You are on page 1of 19

Fontes de Inovação na Empresa

Parte a – Formas de acesso a inovações

Gestão Estratégica das Organizações IV

Inovação e Competitividade

Fontes de Inovação na Empresa .

Fontes de Inovação Interna Externa  Envolvem atividades  Envolvem: explicitamente voltadas Aquisição de para o desenvolvimento informações codificadas. de produtos e a exemplo de livros e Inovação processos para revistas técnicas. e incrementais por meio de programas de  Consultorias Processos especializadas qualidade. software. etc. vídeo.  Tecnologias embutidas em máquinas e equipamentos Fonte: Tigre . Produtos obtenção de melhorias manuais. treinamento  Obtenção de licenças de de RH e aprendizado fabricação de produtos organizacional.

informações de clientes. interagindo. Conhecimento codificado Livros. cursos e programas educacionais Conhecimento tácito Consultoria.Fontes de tecnologia mais utilizadas pelas empresas Fontes de tecnologia Exemplos Desenvolvimento tecnológico próprio P&D. manuais. usando. Internet. software aplicativo. revistas técnicas. estágios e treinamento prático Aprendizado cumulativo Processo de aprender fazendo. contratos com tecnologia universidades e centros de pesquisa Tecnologia incorporada Máquinas. contratação de RH experiente. feiras e exposições. devidamente documentado e difundido na empresa. equipamentos e software embutido. etc. . engenharia reversa e experimentação Contratos de transferência de Licenças e patentes.

Desenvolvimento tecnológico próprio Pesquisa Pesquisa Desenvolvimento básica aplicada experimental  Foco é o avanço  Foco nas etapas finais  Foco na transferência e científico.  Estado é o grande visando a comercialização  P&D integrado com a incentivador.  Altos investimentos reversa. da empresa de novos para a sociedade.  Uso de engenharia institutos de pesquisas. inovação  Evitada pela maioria  Desenvolvimento de  P&D integrado com a das empresas novos produtos e Produção  Resultados podem proporcionar saltos aperfeiçoamento dos  Capacidade de absorção tecnológicos importantes existentes. dos produtos e melhoria área mercadológica dos processos produtivos.  Busca da redução da conhecimentos para o incerteza das atividades desenvolvimento da Características  Resultados incertos de P&D.  Geralmente realizada pelas universidades e inovações na empresa. Fonte: Tigre 5 .  Melhoria de processos conhecimentos para à produtivos e introdução de inovação. do processo de inovação aplicação dos  É a longo prazo.

Cooperação em P&D Altos custos Convergência de de pesquisa tecnologias Consórcios para Cooperação em P&D Complexidade científica Alianças Estratégicas Fonte: Tigre 6 .

as empresas multinacionais concentram suas atividades de desenvolvimento tecnológico em suas matrizes e as subsidiárias mantêm pouca capacitação ou autonomia para inovar.Razões para a cooperação  Dificuldade em reunir internamente todas as competências necessárias para desenvolver um produto.  Necessidade de compatibilizar o produto com as bases ou padrões tecnológicos existentes.  No entanto.  Cooperação entre empresas da mesma cadeia produtiva e entre cadeias visando soluções tecnológicas básicas típicas de uma fase pré-competitiva.  Tradicionalmente.  Necessidade em dividir os custos e riscos inerentes à inovação. para as organizações globais. . existe uma tendência para integrar subsidiárias no processo de geração de novas tecnologias.

mas não transfere capacidade para alterar o projeto do produto. Transferência de tecnologia por meio da montagem de kits  Importação de componentes para montagem local sem praticamente nenhum conteúdo local.  Permite a obtenção de conhecimentos para montagem. .

2005). .  Necessita de bom suporte técnico.Tecnologia incorporada em máquinas e equipamentos  Constitui a principal fonte de tecnologia na indústria brasileira respondendo por 50% das inovações (Pintec. capacitação operacional e integração aos processos para alcançar ou superar a produtividade nominal.

Grau de importância atribuídos pela indústria de transformação brasileira às fontes de inovação (PINTEC 2015) 100% 80% 60% 40% 20% 0% P&D interna P&D externa outros máq e equip Treinamento Introd das Proj ind e conhec ext inov tecnol outras no mercado preparações téc Alta Média Baixa e não realizou .

Transferência de tecnologia por meio da montagem de kits  CKD (completely knocked down) e SKD (semi-knocked down):  Importação de componentes para montagem local sem praticamente nenhum conteúdo local. mas não transfere capacidade para alterar o projeto do produto. .  Permite a obtenção de conhecimentos para montagem.

 Necessita de bom suporte técnico. capacitação operacional e integração aos processos para alcançar ou superar a produtividade nominal. . Tecnologia incorporada em máquinas e equipamentos  Constitui a principal fonte de tecnologia na indústria brasileira respondendo por 50% das inovações (Pintec. 2015).

Estrutura dos gastos com fontes de inovação na indústria de transformação brasileira (PINTC 2015) Ativ internas de P&D Aquisição externa de P&D 14% 22% Aquisição de outros conhec ext 6% Aquisição de 2% máq e equip 3% Treinamento 3% Introdução das inov tecnol no mercado Projeto industrial e 50% outras preparações técnicas .

Inovação na indústria brasileira .

O processo de learning-by-doing .

Estrutura de gastos com atividades inovativas por setor industrial (1) 100% 80% 60% 40% 20% 0% alimentos bebidas fumo têxteis couro e móveis Refino de produtos calçados petróleo químicos (2001) P&D interna máq e equip Outros .

Estrutura de gastos com atividades inovativas por setor industrial (2) 100% 80% 60% 40% 20% 0% celulose produtos de máq e equip materiais relógios e automóveis outros equip máq p/ metal elétricos equip hospit e correlatos de escritório e e de transporte equip de precisão informática P&D interna máq e equip Outros .

Participação (%) dos gastos em inovação com máq e equip e P&D interna em países selecionados 80 60 (%) 40 20 0 P&D Interna Máquinas e Equipamentos .

Estrutura de gastos com atividades inovativas por setor industrial (2) 100% 80% 60% 40% 20% 0% celulose produtos de máq e equip materiais relógios e automóveis outros equip máq p/ metal elétricos equip hospit e correlatos de escritório e e de transporte equip de precisão informática P&D interna máq e equip Outros .