NUTRIÇÃO E DIETÉTICA

Prof. Ebson Santos Moreira da Silva Nutricionista em.nutricao@hotmail.com

observou também que os indivíduos obesos morriam precocemente. mudando do estado adoentado para o normal. apostando num caminho científico. Para Hipócrates. afirmando que “ QUE A COMIDA SEJA TEU ALIMENTO E QUE O ALIMENTO SEJA O TEU REMÉDIO”.  .HISTÓRIA DA NUTRIÇÃO  Veio acabar com a medicina baseada em magias e superstições. reconhecia a importância do consumo de alimentos para a saúde. pois preservavamna e suplementavam a medicina que alterava o corpo. a atividade física e a alimentação eram fatores preponderantes para a saúde. Hipócrates há vinte e cinco séculos atrás.

sempre relacionadas com a utilização da energia proveniente dos alimentos. surgindo vários tabus. abrangeu o estudo da respiração.   Entre 1750 e 1900 d. cujo trabalho. a 1750 d.C. . chamada era naturalística (400 a. poderes mágicos ou valor medicinal para os mesmos. no século XVIII. da oxidação e da calorimetria. considerado o "Pai da Nutrição".C.   Por volta de 1900 até os dias atuais.A história da nutrição pode ser dividida em três fases:  a primeira.). inicia-se a era biológica.C. iniciada pelo francês Antoine Lavoisier. seus exatos papéis biológicos. que visa determinar as relações entre os nutrientes. as pessoas tinham idéias muito vagas sobre os alimentos. a nutrição passou pela era químico- analítica. e as necessidades dietéticas humanas.

revelada a nível internacional. Principalmente as DCNT. Estes mesmos direitos. sabemos que uma  alimentação saudável e equilibrada está relacionada diretamente com a prevenção e tratamento de diversos tipos de doenças. revelados na Carta Política de um país. cultural. significa aqueles direitos inerentes à todos os seres humanos. religião.  Atualmente. educacional e/ou profissional.TEMPOS ATUAIS A alimentação vem sendo tratada sob o foco da prevenção dos problemas de saúde e incorporado como um direito humano básico. condição socioeconômica. . cor. independentemente de sexo. etnia. A compreensão básica da expressão “direitos humanos”. tornam-se “direitos fundamentais”.

  Considerando que a alimentação é um dos fatores determinantes das condições de saúde dos indivíduos. mais com diversas possibilidades de aplicações práticas no cuidado a saúde. .APRESENTAÇÃO DA DISCIPLINA  A disciplina nutrição e dietética é uma disciplina instrumental na formação do profissional de enfermagem. a disciplina nutrição e dietética possibilita a integração de diversos conteúdos das disciplinas instrumentais. assim como a sua aplicação prática nas disciplinas profissionalizantes.

ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO    NUTRIÇÃO  É um processo pelo qual o organismo recebe e transforma os alimentos. . retirando e utilizando a substâncias necessárias á manutenção da vida.

Religião.ALIMENTAÇÃO É o ato de combinar e levar o alimento à boca. Condição cultural no meio em que se vive (Rural ou Urbano). Propaganda. crenças e tabus alimentares. Disponibilidade local dos alimentos. Preços dos alimentos. Informações dadas por profissionais da saúde. . Condições de plantar os alimentos. Fatores Associados   Condições sócio-econômica.

   Vegeta l In natura Tipo: Animal Podendo ser consumidos na sua forma: Outro podem ser industrializados e passam por diversos processos. levada ao trato digestivo. mantendo. desta forma. a vida. é utilizada para manter e forma os tecidos corpo.ALIMENTOS  É toda matéria sólida ou líquida que. Cocção . regula processo corporais e fornece energia. acrescentando várias substâncias que podem ser prejudicial a saúde: Sal. Açúcar em excesso e Conservantes.

Ex: Coca-cola diet. Sódio). Gordura. é retirado o açúcar e substituí-se o adoçante. portanto. .? DIET E LIGHT ?  Alimentos Diet: Algum nutriente é retirado e substituído por outro (Carboidrato. por tanto a uma redução de até 25% na caloria de um determinado alimento light em relação ao alimento convencional.   Alimentos Light: A quantidade de um nutriente é diminuída. Proteina.   “É importante que fique claro que nem todo alimento diet apresenta uma diminuição significativa na quantidade de calorias e. deve ser evitados pelas pessoas que querem perde peso”.

laranja. algas marinhas. girassol . Função hipotensora.ALIMENTOS FUNCIONAIS Nutrientes Fontes Funções Intervenção na coagulação sanguínea. brócoles.C E Frutas (Caqui. Possui grande quantidade de substâncias benéficas ao funcionamento do organismo. Controle de processos inflamatórios Redução do colesterol. pão. limão) . Inibe a formação de ateroma Proteção contra tumores no pulmão. As verduras previnem contra o câncer de colo e de reto e reduz o colesterol. mamão. óleos (soja . Leguminosas (feijão. acerola. Redução do colesterol Fibras alimentar (amido) Fontes de alimentos funcionais Flavonóides Cereais (aveia. lentilha e vargem) As fibras dos cereais previnem doenças cardiovasculares. Bifidobactérias (Iogurte) Impedimento da localização por bactérias patogênicas. couve-de-bruxelas). oliva ) Alicina Aliina Bactérias benéficas (probióticos ) Alho Bebidas lácteas com lactobacilos Aumenta da resistência a (leites fermentados ) infecções. Antioxidantes Licopeno Tomate Vitaminas A. próstata e estomago. Vinho tinto Uva Antioxidantes. Verduras ( repolho. Ácido graxos ômega 3 e 6 Peixes.

os quais são criados em laboratórios com a utilização de genes de espécies diferentes de animais.  Podem produzir alimentos mais nutritivos. Aumenta a produtividade. vegetais ou microoganismo.ALIMENTOS TRANGENICOS  São alimentos geneticamente modificados. sobre a saúde do ser humano. em curto. o poder de armazenamento. baixando o preço . médio e longo prazo. Auxilia a eliminação da utilização de agrotóxicos na lavoura. Não há consenso do que se refere aos efeitos.   Vantagens Riscos Podem causar alergias ou danificar o sistema imunológico. maiores e seu cultivo  pode ser mais eficaz que o  convencional.