Barbara Kruger

Marlui Dornelas
Mariá Vilar
Maitê Lima
Igor Martins
Heitor Silva

Uma breve biografia
Nome: Bárbara Kruger

Idade: 64 anos

Nacionalidade: Americana (Newark, Nova
Jersey)

Profissão: Professora/ escritora/ artista/
curadora/ designer

“A obra da artista gráfica Barbara Kruger
se lança contra o poder manipulador
dos meios de comunicação, o
consumismo, os postulados do
machismo e os estereótipos sexistas”

You Are Not Yourself 1984 . um conjunto que remete aos slogans publicitários. Desmontando o estereótipo como a forma fundamental de submissão na ordem patriarcal. quando ela cria sua obras mais conhecidas: colagens fotográficas em preto e branco. cobertas com um slogan em letras brancas sobre tarjas vermelhas e o uso frequente de pronomes pessoais e possessivos como “you”/”your” (você. Barbara começou a incitar a capacidade de transformação social das mulheres do seu tempo. . “I” (eu). seu). Dedicou sua obra à arte conceitual que remete à linguagem da publicidade para questioná-la. . A fase mais madura de Barbara Kruger acontece na década de 1980. .

A partir dos anos 1990. parques. tem criado instalações tanto em museus e galerias como em estações de trem. . E mais recentemente. Justice. e outros lugares públicos. 1997 . Barbara Kruger incorporou as esculturas ao seu projeto artivista de crítica à cultura moderna. Barbara Kruger foi militante feminista e teve influência de estudos sobre a influência dos signos na nossa sociedade e sobre a iconografia das imagens da mulher..

Barbara Kruger e a Arte Conceitual Barbara Kruger. “Blind Idealism Is”. .

uma antiarte.. George Maciunas Sol LeWitt . da imitação.. arte clássica... Movimento crítico: Formalismo.]". mercado artístico. . da cultura 'intelectual'. uma realidade não artística. . Arte-ideia x Arte-visual. Sol LeWitt "Livrem o mundo da doença burguesa. “A própria ideia. Arte como instrumento de reflexão. da arte artificial. consumismo. é uma obra de arte tanto quanto qualquer produto”. Arte Conceitual – Henry Flynt (1960). . materialismo. da arte abstrata. Livrem o mundo da arte morta. . Promovam uma arte viva. para ser compreendida por todos [. mesmo se não é tornada visual. profissional e comercializada.

Questionamento no qual a arte conceitual se baseia: “O que é arte?” . instalações e performances. Artista como pensador de seu projeto. 1917. vídeos. Marcel Duchamp.. textos. . Utilização de suportes como fotografias. Marcel Duchamp. “A Fonte”. . .

. “Uma e Três Cadeiras”. seria uma proposição analítica. Joseph Kosuth (1945). .. próxima de uma tautologia.” Joseph Kosuth. “Afirma que a obra de arte conceitual. dispensando a feitura de objetos.

Possession Victor Burgin 1975 .

MOCA: Museum of Contemporary Art's Temporary Contemporary “Quem está além da lei? Quem é comprado e vendido? Quem é livre para escolher? Quem faz o tempo? Quem segue ordens? Quem saúda mais tempo? Quem reza mais alto? Quem morre primeiro? Quem ri por último?” 1990 .

por que você se sente falso?” 1987 Serigrafia fotográfica em vidro espelhado (55.7 cm) . “Se você é tão bem sucedido.88 x 266.

logo existo” Fotolitografia em saco de papel de compras 31.5 x 25 cm folha (saco): 43.7 cm 1987 .3 x 10.9 x 27. “Compro.

“A empatia pode mudar o mundo” Plataforma de estação de trem em Estrasburgo. França 1994 .

.

.

.

O que é e como surgiu a Arte Feminista? .Barbara Kruger e a Arte Feminista . Mary Kelly “Post Partum Document” Instalação 1973-79 . Mulheres e a arte .

Guerrilla Girls The Advantages of being a Woman Artist Poster 1988 .

48 x 284.“Seu corpo é um campo de batalha” 1989 (284.48 cm) .

“Seu Conforto é o meu silêncio” 1981 .

“77% dos lideres Anti-Aborto são homens. 100% deles nunca Engravidarão.” 1990 .

“Não precisamos de outro heroi” 1987 .

Bibliografia http://articles.latimes.letras.org/wiki/Barbara_Kruger http://www.moma.todamateria.com.ufrj.com/1990-07-04/entertainment/ca-271_1_barbara-kruger-s-artwork https://en.org/collection/works/64897 https://www.br/arte-conceitual/ http://www.br/garrafa8/na-fernandapequeno.wikipedia.ciencialit.thebroad.htm .org/art/barbara-kruger https://www.