You are on page 1of 33

O pequeno aventureiro

a
Guilherme Carey era um menino muito
ativo. Morava em Paulerspury, uma
pequena vila na Inglaterra.

a
Todos os dias, Guilherme ia para a
escola, onde seus colegas o apelidaram
de “Colombo”, porque, assim como o
descobridor Cristóvão Colombo – seu
grande herói, ele gostava muito de
aventuras.

não deixou de sonhar com o ninho.. Carey sofreu uma grande queda. foi proibido de sair da cama. Mesmo assim. .. ao tentar pegar um ninho de passarinho em cima de uma árvore. Certa vez. Primeiro.

Ele tinha 14 anos e precisava obedecer aos mais velhos. Nicholls. então. Sua escolha. um sapateiro que morava em Piddington. vivia doente. resolveu que ele deveria mudar de profissão. a Carey teve que concordar com o seu pai. porque fazia muito frio naquela região e sua saúde era frágil. Seu pai. Por ficar trabalhando ao ar livre. entretanto. uma vila distante de sua casa. Carey decidiu ser jardineiro. não deu muito certo. a trabalhar com o Sr. Passou. então.a Como gostava muito de cultivar a terra e cuidar das plantas. .

uma nova pessoa. Nicholls. . Ao tentar enganar o Sr. o primeiro que iria passar fora de casa. A enorme vergonha que sentiu ensinou- lhe uma lição. Ele entendeu que precisava ser salvo por Jesus Cristo e passou a ser um crente. Guilherme teve uma experiência ruim. ele foi descoberto. Na época do Natal. mas que teve um final feliz.

O pastor sapateiro .

Para auxiliar no sustento de sua família. no tempo em que foi pastor de uma pequena igreja e de uma congregação. . Carey trabalhou como sapateiro e professor.

holandês. grego e hebraico. Nele. descobriu um explorador da sua própria época e passou a viajar com ele em pensamento. francês.Carey possuía uma estante com livros em diversos idiomas: inglês. italiano. latim. . Um dos livros de que ele mais gostava era “As Viagens do Capitão Cook”.

Para atrair a atenção dos seus alunos. ele fez um globo com pedaços de couro. Carey ia desenhando um mapa-múndi numa das paredes de sua tenda de sapateiro. tendo os diversos países indicados por cores diferentes. À proporção que lia seus livros de viagens. .

certa vez. querendo dar a vez para alguém mais jovem.a Na cidade onde Carey vivia. perguntou com autoridade: – Quem gostaria de sugerir um assunto para debate? . os pastores batistas tinham o costume de se reunir para conversar e orar sobre assuntos importantes. um pastor idoso. a Os pastores jovens não tinham muitas oportunidades para falar nas reuniões por serem considerados inexperientes. Contudo.

fez a seguinte pergunta: – Será que a ordem de pregar o evangelho a todas as nações não deve ser obedecida também por nós? . Guilherme Carey colocou-se de pé e. tremendo.

sente-se! Quando Deus quiser salvar os povos de outras nações não vai precisar da sua nem da minha ajuda. . assim falou: – Jovem.O velho pastor que dirigia a reunião ficou muito irritado. quase gritando. Olhou para Carey e.

Carey leu seu artigo diante de um grupo de pastores. Carey publicou um artigo em forma de folheto. Não o mandaram sentar-se dessa vez. a Um pouco mais tarde. Dessa maneira. Disseram: – Devemos estudar o assunto. . vários crentes puderam ser orientados sobre a necessidade do trabalho missionário.a Para divulgar suas ideias acerca de missões.

reunida em Nottingham.” a O sermão impressionou a todos. .a Em 1792. Finalmente. a A mensagem central do seu sermão era esta: “Esperem grandes coisas de Deus. durante a primavera. tentem fazer grandes coisas para Deus. Carey recebeu um convite para pregar perante a associação batista. Carey havia conseguido abrir os olhos dos outros líderes batistas para a importância da obra missionária. decidiram organizar uma junta missionária. a Com alegria.

O evangelho chega à Índia .

Pouco tempo depois de chegar à Índia. ele prosseguia firme em seu trabalho. Carey trabalhou numa fábrica de anil. Continuava estudando o bengalês. a fim de que os hindus pudessem ler a Palavra de Deus. Apesar dos obstáculos. para sustentar sua família. e começou a traduzir o Novo Testamento. . língua falada na Índia.

apesar de demonstrar interesse. . Carey pôde constatar que. de fato. Com o passar do tempo. os indianos demoravam a aceitar a salvação em Jesus Cristo.

Lutas e vitórias .

Mas. quando a fogueira era acesa. . se mudassem de ideia. a Aparentemente. Muitas até se ofereciam para morrer. uma cerimônia em que as viúvas eram queimadas vivas ao lado de seus esposos recém-falecidos. dentro do próprio caixão. eram amarradas em paus de bambu. não eram obrigadas a fazer isso. porque. morreriam do mesmo modo. pois achavam que assim estariam demonstrando sua santidade e lealdade ao marido.a Carey ficou profundamente chocado com a prática do Sati.

custasse o que custasse. . Carey presenciou uma cena dessas e. virou o rosto e prometeu a si mesmo que combateria tal costume com todas as suas forças. sentindo horror. Certa ocasião.

formando uma espécie de comunidade cristã. Um jovem tipógrafo chegou para trabalhar ao seu lado. os missionários partiram de barco para Serampore. a Ali. juntaram-se a três famílias que haviam chegado à Índia. . Chamava-se Ward. no dia 1º de janeiro de 1800. teve uma agradável surpresa.a Em 1799. com Ward e passaram a morar todos juntos. quando Carey estava quase terminando de traduzir o Novo Testamento para o bengalês. a Assim.

contou com a ajuda de um ferreiro indiano. Para isso. O trabalho foi cansativo e demorado.Montar a tipografia foi a primeira preocupação de Carey ao chegar a Serampore. .

Mas. para a alegria geral. foi impressa a primeira folha da Palavra de Deus na língua do povo que desejavam ardentemente ganhar para Jesus. no dia 18 de março de 1800. .

Carey realizou o primeiro batismo na Índia. . os missionários iriam consagrar solenemente o primeiro Novo Testamento em bengalês. Um ano mais tarde. em Serampore. E em dezembro de 1800.

O trabalho progride .

capital da Índia. Carey ficou surpreso ao receber uma carta. durante a primavera de 1801. e Calcutá ficava a duas horas apenas de Serampore.Certa manhã. convidando-o para ser professor de bengalês num importante colégio do governo. . em Calcutá. Ele teria que lecionar dois dias por semana.

Marshman saiu correndo do seu quarto para ver o que estava acontecendo. assustado.. .Tudo ia muito bem. um dia. até que.. – Fogo! – gritou Ward.

as chamas aumentaram muito de tamanho e todos ficaram com medo que o fogo se espalhasse e destruísse as outras casas. Em pouco tempo. .Uma coluna de fogo de sete metros de altura subia de um armazém empilhado de papel.

parou e o incêndio foi controlado.Graças a Deus. Ninguém ficou ferido. que estava espalhando as chamas. Alguns textos que Carey tinha escrito e parte de suas traduções da Bíblia ficaram totalmente queimados. . o vento. mas as perdas materiais foram grandes. de repente.

. legalizando a obra missionária na Índia. proibindo a prática do Sati. a Num domingo de manhã. Era um comunicado urgente do governador. Carey recebeu uma carta que lhe trouxe muita alegria. enquanto preparava seu sermão. os missionários alcançaram uma grande vitória: o governo assinou um decreto.a Em 1813.

Guilherme Carey foi alguém que. as bandeiras dos prédios do governo indicavam luto oficial. .No dia 9 de junho de 1834. aceitou a sua responsabilidade diante da grande comissão. verdadeiramente. dia em que Carey foi sepultado. Todos estavam tristes.

figura na História como: “O Pai das Missões Modernas” . Carey viu o mundo.Num tempo em que poucas pessoas estavam preocupadas em obedecer à ordem de Jesus. Por isso.