Acelulares. Desprovidos de metabolismo próprio fora da célula hospedeira. Parasitas intracelulares obrigatórios.

Cápsula

proteica.
Ácido

Nucléico: Dna ou Rna.
Capsídeo. Cauda:

bainha contráteis e fibras de protéinas.
(
alguns)

É quando a partícula viral, encontra-se fora da célula hospedeira. Cada espécie de vírus contém apresenta formato característico.

 

Contém 4 etapas: Adsorção: é a fixação do vírus na célula hospedeira. Penetração: o Ácido Nucléico do virus penetra na célula hospedeira.

Eclipese: Acontece a duplicação do Ácido Nucléico, Cápsula, Proteínas e Cauda. Esta fase é muito longa.  Liberação: Com destruição da enzimáticas o Vírus sai da célula hospedeira.

É quando o material genético (Dna) do vírus, se acopla ao material genético ( Dna)da bactéria. A bactéria se reproduz dando origem ao material genético DNA viral.

O vírus injeta o seu Dna na bactéria, novas moléculas de Dna viral vão sendo sintetizadas, logo após a cápsula proteica e a cauda. A junção dos componentes forma-se novos vírus. A bactéria se rompe, liberando novos vírus.

Gripe Resfriado Rubéola Dengue Febre

Hepatite Poliomielite Aids Herpes

Amarela Sarampo Raiva Caxumba