You are on page 1of 43

Projeto Extensão Industrial Exportadora

Projeto Extensão Industrial Exportadora

Para uma melhor aprendizagem e


respeito ao facilitador solicitamos:

- Celulares no modo
silencioso;
- Em caso de urgência
atender fora da sala.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

5S – Uma Ferramenta para a Qualidade nas


Empresas
Projeto Extensão Industrial Exportadora

O surgiu no Japão, nas


décadas de 50 e 60, após a
Segunda Guerra Mundial,
quando o país vivia a chamada
crise de competitividade. Além
disso, havia muita sujeira nas
fábricas japonesas, sendo
necessária uma reestruturação
e uma “limpeza”.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

O é uma filosofia de trabalho que


busca promover a disciplina na empresa
através de consciência e
responsabilidade de todos, de forma a
tornar o ambiente de trabalho agradável,
seguro e produtivo.
Projeto Extensão Industrial Exportadora
Projeto Extensão Industrial Exportadora
COMO VENCER BARREIRAS
PARA APLICAR O

 Mostrar transparência;

 Permitir abertura;

 Demonstrar honestidade;

 Estabelecer metas;

 Divulgar resultados;

 Nomear um Coordenador do Programa que tenha


conhecimento de causa, que entenda e goste das pessoas.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

Separar o que utilizamos do que não


necessitamos e não usamos.
Vantagens:
 Liberação de utensílios, equipamentos
e documentos desnecessários;
 Redução do tempo de procura;
 Melhor visualização do local de
trabalho;
Projeto Extensão Industrial Exportadora

Cada material tem seu lugar.


Os almoxarifados,
Vantagens pela quantidade
de itens, são os
 Facilidade de comunicação; que mais se
beneficiam da
 Redução da perda de tempo; aplicação deste
 Redução dos riscos de acidentes; senso. Vários
 Controle do uso de equipamentos e itens devem ser
documentos necessários; identificados um a
 Rapidez e facilidade na busca de um.
documentos e objetos.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

Aplicações práticas:

 Placas de sinalização de trânsito;


 Numeração de transportes
coletivos;
 Faixas de circulação de pedestres;
 Prateleiras de supermercados e
farmácias;
 Numeração de assentos em meios
de transporte.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

A melhor
forma de limpar
é não sujar.

Vantagens

 Higiene no local de trabalho;


 Eliminação de desperdício;
 Satisfação de quem executa.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

DEPOIS DO DESCARTE

ANTES DO DESCARTE
Projeto Extensão Industrial Exportadora
APÓS ARRUMAÇÃO / ORGANIZAÇÃO
Projeto Extensão Industrial Exportadora

Manter a higiene em todos os locais freqüentados pelos colaboradores,


verificando o estado de implantação dos “5S”, quer sob o aspecto
físico, quer sob o aspecto mental.

Vantagens:

 Higienização mental e física da empresa;


 Melhoria do ambiente de trabalho;
 Melhoria das áreas comuns (salas, laboratórios, sanitários, etc.);
 Condições de trabalho favoráveis à saúde;
Projeto Extensão Industrial Exportadora

 Conscientizar quanto à utilização  Incentivo e valorização da


dos banheiros, refeitórios e higiene pessoal (extensivo aos
bebedouros, que devem ser familiares);
limpos e adequados;  Área Segurança do Trabalho:
 Cumprimento, à risca, das
 Campanha para eleição do atividades para prevenção da
“banheiro nota dez”; LER (lesão por esforço
repetitivo);
 Mapear as áreas de risco de  Criação de brigada de incêndio e
acidentes e conscientizar quanto respectivo treinamento das
à utilização obrigatória de EPIs pessoas em como agir nas
(equipamentos de proteção situações de risco;
individual);  Uso de uniforme e crachá.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

Vantagens:
 Cumprimento natural dos
procedimentos;

 Disciplina moral e ética;

 Cultivo de bons hábitos;

 Efetivação da administração
participativa;

 Garantia da qualidade de vida;


Projeto Extensão Industrial Exportadora

COMPROMETIMENTO DA ALTA DIREÇÃO

 Primeiro de tudo o empresário tem que querer, se a


resposta for positiva, ele deverá criar um grupo gestor,
composto por ele, sócios e o mais importante, um
coordenador geral, que ficara à frente da implantação do
5S.

 Esse coordenador, como sugestão, providenciará um


depoimento filmado, do empresário, contendo uma
mensagem aos funcionários ou uma carta-compromisso
com uma mensagem dirigida a todos os funcionários.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

ATRIBUIÇÕES DO COORDENADOR GERAL

 Criar um grupo de líderes por setor onde juntos definirão:


 A) Disseminação a todos funcionários, sem exceção, do
5S.
 B) Dia “D” de implantação.
 C) Cronograma de Auditorias.
 D) Cronograma de reuniões com o grupo gestor.
 E) Planos de Ações de Implantação (Dia D), Auditorias e
Corretivas.
 F) Definir junto ao empresário uma meta geral de 5S,
exemplo 80%.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

SENSIBILIZAÇÃO DAS PESSOAS-CHAVES

É de responsabilidade do coordenador geral , ou de um líder,


detectar funcionários de nível intermediário da empresa e
formadores de opinião;

Outras pessoas–chave devem ser identificadas para atuarem


como disseminadoras do programa como facilitadores ou
multiplicadores;
Projeto Extensão Industrial Exportadora

SENSIBILIZAÇÃO DAS PESSOAS-CHAVES

Deve haver um treinamento prévio aos funcionários


com o seguinte conteúdo:

 Conceitos do Programa;
 Benefícios;
 Exemplos de sucesso em outras empresas;
 Passos da implantação;
 Situação atual da empresa e onde se quer chegar;
 Compromisso da alta direção.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

DESIGNAÇÃO DOS FACILITADORES

 Facilitadores são aquelas pessoas, com perfil


semelhante ao Coordenador que, quando solicitadas,
auxiliam na promoção e até na disseminação dos
conceitos do 5S por toda empresa;

 Normalmente se designa um facilitador para cada trinta


funcionários;

 Privilegiar os voluntários para esta função.


Projeto Extensão Industrial Exportadora

REGISTRO DA SITUAÇÃO ATUAL

 O registro fotográfico ou filmado da situação atual


permite a comparação do “antes” e o “depois” da
implantação do 5S na empresa. Ao fotografar ou filmar,
tomar os seguintes cuidados:
 Não mascarar os diversos locais/situações;
 Não colher imagens de pessoas se elas não o
desejarem;
Projeto Extensão Industrial Exportadora

REGISTRO DA SITUAÇÃO ATUAL

 Evitar abrir armários ou gavetas que contenham


objetos de uso pessoal sem o consentimento dos
respectivos responsáveis;

 Registrar os fatos e dados em que a alta


administração se baseou para aplicar o 5S;

 Não esquecer de retratar as áreas comuns;

 Comunicar, previamente, a coleta de imagens,


procurando, assim, a cooperação de todos.
Projeto Extensão Industrial Exportadora

CAMPANHA PARA PROMOÇÃO DO PROGRAMA


 O objetivo é criar um clima de 5S;  Promover concursos para
elaboração de slogans, frases e
escolha de um mascote do
 Usar cartazes, faixas, chamadas programa e o respectivo nome;
em contra-cheques,
computadores e jornais internos,
na dosagem correta;  Oportunizar palestra ministrada por
representante de outra empresa,
onde o programa obteve êxito;
 Exibir filmes de curta duração
que enfatizem desperdícios,
segurança do trabalho, saúde e  Identificar os “talentos internos”
meio-ambiente; que podem contribuir com
interpretações, desenhos e poesia
alusivos ao 5S.
 Promover campanha de
“contagem regressiva” para o
“Dia D” do início do Programa;
Projeto Extensão Industrial Exportadora

ELABORAÇÃO DO MATERIAL DIDÁTICO

 É todo material necessário para repassar a todos os


funcionários, de forma única e padronizada;

 Cartilhas, panfletos ou gibis, usando a linguagem do dia-


a-dia, são nomes característicos a serem entregues
durante o treinamento ou em momento pré-determinado;

 O conteúdo dever refletir a realidade e as particularidades


de cada empresa, enfatizando os problemas e devem
conter mais figuras que textos;
Projeto Extensão Industrial Exportadora

COMEÇANDO PELO “DIA ”

É o marco inicial do 5S e deve ser um


dia alegre, de participação e integração
na prática do 5S;

Algumas instituições utilizam artifícios para


o “Dia D”, como distribuir camisetas,
bonés, buttons e flanelinhas no início das
atividades;
Projeto Extensão Industrial Exportadora

COMEÇANDO PELO “DIA ”

O senso mais evidente é o da utilização,


mas se pratica também os outros, porque
não há como separá-los;

Comunicar fornecedores e clientes


da suspensão dos fornecimentos
neste dia.
Projeto Extensão Industrial Exportadora
PRATICANDO OS

 Após o “Dia D”, a prática de cada senso deve ser


iniciada, determinando um tempo ao redor de uma
semana para cada um, dependendo do porte da
empresa.
 A separação de tempo é só para realçar cada senso,
pois não há como praticar “utilização” sem
“ordenação” ou “limpeza” sem “autodisciplina” e
“saúde”.
 Continuar indefinidamente a promoção do programa,
utilizando cartazes para registrar os avanços da
semana;
Projeto Extensão Industrial Exportadora

As dicas de prática do método 5S devem tornar-se


hábitos nas empresas , entre os funcionários, em todos
os setores para que o programa seja mantido e o
controle fique mais fácil.
Projeto Extensão Industrial Exportadora
Projeto Extensão Industrial Exportadora
Projeto Extensão Industrial Exportadora
Projeto Extensão Industrial Exportadora
Projeto Extensão Industrial Exportadora

SENSO DE UTILIZAÇÃO
Projeto Extensão Industrial Exportadora

SENSO DE ORDENAÇÃO
Projeto Extensão Industrial Exportadora

SENSO DE LIMPEZA
Projeto Extensão Industrial Exportadora

SENSO DE SAÚDE
AGORA TEMOSIndustrial Exportadora
Projeto Extensão

 S1 – SHIKARIYAO – DETERMINAÇÃO E UNIÃO


 S2 – SHIDO – EDUCAÇÃO E TREINAMENTO
 S3 – SEIRI – UTILIZAÇÃO
 S4 – SEITON – ORDENAÇÃO
 S5 – SEISOU – LIMPEZA
 S6 – SEIKETSU – SAÚDE
 S7 – SHITSUKE – DISCIPLINA
 S8 – SETSUYAKU – ECONOMIA NÃO DESPERDÍCIO
Projeto
Projeto Extensão
Extensão Industrial Exportadora
Industrial Exportadora

“É preferível realizar
aproximadamente hoje,
do que exatamente nunca”.

Kaoru Ishikawa
Projeto
Projeto Extensão
Extensão Industrial Exportadora
Industrial Exportadora

“As oportunidades para melhorias existem


em grande quantidade, mas não mandam
aviso”.

Joseph Moses Juran


Projeto
Projeto Extensão
Extensão Industrial Exportadora
Industrial Exportadora

“Não é suficiente você fazer o seu melhor;


primeiro, você precisa saber exatamente o
que fazer para depois dar o seu melhor”.

W. Edwards Deming
Projeto
Projeto Extensão
Extensão Industrial Exportadora
Industrial Exportadora

“Os meios acadêmicos tendem a definir a


Qualidade como excelência. Eu prefiro defini-
la como integridade”.

Philip B. Crosby
Projeto Extensão Industrial Exportadora

André Moreira
Contato: (85) 8836 8572
E Mail:
andrezao.moreira@hotmil.com

www.apexbrasil.com.br