COMPETENCE ALLIED WITH THE TECHNOLOGY

Treinamento

2004

Treinamento

2004

4.07TCAE 116 KW (158 cv 3500 RPM TORQUE= 331 A 1600 RPM INJEÇÃO DIRETA COMMON-RAIL TURBO:GEOMETRIA VARIÁVEL NORMA DE EMISSÕES EURO 3

Treinamento

2004

Dados técnicos:
Motor Construção Cilindrada
desempenho de máximo

4.07 TCAE
Motor Diesel em linha com turbocompressor 2798 cm³ 116 Kw (158 cv) a 3500 rpm 93 mm 103 mm 18,5:1
331 Nm a 1800« 3000 rpm
Injeção Direta por sistema Common-rail com bomba de pressão Bosch CP 3.3

Diâmetro do cilindro

Curso
Relação de compressão

Torque máximo
Gerenciamento do motor

Sistema de admissão Combustível Norma de emissões

Turbo com geometria variável
Diesel com pelo menos 49 CZ ou RME (Rapsol metil éster = bio-diesel)

EURO 3

Treinamento

2004

Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

UNIDADE DE CONTROLE E OS SENSORES: CONTROLE DO PROCESSO DE INJEÇÃO Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

CAIXA E TERMOSTATO Treinamento 2004 .

ESPECIFICAÇÃO DO BRUNIMENTO BRUNIMENTO DA CAMISA Treinamento 2004 .

PROCESSO DE BRUNIMENTO DAS CAMISAS DO MOTOR Treinamento 2004 .

EJETORES Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

Distribuição ENGRENAGEM DO COMANDO INTERMEDIARIA DO COMANDO INTERMEDIARIAS BOMBA DE PRESSÃO BOMBA DE ÁGUA BOMBA HIDRÁULICA EIXO DE MANIVELAS INTERMEDIARIA PARA TOMADA DE FORÇA Treinamento 2004 .

SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO Treinamento 2004 .

RODA DE PULSO NO EIXO DE MANIVELAS SENSOR DE PULSO FIXADO NA CARCAÇA DE DISTRIBUIÇÃO Treinamento 2004 .

Ele está posicionado no bloco do motor. A roda de pulso é montada na árvore de manivelas entre o volante e a engrenagem. Treinamento 2004 . Uma defasagem na roda de pulso serve como marca referência para o sensor.O sensor de posição da árvore de manivelas é um sensor indutivo.

PISTÃO REFORÇADO NA REGIÃO EXTERNA DO PINO PISTÃO DO MOTOR COM CABEÇA FOSFATIZADO REFORÇO NA PARTE INTERNA DO PISTÃO. REGIÃO INTERNA DO PINO Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

ANEL CONVENCIONAL O SEGUNDO ANEL (RASPADOR) POSSUE REBAIXO INTERNO ANEL DO ELETRÔNICO COM REBAIXO Treinamento 2004 .

BRONZINA DE BIELA (ELETRONICO) INDICADA COM COR AMARELA NA LATERAL ( MATERIAL MAIS RESITENTE ) BOMBA DE ÓLEO LUBRIFICANTE Treinamento 2004 .

BOMBA DE ÓLEO LUBRIFICANTE VEDAÇÃO POR SILICONE CARCAÇA DA DISTRINUIÇÃO COM JUNTA LIQUIDA (NORMAL COMO NOS DEMAIS ) Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

RETORNO

TUBO DE ALTA PRESSÃO

Treinamento

2004

Acumulador de pressão (Rail )
O acumulador de pressão é um tubo fabricado de aço forjado. Ele tem a função de armazenar combustível exigido para a injeção para todos os cilindros sobre alta pressão. Além disso, ele equaliza as variações de pressão geradas pela bomba de alta pressão e pelo processo de injeção.

Treinamento

2004

Sensor de pressão do Rail

O sensor de pressão do Rail está localizado no acumulador de pressão e monitora a pressão momentânea do combustível.

Treinamento

2004

Bomba de alta pressão

Ela tem a função de gerar pressão necessária para a pulverização do combustível. A alta pressão é gerada por três elementos dispostos em um ângulo de 120º entre si. A bomba de alta pressão possui um flange e é acionada por engrenagem. À bomba de alta pressão, também estão conectadas a bomba de engrenagem e a válvula reguladora de pressão de combustível.

Treinamento

2004

BOMBA DE PRESSÃO DO RAIL Treinamento 2004 .

BOMBA DE PRESSÃO DO RAIL Treinamento 2004 .

Funcionamento O eixo motor da bomba de alta pressão possui um excêntrico. Ele é movido pelo eixo rotor movendo os três elementos acima e abaixo. Treinamento 2004 .

A pressão de combustível se dá dentro da câmara de compressão.Sucção O movimento descendente do elemento gera um aumento de volume da câmara de compressão. Treinamento 2004 . Então. o combustível flui vindo da bomba de engrenagem pela válvula de admissão para a câmara de compressão.

Assim que a pressão do combustível na câmara de compressão excede a pressão na câmara de pressão. a pressão aumenta na câmara de compressão. O disco é comprimido para cima e a válvula de entrada é fechada.Bombeamento Com o movimento ascendente do pistão-bomba. Continuando o movimento ascendente do pistãobomba é gerada ainda mais pressão. a válvula se abre e o combustível é liberado para o circuito de alta pressão. Treinamento 2004 .

Tanque de Combustível Treinamento 2004 .Bomba de combustível do tanque Tanque de Armazenamento Ela trabalha como uma bomba de sucção e alimenta a bomba de engrenagem integrada à bomba de alta pressão.

O dispositivo AKR tem a função de manter a pressão do combustível mesmo antes da bomba de engrenagem. Treinamento 2004 .Bomba de combustível do tanque O combustível fornecido pela bomba de combustível passa pelo dispositivo AKR. Em seguida alcança a bomba de engrenagem.

Com isto. Ele aquece o combustível através do controle do módulo eletrônico. Este aquecedor é acionado pelo relé localizado em cima do filtro de combustível. se evita a formação de cristais parafínicos em baixas temperaturas ambientes. Treinamento 2004 .Filtro de combustível com aquecedor elétrico Aquecedor O cabeçote do filtro de combustível é equipado com um aquecedor elétrico.

A bomba de engrenagem está diretamente conectada à bomba de alta pressão. Treinamento 2004 . A bomba de combustível mantém a bomba de alta pressão sempre alimentada em qualquer condição.Bomba alimentadora A bomba de engrenagem é uma bomba com um funcionamento puramente mecânico. Ambas as bombas são acionadas pelo eixo.

succionado entre os lóbulos e ao longo das câmaras Uma das engrenagens é acionada pelo eixo motor. Treinamento 2004 . penetra na carcaça da bomba de alta pressão. A construção dos lóbulos das engrenagens evita o retorno de combustível.Bomba alimentadora Construção Funcionamento A bomba alimentadora é formada por duas Girando as engrenagens. o combustível é engrenagens dentro de uma carcaça. é levado para o lado de geração de pressão. Então.

Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

Válvula reguladora de pressão Construção A válvula reguladora de pressão é um componente que tem funcionamento puramente mecânico. Internamente uma válvula controla a passagem de combustível. Treinamento 2004 . Ela é montada ao acumulador de pressão por uma rosca.

a válvula do acumulador de pressão se abre. Treinamento 2004 . Assim o combustível retorna do tubo acumulador de pressão e a pressão cai.Funcionamento Quando a pressão de combustível excede 1450 bar.

PORTA INJETOR ELETRONICO E BICO INJETOR ARRUELAS DE COBRE DE 2 mm Treinamento 2004 .

LIGAÇÃO DOS ATUADORES (INJETORES) Treinamento 2004 .

Injeção Pressão padrão com pré-injeção Curso do injetor com pré-injeção Pressão padrão sem pré-injeção Pré-injeção PMS Injeção Principal Pausa de injeção Treinamento 2004 .

O atuador da válvula solenóide é pressionado pela força da mola da válvula solenóide em seu assento.Injetor Posição de repouso Os bicos injetores são controlados pelo módulo de injeção eletrônica de combustível. Nesta posição a válvula solenóide do bico não é acionada. Nota: Uma interrupção na conexão elétrica do bico injetor provoca o imediato desligamento do motor. Treinamento 2004 . A agulha do bico permanece fechada pela ação da alta pressão do combustível na haste do bico que possui uma área maior em relação a área inferior do bico injetor. A posição de repouso do bico é fechada.

Início de Injeção A injeção é realizada diretamente pelo bico injetor na câmara de combustão do pistão. Treinamento 2004 .

A injeção se encerra quando o solenóide é desativado. Treinamento 2004 . O solenóide permanece sem energia.

Sistema de gerenciamento J17 G28 G40 G70 G62 F47 F36 G79 F60 G247 G71 G72 N276 K29 N239 N75 G6 J52 1-4 Q6 N30-N31 N32-N33 Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

COM COLORAÇÃO CINZA Treinamento 2004 .REGULADORES DE VALVULAS MECÂNICO FOSFATIZADO.

REGULADORES POLÍDOS CABEÇOTE CONVENCIONAL (OUTRAS VERSÕES ) REGULADORES FOSFATIZADOS CABEÇOTE DO COMMON RAIL Treinamento 2004 .

MOLAS DO CABEÇOTE DA VALVULA DE ESCÁPE MAIS LONGA. Treinamento 2004 .

BALANCINS ELETRONICO COM PONTA RETA COMPARATIVOS COM O CONVENCIONAL CONVENCIONAL COM ENTRADA OU REBAIXO ELETRONICO CONVENCIONAL Treinamento 2004 .

NOVOS E CONVENCIONAIS EJETORES DE LUBRIFICAÇÃO DAS VALVULAS ELETRONICO Treinamento 2004 .

SUPORTE DO COMANDO LADO DA ENGRENAGEM COM USINAGEM PARA GUIA DA TAMPA DE VALVULAS ENGRENAGEM INTERMEDIÁRIA DO CABEÇOTE. SIMPLES E COM DENTES DE 3º ENCLINAÇÃO Treinamento 2004 .

E COM ENCLINAÇÃO DOS DENTES DE 3º Treinamento 2004 .ENGRENAGEM DO COMANDO SIMPLES.

Treinamento 2004 .

MONTAGEM DO RAIL Treinamento 2004 .

RAIL FIXADO AO CABEÇOTE Treinamento 2004 .

ESPAÇADOR ENTRE COLETOR E CABEÇOTE JUNTA Treinamento 2004 .

COM OS SENSORES QUE VÃO SER LIGADOS AO GERENCIADOR ESPAÇADOR ENTRE O TUBO DE ADMISSÃO E CABEÇOTE. É UTILIZADO JUNTA LIQUIDA NA MONTAGEM.TUBO DE SAÍDA DÁGUA NO CABEÇOTE. NO LADO DO CABEÇOTE Treinamento 2004 .

MONTAGEM DO ESPAÇADOR E JUNTA Treinamento 2004 .

LADO DO CABEÇOTE LADO DO TUBO DE ADMISSÃO COM REBAIXO Treinamento 2004 .

ENTRADA DE AR E SENSOR Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

Aplicação do sinal O sinal do sensor é exigido pelo comando eletrônico para a regulagem do débito de injeção. Treinamento 2004 . Sensor de pressão de admissão G71 O sensor de pressão de admissão coleta informações do coletor de admissão.Sensor pressão do ar Sensor pressão do ar de admissão G71 e sensor de temperatura do ar de admissão G72 Os dois sensores estão em uma única peça.

TAMPA DE VÁLVULAS COM SENSOR E GUIA DE MONTAGEM Treinamento 2004 .

SENSOR DO COMANDO POSIÇÃO DO SERSOR GUIA DE MONTAGEM DA TAMPA DE VALVULAS Treinamento 2004 .

O sensor de posição do comando de válvulas é localizado no cabeçote. O sensor reconhece a posição do eixo de comando. Um dente no eixo de comando serve como referência. Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 . O fluxo de ar no duto de admissão origina sinais no sensor.Sensor de massa de ar O sensor de massa de ar está localizado na admissão e determina a massa de ar admitida. O comando eletrônico reconhece estes sinais e calcula a quantidade de combustível a ser injetada. Aplicação do sinal Os sinais são usados pelo comando eletrônico para o controle de injeção.

Aplicação do sinal A temperatura de arrefecimento é usada pelo comando eletrônico para o cálculo de correção do valor de injeção de combustível.Sensor de temperatura O sensor de temperatura de arrefecimento está localizado na lateral do bloco. O sensor informa o comando eletrônico sobre a temperatura de arrefecimento corrente. Treinamento 2004 .

Se há algum defeito nestes interruptores o comando eletrônico de injeção assume a informação de freio acionado para segurança.O interruptor da luz de freio e o interruptor do pedal do freio estão montados em uma única peça. Aplicação do sinal Ambos os interruptores fornecem o sinal do acionamento do pedal do freio ao comando eletrônico de injeção. Treinamento 2004 . Os interruptores informam o comando eletrônico de injeção quando o pedal de freio está sendo acionado.

Quando a embreagem é acionada. o comando reconhece se o pedal da embreagem está acionado ou não. Aplicação do sinal Pelo sinal. o comando eletrônico de injeção reduz o débito imediatamente.O interruptor do pedal da embreagem está localizado no pedal de acionamento e informa o comando eletrônico de injeção quando o pedal da embreagem é acionado. Treinamento 2004 . Este processo de interrupção diminui solavancos no motor.

O sensor de posição do acelerador está localizado no motor e está conectado com o acelerador por um cabo. O interruptor indica ao comando eletrônico se o acelerador está acionado. Treinamento 2004 . o comando eletrônico reconhece a posição do acelerador. Aplicação do sinal A posição do acelerador é usada para o cálculo do volume de injeção. Pelo sinal do sensor.

Sensor de pressão do Rail O sensor de pressão do Rail está localizado no acumulador de pressão e monitora a pressão momentânea do combustível. Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 . Com as mudanças de pressão a resistência do resistor altera com a deflexão do diafragma.Este sensor é formado por um diafragma de aço com resistores depósito de vapor. Aplicação do sinal O sinal de tensão é usado no comando eletrônico para regular a pressão de combustível no circuito de alta pressão. Ele amplifica o sinal do resistor e converte para um sinal de tensão para o módulo de comando.

Treinamento 2004 . A pressão de carga é controlada pelo módulo de injeção.Atuadores Válvula eletromagnética de controle de pressão de carga N75 A válvula eletromagnética de controle de pressão de carga é montada em conjunto com uma válvula eletro-pneumática e com a válvula da borboleta do tubo de admissão N239 do motor. Esta válvula é controlada pelo módulo de injeção e altera a pressão piloto de atuação da haste de controle de pressão do turbo de geometria variável.

A borboleta evita que o motor continue girando mesmo após ser desligado. Com isso o motor pára de funcionar suavemente Treinamento 2004 . Ela interrompe a admissão de ar quando o motor é desligado.Válvula de acionamento da borboleta do tubo de admissão N239 A válvula de acionamento da borboleta do tubo de admissão regula o vácuo no atuador da borboleta.

Esta válvula é gerenciada pelo módulo de comando de injeção.Regulador de pressão de combustível N276 A válvula reguladora de pressão de combustível está localizada junto à bomba de alta pressão. A vantagem é que a bomba de alta pressão deve criar somente a pressão que é requerida no momento. Com isso se diminui a potência consumida pela bomba de alta pressão e o aquecimento do combustível. A pressão do combustível é controlada no lado de baixa pressão. Sua função é ajustar a pressão do combustível dentro da faixa especificada. Treinamento 2004 .

comando de injeção J248 através das seguintes informações: - Rotação do motor G28 Temperatura de arrefecimento G62 Medidor de massa de ar G70 Pressão do ar de admissão G71 Temperatura do ar de admissão G72 Posição do pedal do acelerador G79 Pressão do combustível G247 Treinamento 2004 .Ação do comando A pressão necessária de combustível para a injeção é processada Para o ajuste da pressão de combustível a válvula reguladora N276 é pelo módulo eletrônico de comandada pelo módulo de injeção.

Treinamento 2004 .

TURBO DE GEOMETRIA VARIÁVEL ( VNT OU TGV) Treinamento 2004 .

TURBO DE GEOMETRIA VARIÁVEL ( VNT OU TGV) Treinamento 2004 .

BOMBA DÁGUA CARCAÇA Treinamento 2004 .

Treinamento 2004 .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful