You are on page 1of 20

Engenharia Ambiental – Química Ambiental

Profº MSc. Alonso Goes Guimarães


Poluição ou contaminação?????
 Contaminação
 é a introdução, no meio ambiente, de agentes que afetam
negativamente o ecossistema, provocando alterações na estrutura e
funcionamento das comunidades
 Poluição
 É a alteração das condições físicas, químicas ou biológicas do meio
ambiente, causada por qualquer forma de matéria ou energia
resultante das atividades humanas, em níveis capazes de, direta ou
indiretamente, serem impróprias, nocivas ou ofensivas à saúde, à
segurança e ao bem-estar da população
Repercussões da Contaminação
Pesticidas
 Mais de 2500 anos;
 Prod. Naturais;
 Pequenas quantidades;
 Biodegradáveis;
 Vem reduzindo
enormemente a
incidência de doenças ao
longo dos tempos.
Pesticidas
 Substâncias que podem matar diretamente um
organismo indesejável ou controlá-lo de alguma
maneira:
 Fungicidas;
 Herbicidas;
 Inseticidas;
 Algicidas;
 Bactericida.
Inseticidas Organoclorados
 Carbono forma muitos compostos com o cloro;
 Organoclorados: obtidos pela reação de Cl +
hidrocarbonetos derivados do petróleo;
 C-Cl : ligações difíceis de serem rompidas;
 O Cl diminui a reatividade de outras ligações das
moléculas;
Inseticidas Organoclorados
 Dependendo da aplicação, grande vantagem na falta
de reatividade;
 Estruturas hidrofóbicas
 Solúveis em óleos ou tecidos adiposos
 Bioacumulação --- Biomagnificação
Cl
Cl Cl

Hexaclorobenzeno (HCB) Cl
Cl
Cl

 Após a 2ª guerra em plantio de cereais


 Estabilidade contra degradação
 Toxicidade relativamente alta p/ insetos, mas baixa
p/ seres humanos.
Hexaclorobenzeno (HCB)
 Câncer de fígado em
Cl
roedores
Cl Cl
 DL50 = 1g/kg
 Hidrofóbica
 Em água: 0,0062 ppm Cl Cl
Cl
1,2,3,4,5,6-hexaclorocicloexano (BHC)

Cl
Cl Cl

Cl Cl
Cl
para-diclorodifeniltricloroetano
(DDT)
 Segundo OMS, salvou + de 5 Cl
milhões de pessoas Cl
Cl
 Mosquitos da malária, febre
amarela, tifo e pulgas Cl
 Baixa pressão de vapor,
reatividade e solubilidade em
água
 Solúvel em solventes
orgânicos e tecido adiposo Cl
DDT
 Algumas metabolizam DDT e convertem em DDE
 Prejudica a dist. de cálcio e leva a prod. de ovos
com casca + fina
DDT
 Organoclorados são biomagnificados
 Ex: Peixes----------Gaivota
1ppm------------6ppm
Inseticidas Modernos
 Organofosforados e carbamatos
 Não-persistentes
 Mais tóxicos p/ seres humanos
 Efeitos imediatos
 Átomos de P ligados ao O ou S por dupla ligação
Acumulação e Destino dos Organoclorados
 Conc. nos tecidos dos peixes --- várias ordens de
grandeza maiores do que da água;
 Muito + solúveis em meios similares a
Hidrocarbonetos, como tecidos gordurosos, como dos
peixes;
 Água passa pelas brânquias-----carne gordurosa.
Bioconcentração
 Fator de Bioconcentração:
 Razão entre [ Subst. no peixe] /
[Subst. Dissolvida na água]
 FBC pode ser estimado com precisão;
 Por experimento de laboratório:
 Equilíbrio da substância com sist. de 2 fases:
 Água e Octanol
Coeficiente de Partição
 Kow = [ S ]octanol / [ S ]água

 Quanto maior  mais solúvel nos sedimentos e na


matéria orgânica;
 Por apresentar normalmente grande magnitude
 log Kow
Coeficiente de Partição
 Valores de log Kow de 7,8 ou maiores:
 Indicativo de prod. Químicos capazes de adsorver
fortemente nos sedimentos, improvável sua introdução
em tecidos vivos;
 Valores de log Kow 4 a 7 são os que + bioconcentram.
Exemplo
Sendo o HCB, log Kow = 5,3, qual será a conc. estimada de
HCB em virtude da bioconcentração na gordura dos
peixes que vivem em águas que contém 0,000010 ppm
deste produto químico?

Para o Malation, o log Kow = 2,9, qual será a concentração


estimada de Malation em águas, cuja bioconcentração
na gordura dos peixes apresentou valor de 150 ppm
deste produto químico?