You are on page 1of 20

SISTEMA EXCRETOR

Prof° DANIEL ARIZI


O sistema urinário compreende os órgãos responsáveis
pela formação da urina, os rins e as vias urinárias:
ureteres, bexiga, e uretra.
adrenal

Veia cava rim


inferior

aorta

ureter

bexiga

uretra
Anatomia

Rins

• Coluna vertebral
• 10cm x 5cm x 2,5cm
• O rim humano tem
forma de grão de feijão
Córtex
renal

Pelve renal Medula


renal
Medula renal

Córtex renal
Ducto
coletor
Ureter
Cápsula de Túbulo contorcido
Bowman proximal
Glomérulo
Túbulo contorcido distal

Ramo da artéria renal Alça


ascendente

Alça
descendente
Ducto coletor

Alça de Henle

para o ureter
NEFROM
 UNIDADE FUNCIONAL capilares
Anatomia
Néfron

Unidade morfofuncional do rim

Regiões: • Glomérulo Renal


• Cápsula de Bowman
• Túbulo cont. proximal
• Alça de Henle
• Túbulo cont. distal
• Ducto coletor
FUNÇÕES DO RIM
Filtração: pressão hidrostática do sangue sobre as paredes do glomérulo.
São barradas as células sangüíneas e proteínas plasmáticas, passando água
e alguns solutos = Filtrado Glomerular
Reabsorção: água, NaCl, glicose, aminoácidos.
Secreção: algumas moléculas estranhas passam direto do sangue para os
túbulos. Ex.: drogas, remédios.
1,2 L de sangue / min passam pelos rins .: ≅ 1800 L por dia
destes ≅ 180 L de água deixam o sangue para fazer parte do filtrado, mas
são produzido 1-2L de urina/ dia .: 178 L são REABSORVIDOS

Reabsorção

Filtração Secreção

Excreção: K+, H+
Túbulo renal Água, exc.
nitrogenadas
ORGANIZAÇÃO BÁSICA DO NÉFROM
Alça
ascendente
Glomérulo

Alça
descendente
GLICOSE

Aminoácidos

Ca++

Tubo
Coletor

Reabsorção ativa (gasto de


energia): glicose, aminoácidos, sais
Reabsorção passiva (difusão): água
Reabsorção

• Túbulo cont. prox.


– Reabsorção de sais
– Reabsorção de água
Anatomia
Ureteres
•25-30cm
•Função:
-Conduzir a urina do rim à
bexiga urinária
Anatomia
Bexiga
• 250ml
• Localização:
-Cavidade pélvica
-No homem: à frente do reto
-Na mulher: entre o útero e
o reto
•Função:
- Armazenar a urina que flui
continuamente dos ureteres
Anatomia

Uretra

• ♂ 18-20cm
• ♀ 4cm
• Função:
- Conduzir a urina
da bexiga ao
meio externo
Fisiologia
Eliminação da
urina
Fisiologia

Eliminação da
urina

• Sangue: 180 L/dia filtrados.


• Urina: 1 a 2 L.
• Reabsorvidos: glicose e
aminoácidos.
Fisiologia

ADH = Hormônio Anti-Diurético

• Produção:

- Hipotálamo/ Hipófise

• Função: Reabsorção de H2O

∀ ↑ concentração urinária

• Álcool e Cafeína inibe


com ADH sem ADH
PRINCIPAIS DISTÚRBIO SIST URINÁRIO HUMANO

CÁLCULO RENAL
O depósito organizado de sais
minerais nos rins ou em
qualquer parte do aparelho
urinário.
Cálculos constituídos por cálcio
são os mais comuns. Outros
minerais encontrados são:
oxalato, fósforo, ácido úrico.

Deficiência genética para


excreção desses sais

Dieta rica nessas sais: ex.: leite


e derivados.

Tratamento cirúrgico ou não


invasivo: ultra-som / laser
PRINCIPAIS DISTÚRBIO SIST URINÁRIO HUMANO

GOTA
Gota é uma doença
caracterizada pela
elevação de ácido úrico
no sangue e surtos de
artrite aguda secundários
ao depósito de cristais do
sal deste ácido (uratos).

 O ácido úrico é um resíduo nitrogenado do


metabolismo de purinas (lembrar das bases
nitrogenadas).
 Mariscos, sardinha, salmão, bacon, fígado
devem ser evitados por aqueles que sofrem de
gota.
PRINCIPAIS DISTÚRBIO SIST URINÁRIO HUMANO
HEMODIÁLISE
O tratamento mais utilizado por aqueles pacientes que, por qualquer motivo,
perderam a função renal e irreparavelmente atingiram a fase terminal da
doença renal.
No dialisador, o sangue é exposto à solução de diálise (também conhecida
como dialisato) através de uma membrana semipermeável, permitindo assim,
as trocas de substâncias entre o sangue e o dialisato. Após ser retirado do
paciente e passado através do dialisador, o sangue “filtrado” é então
devolvido ao paciente pelo acesso vascular. É importante ressaltar que a água
usada durante a diálise deve ser tratada e sua qualidade monitorada
regularmente.