ENGENHARIA ELÉTRICA

CONVERSÃO ELETROMECÂNICA DE ENERGIA

PROFº ANDERSON DA SILVA JUCÁ
(apontamentos)

.Como a energia elétrica chega até nossas casas.

.

.

.

Mapa do Sistema Elétrico Interligado Nacional .

Mapa do Sistema Eletroenergético .

O fluxo da energia elétrica Motores Energia Mecânica .

alto-falantes. etc. pois... Esses dispositivos são denominados de transdutores. certos instrumentos elétricos de medição. . relês eletromecânicos.Conversão Eletromecânica de Energia Definição: São estudados os processos de conversão de energia elétrica em mecânica e vice-versa. permitem a conversão entre grandezas físicas diferentes. Essa conversão ocorre em dispositivos de força (motores e geradores elétricos) e nos dispositivos de posição (microfones. ).

numa posição tal que poderia mudar o mundo de forma tão abrangente como aquela produzida pela máquina a vapor. nome dado a esta nova ciência. contrariando as previsões. Outros pesquisadores. foi aquele em que Hans Christian Oersted. O grande passo para aquele objetivo foram os estudos subseqüentes envolvendo a produção de campos magnéticos em estruturas ferromagnéticas. a ligação entre o Magnetismo e a Eletricidade. A publicação de suas experiências. provocou uma explosão de atividades científicas na ocasião. .Um pouco de história Talvez um dos dias mais importante da humanidade. possibilitaram o estabelecimento de campos magnéticos elevados. durante uma aula de laboratório de circuitos elétricos. devido à alta permeabilidade daqueles materiais. em latim clássico. que estas ciências não poderiam interagir. professor da Universidade de Copenhagen. Isto foi confirmado pouco tempo depois com a invenção do motor elétrico. as quais. como Ampère e Henry perceberam que esta descoberta colocava o Eletromagnetismo. muito convincentes de Coulomb. descobriu em 1820.

o qual observando o trabalho do mestre. James Prescott Joule estava entre seus alunos. O erro de Sturgeon foi ter utilizado na confecção do eletroímã fios condutores não isolados. Mas nesta altura dos acontecimentos ele já tinha um rival do outro lado do Atlântico. A primeira aplicação das estruturas ferromagnéticas foi à construção dos eletroímãs. Sturgeon construiu em 1830 um eletroímã capaz de levantar 550 kg. conseguindo levantar uma massa de 3600 gramas. cuja primeira demonstração de seu funcionamento ocorreu em 23 de Maio de 1825 na Royal Society of Arts por seu criador William Sturgeon. conseguindo levantar. uma massa de 20 kg. identificou alguns erros e reconstruiu o eletroímã. Utilizando uma barra cilíndrica de ferro curvada e envernizada. Para sua infelicidade. Joseph Henry da Universidade de Yale. Foi um feito brilhante para o seu tempo. Sturgeon a envolveu com uma bobina condutora de fios não isolados. . com a mesma estrutura.Um pouco de história . diminuindo em muito a eficiência da bobina. Henry construiu um eletroímã de apenas 30 kg capaz de levantar uma tonelada. corrigindo os defeitos do primeiro. Inconformado em ter sido superado por um discípulo.

em reuniões aristocráticas e até em cirurgias. Joule novamente. Devido à importância para a engenharia elétrica. de apenas 5. o qual possuía mais de dois pólos. sobretudo na siderurgia e nas minas extrativas. Os eletroímãs tiveram participação decisiva no desenvolvimento industrial.Um pouco de história Em 1840. Ato contínuo. .5 kg levantou 1200 kg. veremos a seguir técnicas de análise dos principais fenômenos eletromagnéticos presentes em dispositivos deste tipo. os eletroímãs apareceram em grande número nos laboratórios de pesquisas. Este eletroímã. que aumentou em muito a capacidade de levantamento. os quais serão úteis no entendimento do comportamento de todos os equipamentos eletromecânicos e atuará ainda como um elemento motivador para os estudos da Conversão Eletromecânica de Energia. construiu um novo tipo de eletroímã completamente diferente dos anteriores.

Meio de Acoplamento (campo elétrico ou campo magnético) Parte ou lado elétrico do transdutor V I Equações Elétricas   v  0 i  0 Fluxo de Energia Elétrica Equações Eletromecânicas equações que relacionam parte elétrica com parte mecânica F=BI l E=Blv Parte ou lado mecânico do transdutor Fluxo de Energia Mecânica Equações Mecânicas   C  0 F  0 C w F d . parte mecânica e  parte eletromecânica.Transdutores Eletromecânicos De uma maneira geral os transdutores eletromecânicos apresentam três partes: parte elétrica.

resultam perdas de energia do sistema eletromecânico. e vice-versa.Relações de Energia num sistema eletromecânico Para as maiorias das aplicações usuais. À medida que o processo deixa de ser completamente reversível e outras formas indesejáveis de energia são nele produzidas (energia térmica. a conversão de energia elétrica em mecânica. . pode ser considerada como uma ação reversível. luminosa e química).

w Fonte Elétrica Receptor Mecânico w magnética armazenada w mecânica armazenada w elétrica armazenada Perdas Elétricas Perdas Mecânicas Figura 01: fluxo de energia para um motor elétrico: C.Relações de Energia num sistema eletromecânico Perdas Elétricas Perdas Mecânicas C.w Receptor Elétrico Fonte Mecânica w magnética armazenada w mecânica armazenada w elétrica armazenada Figura 02 : fluxo de energia para um gerador elétrico: .