A CANÔNICA DE EPICURO: o conhecimento .

Na verdade. . A lógica estuda as normas pelas quais reconhecemos a verdade. e a ética os meios para alcançar a felicidade. a física estuda a constituição do real. física e ética. lógica e a física estão em função da ética.Epicuro divide a filosofia em lógica.

b) ela objetiva e verdadeira porque é garantida pela própria estrutura atômica da realidade – As coisas emitem complexos de átomos que entram em contato com os nossos sentidos e produzem imagens. .Segundo o filósofo a sensação colhe o ser de modo infalível diferentemente de Platão. c) os sentidos são a- racionais. Essas razões pelas quais a sensação é confiável: A) a sensação é efeito de alguma coisa.

ocorrem em nós as prolepses (pré-noções) daquilo que nos foi apresentado no exterior.Em conseqüência. A memória ajudará antecipar quais características terá um objeto ao tocá-lo novamente. . A prolepse antecipa a experiência porque veio da experiência.

Porém. . As sensações.As sensações de prazer e de dor também servem como critério de verdade. as prolepses. mas a opinião (resultado de raciocínio) pode induzir ao erro. as sensações são sempre verdadeiras. o prazer e a dor garantem a verdade por meio de uma evidência imediata.

b) nem recebem testemunho contrário.Opiniões verdadeiras são: a) aquelas que podem ser comprovadas pela experiência. A evidência empírica permanece como critério único de verdade. .

O PROBLEMA DO CONHECIMENTO NO ESTOICISMO .

. E assim elas estão dispostas para a problemática do conhecimento: A lógica é a reflexão do homem sobre o conhecer. física e ética. sobre o conhecido. a física. e ética sobre o cognoscente.As divisões da filosofia para o estoicismo são lógica.

Os estóicos têm uma perspectiva empirista. A percepção da realidade modifica a alma material. . A razão se projetando sobre as impressões forma apreensão. O que está na mente é um reflexo fiel do que está na natureza. A impressão nascente (prolepse) se forma da conexão de várias percepções.

Percepção sensível - Impressão sobre a alma material - Antecipação (prolepsis) .Em síntese:  Objetos . .Logos que examina (levando em consideração a Antecipação sobre a alma material e a Prolepsis - Lógos que adere e produz o conceito que representa os Objetos apreendidos.

O CETICISMO ANTIGO .

Em conseqüência. Enquanto Epicuro e Zenão de Cítio buscavam uma verdade para sustentar a busca da felicidade. aparece nesse período postura céticas em relação à verdade. . ou seja. abstinente quanto aos seus juízos não pendendo para uma direção e nem para outra. indiferente. Pirro de Élida (365-270 a. c) sustentava que a realidade é incomensurável. disso não é possível afirmar nem o verdadeiro e nem o falso. A única atitude que resta ao filósofo é permanecer adóxatos.

Zenão de Cítio sustentava a epoché (suspensão do juízo) diante do que é incompreensível e dar assentimento só o que for evidente.Nesse sentido. Porém. Arcesilau e Carnéades afirmavam que o sábio suspender seu juízo sobre tudo. . porque nenhum saber é evidente.

) se levanta contra o assentimento da evidência proposto pelos estóicos. Não existe evidência absoluta.c. . O assentimento já é um juízo da razão. Para os estóicos a suspensão total de juízos impossibilitava resolver o problema da vida (o único problema importante) e poria o homem em inércia. não é sustentável um ceticismo parcial. Em outros termos.Arcesilau (315-240 a.

Carnéades (219-129 a.) se opôs a todos os filósofos precedentes ao afirmar que não existe nenhum critério de verdade. cabe a ele o caminho do provável. Um exame metódico de todas as representações e suas conexões assegura um grau maior de probabilidade. . A verdade objetiva foge do homem. C.

Portanto. por fim. Todos os homens. há duas vias do conhecimento:  a) suspender o juízo diante da incompreensibilidade do real. . b) assentir aquilo que é objetivamente incompreensível. são obrigados a viver com o provável.

Desenvolva uma dissertação sobre a possibilidade do conhecimento.    II – O conhecimento não é possível: a) nada existe. b) este pode ser apreendido pelos sentidos ou pela razão. ATIVIDADE . c) e pode ser comunicado pelo discurso racional.O conhecimento é possível: a) existe algo (res). não poderia ser apreendido. c) e se fosse apreendido. Escolha uma das posições:  I . não poderia ser comunicado. b) se existe. .