You are on page 1of 40

Ciências da Natureza e suas tecnologias

Ensino Médio, 2° ano


As novas técnicas de classificação biológica
Ciências da Natureza e suas tecnologias , 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

BREVE HISTÓRIA DA CLASSIFICAÇÃO DOS SERES


VIVOS

• A vida em grupos, o início das práticas agrícolas


e a domesticação de animais exigiram que os
seres humanos passassem a olhar para a
natureza de uma maneira mais atenta (1);

• Surgiram também as primeiras tentativas de


classificar as espécies já conhecidas;
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Classificar é agrupar objetos (ou seres vivos)


de acordo com um critério, como suas
semelhanças ou diferenças;

• O ramo da biologia que trata da descrição, da


nomenclatura e da classificação dos seres
vivos denomina-se Taxonomia (2).
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

ARISTÓTELES

Imagem: Jastrow (2006) / Ludovisi Collection - National Museum of Roma / Public Domain.
(348-323 a.C.)

• No século IV a.C,
nasceu e viveu na
Grécia o filósofo e
naturalista Aristóteles;
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Além de sua contribuição para filosofia,


Aristóteles realizou importantes observações
acerca dos seres vivos (3);

• Estabeleceu o primeiro sistema de


classificação com bases científicas;
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Destacou a importância da organização


corporal dos animais como critério para dividi-
los em grupos;
Por exemplo: Aristóteles argumentava que
baleias e golfinhos, apesar de viverem em ambiente
aquático e apresentarem semelhanças como os
peixes, diferiam notadamente destes na organização
de seus corpos, nisso assemelhando-se aos
mamíferos, junto aos quais deveriam ser
classificados.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Após Aristóteles, praticamente não


ocorreram progressos significativos até o
renascimento;

• A partir de então, começou a pensar em um


sistema que agrupasse os seres vivos de
acordo com suas características mais típicas,
como estrutura corporal, funções orgânicas.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

O SISTEMA DE

Imagem: Alexander Roslin. Restaurada digitalmente por Greg L. / United States Public Domain.
CLASSIFICAÇÃO DE
LINEU

• A classificação
biológica teve início
com os trabalhos do
botânico sueco Carl
von Linné (1707-
1778);
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Suas ideias sobre classificação biológica foram


publicadas em seu livro Systema Naturae
(Sistema natural), cuja primeira edição saiu em
1735;

• Lineu acreditava que as características


anatômicas eram as mais adequadas para
agrupar os seres vivos.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Imagem: Carl Linnæus,


published in 1760 in Halle
(Germany) / Public Domain
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• No sistema de Lineu a unidade básica de


classificação é a espécie. Espécies
semelhantes são agrupadas em um mesmo
gênero. Gêneros semelhantes são agrupados
em uma mesma família. Famílias são
agrupadas em ordens, que são agrupadas em
classes, que são agrupadas em filos ou
divisões, que são agrupados em reinos.
Exemplo:

Imagem: SEE-PE
HOMEM CÃO MOSCA

REINO Animalia Animalia Animalia

FILO Chordata Chordata Arthropoda

CLASSE Mammalia Mammalia Insecta

ORDEM Primata Carnívora Díptera

FAMÍLIA Hominidae Canidae Muscidae

GÊNERO Homo Canis Musca

ESPÉCIE Homo sapiens Canis familiaris Musca domestica


Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

CLASSIFICAÇÃO ATUAL
• Antigamente, a classificação fundamentava-se
principalmente em aspectos morfológicos;

• Mas nem sempre essas semelhanças refletem


as relações de parentescos entre as espécies.

Conceito biológico de espécie: É um grupamento de


populações naturais, realmente ou potencialmente
intercruzantes, produzindo descendentes férteis e
reprodutivamente isolados de outros grupos de
organismos.
• Os sistemas atuais consideram um conjunto
de caracteres relevantes, os quais permitem
propor e testar hipóteses de relações de
parentescos evolutivos e construir a filogenia
dos diferentes seres vivos, ou seja, estabelecer
as principais linhas evolutivas desses grupos.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

EVOLUÇÃO E SISTEMÁTICA

• A sistemática é a área da Biologia que se


preocupa principalmente em compreender a
filogenia (história evolutiva das espécies de
seres vivos) (4).
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Sistemática evolutiva X sistemática


filogenética ou cladística:

• A cladística foi introduzida a partir da


divulgação dos trabalhos de Willi Hennig, em
1966 (5).
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

SISTEMÁTICA FILOGENÉTICA OU CLADÍSTICA

• Entende-se que a diversidade de seres vivos é


resultante de processos evolutivos e que esses
processos ocorrem por anagênese e por
cladogênese (6).

• As relações evolutivas entre os seres vivos são


representadas por diagramas denominados
cladogramas (clado = ramo) (7).
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

ANAGÊNESE E CLADOGÊNESE

• Anagênese: processo pelo qual um caráter


surge ou se modifica numa população ao
longo do tempo, sendo responsável pelas
novidades evolutivas (8).

• Cladogênese: processo responsável pela


ruptura da coesão inicial numa população,
gerando duas ou mais populações que não
mais se comunicam.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Imagem: SEE-PE
Cladograma
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Diagrama: SEE-PE

Gravuras: J. G. Keulemans / Mivart, St. George Jackson, 1827-1900 /


Public Domain.
Esquema de formação de espécies
por cladogênese e anagênese.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

CLADOGRAMAS

• Vamos trabalhar apenas com uma das formas


de cladogramas: o enraizado.

• Definir a raiz, ou seja, onde o cladograma se


inicia, pode ser feito de várias formas:
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Analisando a ontogenia ou comparando os


organismos que se pretende estudar (grupos
internos) com outros grupos evolutivamente
próximos, cuja cladogênese tenha sido
anterior (grupos externos) (10) ;

• Para cada caráter é destacada qual a condição


ancestral (ou primitiva) e qual a condição
derivada que surgiu a partir desta condição
primitiva (11);
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Somente as condições derivadas são usadas


para definir os agrupamentos;

• Somente são aceitos grupos monofiléticos,


formados por organismos que compartilham a
mesma condição derivada de um ou mais
caracteres e que descendem de um ancestral
comum exclusivo (12);
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Partes que compõem um cladograma: raiz,


ramos, nós e terminais;

• Os grupos de seres vivos compõem os


terminais nos cladogramas;

• Os ramos são as linhas do cladograma (13);


Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Nó: ponto de onde partem as ramificações.


Representa o ancestral comum hipotético para
todos os grupos acima dele. Os grupos de
cada nó são monofiléticos. Cada nó simboliza
um evento cladogenético (14);

• A localização dos pontos de ramificação ao


longo do cladograma fornece uma ideia do
tempo relativo de origem dos diferentes
ramos.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Imagem: SEE-PE
Cladograma
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Exemplo:

Imagem: SEE-PE
Cladograma
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• O ramo X tem a mesma idade de todo ramo Y


(formado pelos grupos A + B + C + D), pois
esses dois ramos pertencem ao mesmo nó;

• Quando se compara o ramo X como o ramo A,


nota-se que A, parte de um nó mais apical.
Isso significa que o ramo A surgiu depois do
ramo X;
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Podemos dizer então que o ramo B surgiu


depois do A, e os ramos C e D depois do B. Os
dois últimos ramos (C + D) surgiram ao mesmo
tempo, pois surgiram de um mesmo nó;

• A sequência hierárquica das ramificações do


cladograma reflete de alguma maneira a
sequência de subdivisões de linhagens
observadas ao longo do tempo.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

CONSTRUINDO UM CLADOGRAMA

• Vamos construir um cladograma hipotético


em que se pretende analisar as relações
filogenéticas entre quatro grupos de
organismo: A, B, C e D;

• Devemos analisar de forma comparativa


características presentes nesses grupos e
como essas características variam.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Observe a tabela de dados em que as


informações foram colocadas:

Imagem: SEE-PE
GRUPO
CARÁTER GRUPO A GRUPO B GRUPO C GRUPO D
EXTERNO X

5
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Cada passo do cladograma é determinado


pela condição derivada e deve-se construir o
cladograma com o menor número possível de
passos.

Imagem: SEE-PE
Cladograma
SISTEMÁTICA: UMA ÁREA EM CONSTANTE
MODIFICAÇÃO

• Ainda existem dúvidas na compreensão das


relações filogenéticas entre vários grupos de
seres vivos;
• A sistemática hoje é uma das áreas da Biologia
que mais cresce e sofre mudanças;
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

• Quando as relações filogenéticas de grupos


estão bem resolvidas, são apresentadas em
cladogramas formados apenas por dicotomia
(dico = dois; tómos = divisão) (15);

• Quando vários ramos partem de um único


ponto do cladograma, significa que as relações
filogenéticas entre esses grupos não estão
completamente resolvidas, formando politomias
(poli = muitos) (16).
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Imagem: SEE-PE
Cladogramas
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Atividade: Construindo um cladograma


Analise a seguinte matriz de dados sobre
características de cinco gêneros de dinossauros
e construa um cladograma que melhor reflita as
relações de parentesco evolutivo entre esses
gêneros. As condições derivadas estão
destacadas em fundo colorido.
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Allosaurus Stegosaurus Parasaurolophus Pachycephalosaurus Tríceratops


Imagens: (a,b,d,e) Nobu Tamura / GNU Free Documentation License.

Orifício no
encaixe do osso
do quadril
Processo
posterior do Ausente
(c) LeCire / Public Domain. Tabela: SEE-PE.

púbis
Esmalte em
camadas
Ausente Ausente
desiguais nos
dentes
Expansão na
Ausente Ausente Ausente
base do crânio
Três chifres na
Ausente Ausente Ausente Ausente
cabeça
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

CLADOGRAMA

Imagem: SEE-PE
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Slide Autoria / Licença Link da Fonte Data do Acesso

4 Jastrow (2006) / Ludovisi Collection - National http://commons.wikimedia.org/wiki/File: 07/02/2012


Museum of Roma / Public Domain. Aristotle_Altemps_Inv8575.jpg
8 Alexander Roslin. Restaurada digitalmente http://commons.wikimedia.org/wiki/File:C 07/02/2012
por Greg L. / United States Public Domain. arolus_Linnaeus_(cleaned_up_version).jp
g
10 Carl Linnæus, published in 1760 in Halle http://commons.wikimedia.org/wiki/File:S 07/02/2012
(Germany) / Public Domain ystema_Naturae_cover.jpg
12 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012
19 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012
20 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012
20a J. G. Keulemans / Mivart, St. George Jackson, http://commons.wikimedia.org/wiki/File:K 07/02/2012
1827-1900 / Public Domain. eulemans_pale_fox.png
20b J. G. Keulemans / Mivart, St. George Jackson, http://commons.wikimedia.org/wiki/File:K 07/02/2012
1827-1900 / Public Domain. eulemans_common_fox.png
20c J. G. Keulemans / Mivart, St. George Jackson, http://commons.wikimedia.org/wiki/File:K 07/02/2012
1827-1900 / Public Domain. eulemans_silver_fox.png
26 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012
27 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012
31 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012
Ciências da Natureza e suas tecnologias, 2° ano
As novas técnicas de classificação biológica

Slide Autoria / Licença Link da Fonte Data do


Acesso

32 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012

35 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012

37 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012

37a Nobu Tamura / GNU Free Documentation http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Allosa 07/02/2012


License urus_BW.jpg
37b Nobu Tamura / GNU Free Documentation http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Stegos 07/02/2012
License aurus_BW.jpg
37c LeCire / Public Domain http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Parasa 07/02/2012
urolophus.jpg
37d Nobu Tamura / GNU Free Documentation http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pachy 07/02/2012
License cephalosaurus.jpg
37e Nobu Tamura / GNU Free Documentation http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Tricera 07/02/2012
License tops_new_BW.jpg
38 SEE-PE Acervo SEE-PE 07/02/2012