You are on page 1of 53

OS REFLEXOS NEUROLÓGICOS

Marco Aurélio Vieira Couto 8°p medicina Monitor neurologia

DEFINIÇÃO
“É uma resposta motora ou secretória do nosso organismo, involuntária, inconsciente, qualitativamente invariável, homeostática, provocada por um determinado estímulo sensorial...”

INTRODUÇÃO

Pesquisa dos reflexos é elemento básico da semiologia neurológica Alterações podem ser as primeiras a ocorrer em diversas patologias neurológicas

É um teste extremamente objetivo no exame neurológico

O ARCO REFLEXO
1.Receptor 2.Via aferente 3.Centro reflexógeno 4.Via Eferente 5. Orgão efetuador

ASPECTOS FISIOLÓGICOS

Período de latência
Período refratário Inervação recíproca Lei da localização

CLASSIFICAÇÃO .

CLASSIFICAÇÃO .

PESQUISA DOS REFLEXOS Utiliza-se preferencialmente o martelo de reflexos.+/4+ normais ou vivas.++/4+ exacerbadas.  As respostas devem ser graduadas de zero a 4+ da seguinte maneira:  abolidas.++++/4+ .zero hipoativas.+++/4+ marcadamente exacerbadas.

PESQUISA DOS REFLEXOS .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  BASES FUNCIONAIS .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  FUSO NEUROMUSCULAR .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  BASES FUNCIONAIS .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  BASES FUNCIONAIS .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  BASES FUNCIONAIS .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  Reflexo axial da face -Mandíbular Pesquisa.hipo-arreflexia. hipoarreflexia por lesão da via aferente do reflexo .percutir o mento com a interposição do dedo do examinador. hiperreflexia ***Paciente portador neuropatia diabética. estando o paciente com a boca entreaberta Resposta.contração dos masseteres. centro na ponte Alterações.aferente e eferente pelo n. trigêmio. com elevação da mandíbula Via.

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) .

localizar o tendão bicipital e percurtir sobre o polegar do examinador Resposta.hipo-arreflexia.antebraço em semiflexão.aferente e eferente através do n.flexão e supinação do antebraço Via. nível C5-C6 Alterações.REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  Apêndicular dos membros superiores -Bícipital Pesquisa.musculocutâneo. com o examinador apoiando o antebraço a fim de eliminar o efeito da gravidade. hiperreflexia .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  Pesquisa do reflexo bíciptal .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  Pesquisa do reflexo bíciptal .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) -Trícipital Pesquisa.Extensão do antebraço Via. percurtir o tendão do tríceps Resposta.braço em abdução sendo apoiado pela mão do examinador. hipo-arreflexia.(lesão) C7. nível de C6 e C8 Alteração. fazendo com que o antebraço fique pendendo num angulo de 90º. hiperreflexia ***Paciente vítima de AVE com lesão de via piramidal apresentará hiperreflexia (lesão supra nuclear) .aferente e eferente pelo nervo radial.reflexo invertido ou paradoxal. C8.

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) -Estilorradial (braquiorradial) Pesquisa. hiperreflexia ***Paciente portador de miopatia apresentará hipoarreflexia por lesão do orgão efetuador. Resposta.hipo-arreflexia.flexão e ligeira pronação do antebraço Via. .aferente e eferente nervo braquirradial nível de C5 e C6 Alteração.antebraço em semiflexão apoiado pela apoiado distalmente pela mão do examinador em semipronação. percurtir a apófise estilóide do rádio.

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) .

mão apoiada o mais relaxada possível percurtir a superficie palmar das falanges interpostas pelos 2º e 3º dedos do examinador (técnica de Wartenberg) Resposta. C8 e T1 Alteração.REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) -Flexor dos dedos Pesquisa. .flexão da falange distal do polegar e dos demais dedos Via.aferente e eferente pelo nervo mediano nível C7.geralmente ocorre onde há hiperexcitabilidade.

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) .

SINAL DE HOFFMANN .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  Axiais do tronco -Profundo abdominal Pesquisa.aferente e eferente via nervos intercostais de V a XII. hipogástricos e inguinais.contração dos músculos abdominais com desvio da cícatriz umbilical para o lado estímulado. centro de T6 a T12 Alterações. n.presentes na hiperexitabilidade .Percurtir o rebordo costal com oposição do indicador Resposta. Via.

presentes nas ocasiões de hiperexitabilidade.REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) -Pubíano Pesquisa. ileo-iguinais. hipogástricos.aferente e eferente via n. XII.percutir a sínfise púbica. Resposta. e centro em T12 a L4 Alterções. intercostais XI. abdominais relaxados e coxa abduzidas e em rotação interna. .reto abdominal e adução da coxa Via.contração do m. mantendo m.

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) .

centro em L2 à L4 Alterações.REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO)  Apêndicular dos membros inferiores -Patelar Pesquisa.contração do quadríceps femural estedendo a perna. Via.Hiperreflexia.aferente e eferente via nervo fermoral. .percutir o tendão patelar Resposta. hipo-arreflexia.

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) .

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) -Aquíleu Pesquisa.aferente e eferente via n.percutir o tendão de Aquíles Resposta. tibial. com centro em S1 Alterações.comprometimento piramidal. ou em algum componente do arco reflexo .contração da panturrilha com flexão plantar Via.

REFLEXO MIOTÁTICO FÁSICO (PROFUNDO) .

Pesquisa. eferente III.REFLEXOS LABIRÍNTICOS  Reflexo oculocefálico (“olhos de boneca”): -Só deve ser testado se não houver evidências de fraturas da coluna cervical. cima Via.aferente n.movimentação dos olhos para esquerda.movimentação da cabeça lateralmente para direita para esquerda. IV e VI par Alterações. vestibulococlear . baixo.abolido em lesões do tronco encefálico . direita. cima e baixo Resposta.

Nistagmo para lado oposto ao estimulado (gelada). para mesmo lado estimulado (morna) Via.posicionar a cabeça a 30graus e injetar lentamente 50ml de água gelada/morna Resposta. eferente VI. centro no tronco encefálico Alterações.REFLEXOS LABIRÍNTICOS  Reflexo oculovestibular (prova calórica): Pesquisa.aferente n.vestibular.lesões de tronco encefálico .

nervos abdominais aferentes e eferentes.REFLEXOS EXTEROCEPTIVOS OU SUPERFICIAIS  Cutâneos -Cutâneo-abdominal Pesquisa.contração dos músculos abdominais ipsilaterais. Via. lesão piramidal gera ausência de reflexos .estimulo cutâneo látero medial a nível do epigástrio.cicatrizes. obesidade. nível T6 a T12 Alterações. umbilical ou hipogástrio Resposta. ascite.

lesão piramidal .vias aferentes e eferentes do nervo tibial Alterções.REFLEXOS EXTEROCEPTIVOS OU SUPERFICIAIS -Cutâneo-plantar Pesquisa.crianças. na porção lateral póstero-anterior até antes da base do hálux Resposta.estimulação plantar.Flexão dos dedos Via.

de Gordon= compressão da panturrilha M. de Oppenheimer= atritar a crista da tíbia M.REFLEXOS EXTEROCEPTIVOS OU SUPERFICIAIS  Sinal de Babinski -extensão e leve abdução dos dedos na pesquisa do reflexo cutâneo-plantar -outras manobrasM. de Schaefer= compressão do tendão de aquiles M. de Austregésilo-Esposel=compressão da face anterior da coxa .

REFLEXOS EXTEROCEPTIVOS OU SUPERFICIAIS .

REFLEXOS EXTEROCEPTIVOS OU SUPERFICIAIS .

nível L1 e L2 Alterações.contração do musculo cremáster ipsilateral. varico/hidrocele.REFLEXOS EXTEROCEPTIVOS OU SUPERFICIAIS -Cremasteriano Pesquísa. elevação do testículo Via. . Resposta.idosos.via aferente e eferente dos nervos ilio-hipogástrico e ílio-inguinal.estímulo no terço superior interno da coxa.

centro no tronco encefálico Alterações. trigêmio. eferente via n.lesões em qualquer ponto do arco reflexo ou tronco encefálico .fechamento ocular por contração do m.REFLEXOS EXTEROCEPTIVOS OU SUPERFICIAIS  Mucosos -Reflexo Corneo-pápebral Pesquisa. orbicular dos olhos Via.aferente via n.toca-se com algodão na região corneana Resposta. facial.

REFLEXOS EXTEROCEPTIVOS OU SUPERFICIAIS .

REFLEXOS  VICEROCEPTIVOS Reflexo fotomotor direto e consensual -Pesquisa.lesões de retina. oculomotor centro no mesencéfalo Alterações. n. eferente n. óptico.aferente n. optico. oculomotor e tronco encefálico .miose no olho estimulado (direto) e no outro olho (consensual) Via.iluminação da pupíla Resposta.

REFLEXOS VICEROCEPTIVOS .

eferente nervo facial. parkison e sindormes demênciais .REFLEXOS PRIMITIVOS  Axiais da face -Orbícular das pálpebras (Glabelar) Pesquisa.hiperativo nas lesões supranucleares bilaterias como.aferente nervo intermédio de Wrisberg. centro na ponte Alterções.percutir a glabela Resposta.contração bilateral do orbicular do olho com fechamento ocular. Via.

centro do reflexo na ponte Alterações.percutir o lábio sup. na linha média Resposta. facial.aferente o n. eferente pelo n.REFLEXOS PRIMITIVOS -Orbícular dos Lábios Pesquisa. se presente possui mesmo sentido do reflexo glabelar .normalmente está ausente. trigêmio.contração do orbicular dos lábios com protrusão dos mesmos Via.

OUTROS REFLEXOS  Reflexos do recém-nato -Monro -Marcha -Preensão palmar -Sucção .

OUTROS REFLEXOS  Reflexo de retirada .

OUTROS REFLEXOS  Reflexo dos orgãos tendinosos de Golgi .

.

OBRIGADO!!! .

1070390 43 97H24 01070390 504 3 1.# $ !#%' $ 7-J. 507. . #085489. .:.. 54390 907.:80390 80570 80390 5488: 20824 8039/4 /470 104 .4 /447-.42 57497:84 /48208248 '. . 3.03974 /470104 3.20390 089E .4397.7/48E-48 .-0.7 .:.7 /48E-48 !086:8. .:97 4E-4 8:5 3. 2F/.08 3472.

94 4374 . !700384 5.&%# $ # $ #01048 /470.2.4 .F2 3..7 $:.7.

./.&%# $ # $ #0104 /07097.

&%# $ # $ #0104 /484748 903/34848 /04 .

.

#  .