam, e até além do que
podiam. Por iniciativa própria
4 eles nos suplicaram insistentemente o
privilégio de participar da assistência aos
santos”.
8 – A Lei da Excelência Total.
EXCELÊNCIA NA CONTRIBUIÇÃO É
CATALIZADORA DE UMA GRANDE GAMA
DE VIRTUDE.
2 Coríntios 8:7
“Todavia, assim como vocês se
destacam em tudo: na fé, na palavra, no
conhecimento, na dedicação completa do
amor que vocês têm por nós, destaquem-
se também nesse privilégio de
contribuir”.
9 – A Lei da Humildade Sincera.
COLOCAR OS OUTROS EM PRIMEIRO
LUGAR CAUSA UM IMPACTO
DURADOURO.
Filipenses
2:5-8
“5 Seja a atitude de vocês a mesma de Cristo
Jesus,
6 que, embora sendo Deus, não considerou
que o ser igual a Deus era algo o que devia
apegar-se;
7 mas esvaziou-se a si mesmo, vindo a ser
servo, tornando-se semelhante aos homens.
8 E, sendo encontrado em forma humana,
humilhou-se a si mesmo e foi obediente até
a morte, e morte de cruz!”
João 3:30

“É necessário que Ele cresça e que


eu diminua”.
10 – A Lei do Contentamento Incondicional.

O CONTENTAMENTO DO BOM MORDOMO


NÃO DEPENDE DAS SUAS
CIRCUNSTÂNCIAS.

Filipenses
4:11-13
“11 Não estou dizendo isso porque esteja
necessitado, pois aprendi adaptar-me a
toda e qualquer circunstância.
12 Sei o que é passar necessidade e sei
o que é ter fartura. Aprendi o segredo
de viver contente em toda e qualquer
situação, seja bem alimentado, seja
com fome, tendo muito, ou passando
necessidade.
13 Tudo posso naquele que me
fortalece”.
Conclusão
Quando decidimos entregar tudo a
Deus, buscamos a boa administração
de toda nossa vida, e quem administra
bem, exerce boa mordomia.

Related Interests