Prof.

Alencah

São alimentos reguladores. Trabalham junto com enzimas. Não são gastas nas reações. São necessárias em quantidades muito pequenas. Não são fabricadas pelo corpo. Devemos obtê-las na alimentação variada.

A (retinol)

D

Participa na formação da rodopsina, presente na retina.  Sua falta produz cegueira noturna e xeroftalmia (córnea ressecada).  Vegetais carotenados (cenoura, manga, melão) Facilita a absorção no intestino e o depósito de cálcio e fósforo nos ossos.  Sua falta produz: Encontrada em alimentos gordurosos  É produzida pela pele, com a ação do sol.

 Crianças: raquitismo  Adultos: osteomalácia

E (tocoferóis)
Tem efeito antioxidante  Carência desta vitamina é rara.  Muitos alimentos

K (quinonas)
Participa da coagulação do sangue.  Falta pode provocar hemorragias.  Folhas verdes, batata, gema de ovo, fígado, leite...

Complexo B (b1, B2, B6, B12, niacina, ácido fólico, etc...)
Agem na respiração celular  Falta de B1 causa inflamação dos nervos (beribéri)  Falta de niacina causa pelagra (desordens mentais, fraqueza, lesões de pele)  Vitamina B12 e ácido fólico são importantes na renovação das células. Sua carência causa anemia perniciosa.

Vitamina C (ácido ascórbico)
Importante na manutenção do tecido conjuntivo.  Sua carência causa o escorbuto.