You are on page 1of 24

Chiptronic

Temas a serem abordados

• Cursos e Treinamentos Chiptronic (conteúdo curso reparo Leve e Diesel )

• Programador de Eprons (Bee Prog)

• Programador de Centrais com processador ST10 (ST10 Flasher)

• Programador de Centrais Micro-Híbridas (OBD Tronic)

• Trasdata: Leitor e programador de centrais (linha leve e diesel médios)

• Genius: Leitor e programador de centrais (somente linha Diesel pesada)

• ECU Test II: Simulador para centrais automotivas (linha leve)


Chiptronic

Cursos e Treinamentos Chiptronic - conteúdo curso de


reparo leve e diesel
• Qual é o objetivo do Curso?
Mostrar aos participantes técnicas de reparação em placas de circuito
impresso, fazer diagnósticos e efetuar a busca de componentes eletrônicos dentro
da placa através do esquema elétrico (mapeamento).

• O que não será abrangido no treinamento de reparos?


Soluções referentes a imobilizadores como por exemplo: reset’s, decodes,
programações de chaves, entre outros.
Técnicas relacionadas com modificações de arquivos: potência, álcool e GNV.
Soluções referentes a BC (Body Computer) exemplo: clonagem e outros reparos.

• É permitido trazer ECUs pessoais para o curso?


Sim. Porém deve ser somente Uma central por participante e não será reparada em
sala, mais sim será dado uma direção de reparo para o participante. Também isso só
será possível de acordo com o cronograma do curso.
Chiptronic
• Qual é o conteúdo programático do curso?

1º Dia: Eletrônica Básica.

Conceitos básicos de elétrica e eletrônica aplicados ao módulo de injeção,


dissertação sobre os componentes eletrônicos bem como sua função, leitura de valores e
testes dos mesmos, além de conceitos básicos sobre eletrônica digital

2º Dia (período da manhã): Soldagem de Componentes PTH e SMD.


Prática de retirada e soldagem de componentes de uma placa de circuito impresso

2º Dia (período da tarde): Teoria de reparação e mapeamento

Nesta seção será apresentado aos participantes noções importantes sobre a


arquitetura interna da ECU e a forma como os sinais trafegam dentro do circuito.
Também teremos nesta mesma seção um estudo detalhado sobre os sinais elétricos que
encontramos em uma ECU, entre estes estão: sinais analógicos, sinais digitais e sinais
PWM (pulso com largura modulada). Técnicas de leitura de esquema elétrico e suas
simbologias mais comuns. Uso de programador de eprons (DIP/PLCC/PSOP) e uso de
programadores com funcões de telecarregamento (ST10 e OBD Tronic só para linha
leve)
Chiptronic

• Qual é o conteúdo programático do curso?

3º Dia: Teoria de reparo aplicada (usaremos como exemplo a ECU M1.5.4 linha
leve e linha Diesel PLD Mercedes Benz)

Neste dia específico faremos atividades relacionadas ao reparo como por exemplo:
A utilização de simulador de ECUs com o cabo universal, osciloscópio, Scanner e
técnicas de Mapeamento (identificação do componente responsável por alguma ação da
ECU) .

4º Dia: Work Shop e Reparação de ECUs.

Neste dia será abrangido as falhas mais comuns das ECUs e suas possíveis
soluções (usaremos o período da manhã para isso) em seguida faremos a reparação na
prática utilizando todas as informações propostas no curso.
Chiptronic

• Material Didático fornecido no Curso de reparo (linha Leve e Linha Diesel)

Nosso material didático conta com uma apostila rica em detalhes com mais de
30 sistemas completamente Mapeados (linha Leve). E para linha diesel em torno de
10 sistemas completamente mapeados.

Além disso fornecemos uma material extra anexados em um CD que são:

1-Lista de componentes Mascarados Bosch e Motorola (mais de 550 componentes).

2-Lista de Equivalências de Componentes. (componentes genéricos)

3-Arquivos de Injeção Originais de diversas ECUs. (algo em torno de 400 arquivos)

4-Lista muito completa de Checksum de ECUs originais

5-Lista de datasheets (folha de dados) de Componentes

6-Informações sobre fornecedores de componentes e outros


Chiptronic

Programador de Eprons (Bee Prog)

• O que é um Programador de Eprons?


É uma equipamento que tem a função de fazer leituras e programar eprons (chip)
de um placa eletrônica. Sua aplicação é universal, mais em geral é usada na linha
automotiva
Chiptronic

Programador de Eprons (Bee Prog)


• Quais Eprons é possível programar com o Bee Prog?
Ele atende uma gama de eprons muito grande, porém para a linha automotiva
podemos com certeza afirmar que atende os quatro principais modelos de eprons
(chips) com os seguintes encapsulamentos DIP, PSOP, SOIC e PLCC.

PSOP DIP PLCC

SOIC
Chiptronic

Programador de Eprons (Bee Prog)


• Exceto o encapsulamento DIP, as outras Eprons serão necessários o uso de um
adaptador para fazer leitura e programação.

Adaptador PSOP 44
Chiptronic

Programador de Eprons (Bee Prog)

Adaptador SOIC 8
Chiptronic

Programador de Eprons (Bee Prog)

Adaptador PLCC 32
Chiptronic

Programador de Eprons (Bee Prog)


• Além das funções convencionais (leitura e programação), com o Bee Prog ainda é
possível fazer a edição de arquivos no formato de Hexadecimal/ ASCII

• Tem a Função de comparar Buffer do arquivo

• Identificação do Checksum (soma de verificação)

• Apagar memória do tipo Flash

• E armazena arquivo já lido para formar um banco de dados

Nota: Os arquivos de injeção (somente injeção) que são fornecidos no curso de reparo
são compatíveis com o programador de eprons ELNEC Bee Prog, ou seja, será
possível programar as eprons de determinada central de injeção com arquivos que são
fornecidos no curso (desde que estejam no banco de dados de arquivos fornecido
pela chiptronic) . Na compra do Bee Prog o cliente NÃO ganha os arquivos, só no
curso de reparo
Chiptronic

Programador de Centrais com processador ST10 (ST10 Flasher)

• Por que é necessário o uso do ST10 Flasher?


Em alguns sistemas (centrais de injeção) principalmente as fabricadas pela
Magneti Marelli, as eprons ou chips não existem mais, e a memória foi agregada ao
processador, neste casos a única forma de fazer a leitura e programar essa memória é
através do Programador ST10 Flasher.

Identificação do
processador
Chiptronic

Programador de Centrais com processador ST10 (ST10 Flasher)

• Qual aplicação do ST10 Flasher?


Geralmente centrais do fabricante Magneti Marelli a partir de 2004 já possuem
esse tipo de processador, mais não é uma regra, para maiores informações é necessário
consultar a tabela de aplicações.

• Na compra do ST10 Flasher o cliente ganha os arquivo?


Não. Neste caso o cliente terá que montar seu banco de dados pessoal, por fazer
a leitura dos arquivos de dentro dos processadores ST10 e salvá-los em seu
computador
Chiptronic

Programador de Centrais Micro-Híbridas (OBD Tronic)

• O que é o OBD Tronic?


O programador CHIPTRONIC TUNING OBD é um equipamento usado para a
leitura e gravação de unidades micro-híbridas de veículos multimarcas. O acesso á
ECU (unidade de comando) é feito através do conector OBD (conector de diagnose)
presente nesses veículos.

O produto faz a comunicação entre o computador e a ECU utilizando conexão


USB, o que o torna um equipamento de fácil instalação e manuseio, além de contar
com
uma conexão rápida para as operações necessárias.

Atualmente o software faz a comunicação entre a maioria das ecus encontradas


em veículos nacionais e alguns importados presentes no mercado brasileiro.

Para maiores informações sobre a aplicação consulte a tabela de aplicações


Chiptronic

Programador de Centrais Micro-Híbridas (OBD Tronic)

OBD Tronic
Chiptronic

New Trasdata: Leitor e programador de Centrais


É um equipamento versátil utilizado para leitura e programação de centrais
com memória agregada ao processador (semelhante ao ST10), porém ele abrange
muito mais sistemas da linha leve gasolina e flex e é capaz de realizar esses
procedimentos em veículos diesel leves e médios (caminhonetes).
Chiptronic

New Trasdata: Leitor e programador de Centrais


Este equipamento possuem duas versões que são: Slave e a Master.

• Qual a principal diferença entre o Slave e o Master?


No Hardware não há, mais a principal diferença está no software chamado
RACE que acompanha o produto. Veja as diferenças

• Slave:
Como o próprio nome sugere, na versão Slave o usuário não terá a
possibilidade de executar as EDIÇÕES desejadas do arquivo da ECU que ele leu
como por exemplo fazer uma potência; ele ficará dependente de alguém que tenha a
versão Master, enviando o arquivo para o mesmo fazer as alterações

• Master:
Diferentemente do Slave, o usuário que possuir a versão Master, poderá executar
suas próprias alterações do arquivo que ele leu e programá-lo da maneira que
desejar sem depender de outros para isso.

Vale lembrar que ambos farão as funções de leitura e programação das centrais.
Chiptronic

New Genius: Leitor e programador de Centrais


Este Equipamento do mesmo fabricante do Trasdata a Dim Sports
(italiana), o Gennius é mais usado para linha pesada , fazendo as mesmas funções
do trasdata, leitura e programação de arquivos dentro das ECUs dos caminhões,
porém de maneira mais prática, tudo pelo conector de diagnóstico e sem desmontar
a ECU.
Chiptronic

New Genius: Leitor e programador de Centrais


Este equipamento também possuem duas versões que são: Slave e a Master.

• Qual a principal diferença entre o Slave e o Master?


No Hardware não há, mais a principal diferença está no RACE que
acompanha o produto.

• Slave:
Como o próprio nome sugere, na versão Slave o usuário não terá a
possibilidade de executar as EDIÇÕES desejadas do arquivo da ECU que ele leu
como por exemplo fazer uma potência; ele ficará dependente de alguém que tenha a
versão Master, enviando o arquivo para o mesmo fazer as alterações

• Master:
Diferentemente do Slave, o usuário que possuir a versão Master, poderá executar
suas próprias alterações do arquivo que ele leu e programá-lo da maneira que
desejar sem depender de outros para isso.

Vale lembrar que ambos farão as funções de leitura e programação das centrais.
Chiptronic

New Genius: Leitor e programador de Centrais

Um detalhe digno de nota é que os plugins (as ferramentas do software para


edição, para a versão Master ) são pagas pelo usuário, por exemplo;

O cliente tem um caminhão Mercedes Bens Atego 2025 e quer fazer um


potência. Para que isso seja possível o usuário do Genius deve ter instalado em seu
computador um plugin (ferramenta) que abra o arquivo do caminhão Atego 2025;
somente se ele tiver é possível proceder com a edição do arquivo da central e
finalizar a potência.

Além disso a versão Master exige anualmente atualização que também é


cobrada

Obs: O mesmo vale para o Trasdata


Chiptronic

ECU Test II – Simulador para centrais automotivas

• O que o ECU Test faz?


Ele simula as mesmas condições que teríamos nos veículo para que a Central
libere o funcionamento dos Atuadores do sistema de injeção , exemplo:

• Alimentação positiva e negativa para a ECU

• Sinal de sensor de rotação e sensor de fase (sinais vitais para o sistema de


injeção)

• E sinais de outros sensores secundários para verificar a resposta da ECU ao


estimulo dos mesmos
Chiptronic

ECU Test II – Simulador para centrais automotivas


• Em uma central defeituosa, o ECU Test faz o diagnóstico?
De forma alguma, o ECU Test não é um Scanner, ele só auxiliará no teste da
ECU e verificação do seu funcionamento. O diagnóstico deve ser efetuado pelo usuário
do equipamento através de seu conhecimento técnico e outras fontes.

• Em uma laboratório de reparo só o ECU Test resolve?


Não. Deve haver um conjunto de equipamentos voltados para a área como,
osciloscópios, multímetros, kits de solda, programadores de eprons, equipamentos de
telecarregamento entre outros que auxiliam nesse processo. O simulador é só mais um
nesse meio todo.

• O equipamento da muito defeito?


Não. Mais pode acontecer devido a falta de experiência do usuário em manuseá-lo.
Chiptronic

ECU Test II – Simulador para centrais automotivas