You are on page 1of 21

CONTROLE DE

CONTAMINAÇÃO
FORTALEZA – CE
- NOSSO LEMA É APERFEIÇOAR SEMPRE -
CONTROLE DE
CONTAMINAÇÃO

1. É a forma mais eficiente de se obter o


máximo de produtividade e segurança do
equipamento CAT.
2. Padronizando procedimentos de trabalho
diário fica fácil desenvolver o programa.
3. Elimina percas excessivas de eficiência
do equipamento.
4. Melhor qualidade de aproveitamento
desenvolvida na hora/trabalho.
5. Motivação de pessoal e envolvimento
geral da equipe de trabalho.
6. Diminuição de custos de manutenção e
operacional no equipamento.
7. Estreitamento e desenvolvimento na
relação MARCOSA (CAT) & CLIENTE.
PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA MANUTENÇÃO DO PROGRAMA
DE CONTROLE DE CONTAMINAÇÃO

- O óleo derramado ou respingos são


limpos imediatamente usando-se material
absorvente, como mantas ou equipamentos a
vácuo. Qualquer procedimento usado deverá ser
seguido de uma lavagem com esfregão e água
quente -
- Usar varredor/esfregador - Os tambores de fluidos,
motorizado diariamente - óleos hidráulicos, óleos diesel
e fluidos em geral, devem ser
- esfregar e varrer o piso armazenados com tampas
manualmente todos os dias - protetoras ou
estocados dentro do
armazém -
- As máquinas ou componentes devem ser
lavados com uma solução detergente quente sob
alta pressão e enxaguadas com água limpa -
- PROJETAR E IMPLANTAR
NOVO AMBIENTE PARA
OFICINA –
- MANTER AMBIENTE DE
TRABALHO SEMPRE LIMPO E
ORGANIZADO –
- MANTER TROCA DE FLUIDOS
NOS DETERMINADOS
PERIODOS –
- PROMOVER ANALISE DE
FLUIDOS ATRAVÉS DO
PROGRAMA SOS -
- ISOLAMENTO DE MATERIAIS EM
MANUTENÇÃO –
- PEÇAS E EQUIPAMENTOS DEVEM SER
MANTIDAS FORA DE CONTATO COM
ELEMENTOS CONTAMINNANTES COMO:
POEIRA, SUJEIRA E IMPUREZAS -
– Armazenar e Transportar o óleo novo a ser colocado no equipamento em
seus tambores e embalagens originais e hermeticamente lacradas -
– Durante trocas ou complementação de óleo seguir regras básicas anti-
contaminação como:
a) o responsável pela troca deve está devidamente higienizado;
b) não deixar as entradas(bocal) de óleo da maquina e a embalagem do óleo
abertas, expostas a agentes externos desnecessariamente;
– Sempre prover troca periódica de retentores gastos -
– Verificar conexões, dutos e mangueiras antes de instalar as próprias -
– Inspecionar qualquer comportamento anormal da maquina durante a
operação -
– Sempre utilizar óleos e filtros originais CAT -
- CONTROLE DE CONTAMINAÇÃO -
15/08/2005