You are on page 1of 25

Resgates

Coletivos

“Todos estamos vivos na presença de


Deus”.
“Não penseis que vim destruir a
lei ou os profetas; não vim para
destruí-los, para
los. Em
mas cumpri- vos
que o céu e a terra
verdade digo até
nem
passem, jota ou um til
omitirá
um sem que
lei se
seja
da cumprido.”, tudo
(Jesus – Mt 5:17-18)
O ESPIRITISMO:
A CAUSA E O
EFEITO
“Deus tem as suas leis, que regulam
todas as vossas ações. Se as
violardes, a culpa é vossa.(...) Mas
ele traçou um limite, as doenças e
por vezes a morte são
consequências dos excessos. Eis a
punição: ela resulta da infração da
lei: assim se passa em tudo.”
(“O Livro dos Espíritos”, questão 964)
JUSTIÇA DAS AFLIÇÕES

(E.S.E. – Cap. V:6)


CAUSAS DAS
AFLIÇÕES

VIDA VIDAS
PRESENTE PASSADA
S
A FORÇA DA LEI

“...e a mente humana incumbe-


se automaticamente de fixar a
natureza da responsabilidade
que lhes diga respeito,
marcando no próprio ser as
consequências felizes ou
infelizes de sua movimentação
consciencial no campo do
destino.” (Espírito André Luiz)

(XAVIER, F.C. in Evolução em Dois Mundos – Cap. II)


“Cada
sofrimento é
uma sombra
que estende n o
passado e que
volta ao
presente a f im
de
que a
transformes em
Espírito Emmanuel luz.”
CÓDIGO PENAL DA VIDA FUTURA
“O arrependimento suaviza
as dores da expiação, porque
desperta esperança e prepara
a reabilitação, mas somente
a reparação pode anular o
efeito ao destruir a causa. O
perdão seria uma graça e não
uma anulação da falta.”

(Allan Kardec – O Céu e o Inferno –


“Nos difíceis
eventos
reverenciemos ,
princípios
os
causa e efeito que nos
de regem os
destinos, mas não nos
esqueçamos da lei de renovação,
em bases de amor aos
semelhantes, capaz de superá-
los.

Espírito
Emmanuel
INDIVÍDUO

FAMÍLI
A

NAÇÕES
“Sob cada uma dessas três faces
pode ele ser criminoso e virtuoso,
isto é, pode ser virtuoso como pai
de família, ao mesmo tempo que
criminoso como cidadão e
reciprocamente. Daí as situações
especiais que para si cria nas suas
sucessivas existências.” (Espírito
Clélia Duplantier)

(Allan Kardec – Obras


“As também
expiações
são solidárias, o que
suprime
não a expiação
simultânea faltas
individuais.”
das
(Espírito Clélia
Duplantier)
(Allan Kardec – Obras
“Você tem o seu pincel, tem suas tintas,
pinte o paraíso e depois entre nele. E, se
quiser pintar o inferno, pode pintar, mas
não venha me culpar, e nem os seus
pais, nem a sociedade – e por favor não
culpe Deus... Você assume toda a
responsabilidade pintar o seu
por próprio inferno.”
DESENCARNAÇÕES COLETIVAS

Como se processa a provação


coletiva?
- Na provação coletiva
verifica-se a
convocação Espíritos
dos encarnados,participantes do
mesmo débito, com referência ao
passado delituoso e obscuro.” (...)
“(...) razão por que, muitas vezes,
intitulais “doloroso acaso” às
circunstâncias que reúnem as
criaturas mais díspares no mesmo
acidente, que lhes ocasiona a
morte do corpo físico ou as mais
variadas mutilações, no quadro
dos seus compromissos
individuais.” (Emmanuel)
(XAVIER, F. C. in O Consolador- Q.250)
FLAGELOS DESTRUIDORES
“Só julgais essas coisas do vosso ponto
de vista pessoal, e as chamais de flagelos
por causa dos prejuízos que vos causam;
mas esses transtornos são frequentemente
necessários para fazerem com que as
coisas cheguem mais prontamente a uma
ordem realizando-se em
melhor, anos necessitaria alguns de
o que
séculos.” muitos
(O Livro dos Espíritos – Q.
(O Livro dos Espíritos – Q.
“Quer a morte se verifique por
um flagelo ou por uma causa
ordinária, não se pode escapar
a ela quando soa a hora da
partida: a única diferença é
que no primeiro caso parte um
grande número ao mesmo
tempo.”
(O Livro dos Espíritos – Q. 738-
ACIDENTES PÚBLICOS

EPIDEMIAS
ARRASADORAS

SANGUE E LÁGRIMAS

DOLOROSOS INCÊNDIOS
A TRANSIÇÃO PLANETÁRIA

“Mas é chegado o tempo de


reajustamento de todos os valores
um
humanos. Se as dolorosas expiações
coletivas preludiam a época dos últimos
“ais” do Apocalipse, a espiritualidade tem
de penetrar as realizações do homem
físico, conduzindo-as para o bem de toda
a Humanidade.” (Esp. Emmanuel)

(XAVIER, F. C. in A Caminho da Luz)


“As grandes partidas
coletivas, entretanto
não têm por único fim
ativar as saídas; tem
igualmente o
transformar
de
rapidamente o espírito
mais
da massa, livrando-a
das más influências e o
de dar mais ascendente
às idéias novas.”
(A Gênese” – C ap. XVII - 32 )
“... não podemos
que se o desastre é o
esquecer
mesmo para todos os que
tombaram, a morte é
diferente para cada um.”

A ç ão e Reação – Cap. 18