Ilka Bernardes Geração Cyber

Genética 
 Ramo da biologia que estuda a hereditariedade, ou seja, investiga as razões de semelhanças e diferenças que se manifestam nos organismos relacionados entre si por descendência. Suas bases assentam-se nas experiências do botânico Gregor Johann Mendel (1822-1884)".

responsáveis pela determinação e transmissão dos caracteres hereditários.Genes   .Elementos nucleares constituídos por DNA. .

Genes alelos ou alelomorfos   Genes que interagem determinando um caráter hereditário formam par e se situam em locais correspondentes nos cromossomos homólogos .

Cromossomos homólogos   São aqueles que nas células somáticas formam um par. . Possuem o mesmo tamanho. têm a mesma forma e encerram genes para o mesmo caráter.

Fator Locus (plural = loci)   É o mesmo que gene. .  Local certo de cada gene no cromossomo.

 Indivíduo que possui genes alelos diferentes para um mesmo caráter.Homozigoto ou puro Heterozigoto ou híbrido   Indivíduo que possui genes alelos iguais para determinado fenótipo. .  8.

É a constituição genética de um indivíduo. a recessiva . b) Distinguimos a manifestação dominante por uma letra maiúscula. O genótipo é representado por letras. convencionou-se: a) A letra que designa a manifestação dominante deve ser a mesma que designa a manifestação recessiva. Para isso.Genótipo   Conjunto de genes responsáveis por um caráter hereditário. por letra minúscula. .

. levando à manifestação de um fenótipo que não ocorre exatamente ao que se poderia esperar em função do genótipo. . Resulta da interação do genótipo com o meio ambiente. recebe o nome de peristase.  Fenótipo = genótipo + o meio  Essa influência externa.Fenótipo   Caráter que se manifesta por efeito do genótipo.

determina seu caráter mesmo em dose simples.Dominância e recessividade   Gene dominante: É aquele que manifesta seu caráter hereditário mesmo na ausência de seu alelo dominante. só manifesta seu caráter hereditário em dose dupla . ou seja.  Gene recessivo: É aquele que só manifesta seu caráter hereditário. na ausência do seu alelo dominante. ou seja.

Nomenclatura dos pares de genes   AA = dominante homozigoto (puro)  Aa = dominante heterozigoto (híbrido)  aa = recessivo homozigoto (puro) .

Assim. Isso de deve a pequenas alterações no locus. .Mutações gênicas   Os genes alelos não são necessariamente idênticos. o gene A não é idêntico ao gene a.

 .  Mendel vivia em um mosteiro na Cidade de Brunn na Áustria (hoje.Thecoslovaquia). Mendel iniciou seus trabalhos com 34 diferentes variedades de ervilhas. Brno . apresentou seus trabalhos sobre cruzamentos com ervilhas. onde por volta de 1865-66. para definir o ramo das ciências biológicas que estuda e procura explicar os fenômenos relacionados a hereditariedade.06/01/1884). com a descoberta dos trabalhos de um botânico austríaco chamado Gregor Johann Mendel (22/06/1822 . dentre as quais selecionou as que mais convinham a seus experimentos. A genética na realidade só surgiu a partir de 1900.As origens da genética  A palavra genética foi criada pelo biologista inglês Willian Bateson (1861 .1926). considerado o Pai da Genética.

 hermafroditas  As ervilhas são plantas da família das leguminosas.  variedades facilmente identificadas. que permite obter várias gerações em pouco tempo. que apresentam frutos em forma de vagens.Por que ervilhas?   . . chamado legume.facilidade de cultivo. –  ciclo de vida curto.  alto índice de fertilidade.  A flor da ervilha é hermafrodita.

durante a formação dos gametas (gametogênese). como exemplo.Herança Mendeliana   A Traços dominantes e recessivos estudados por Mendel Vamos considerar.  A Primeira lei de Mendel (Lei da segregação dos fatores alelos ou Lei da pureza dos gametas ou monoibridismo)  Existe para cada caráter dito biológico um par de fatores (genes) alelos que.  Mendel selecionou ervilhas que apresentavam sementes amarelas e verdes e procedeu ao cruzamento. se segregam . . como por exemplo a cor. apenas uma das sete características analisadas por Mendel. quando trabalhando com as ervilhas.  Mendel queria verificar o que aconteceria se cruzasse duas ervilhas com características diferentes. recebendo cada gameta apenas um gene de cada par.  Mendel chegou a tal conclusão trabalhando com ervilhas (Pisum sativum) e analisando inicialmente como ocorria a transmissão de cada caráter individualmente.

Isto levou Mendel a cruzar as ervilhas amarelas obtidas na F1 entre si (F1 x F1).  Fazendo a autofecundação.Geração parental (P) semente amarelas x semente amarelas semente amarelas Geração F1 (100% ervilhas c/ sementes amarelas) Conclusão: Todas as ervilhas descendentes do cruzamento apresentam sementes amarelas. os indivíduos da geração F1 originavam sempre uma geração F2 com o seguinte resultado:  F1 x F1      .

. Note ainda que esses portadores de sementes verdes têm descendência direta de ervilhas exclusivamente de sementes amarelas. no entanto.filha). não apareceu em nenhum indivíduo de F1 e. foi reaparecer em 1 da progênie de F2 (2ª geração .semente amarelas x semente amarelas   semente amarelas 75% e semente amarelas 25%  Geração F2 >>> 75% amarelas e 25% verdes  A manifestação verde do caráter "cor das sementes".

Se os indivíduos de F1. possui sementes verdes.Se 1/4 da progênie. tendo o fator para verde. Isso sugere que. todos indivíduos têm sempre 2 fatores para cada caráter. nas suas células. vv(1)  A proporção fenotípica foi de 3:1. Vv(2). é porque certamente têm 2 fatores em cada célula respondendo pela cor das sementes: um para amarelo e outro para verde. é porque herdaram esse fator dos indivíduos de F1. então. em F2.  A proporção genotípica foi de: 1:2:1. 3 amarelas para 1 verde .  .  . é porque nesses indivíduos existe o fator verde. ou seja. são amarelos. VV(1). ou seja.  .Conclusões tiradas por Mendel   A manifestação de um caráter depende de um "fator" específico que existe nas células dos indivíduos e que se transmite aos descendentes por meio dos gametas.Se assim ocorre.

Aplicação das experiências de Mendel  Genótipo VV Vv vv Fenótipo Amarela Homozigota Amarela heterozigota verde .

  V = gene para semente amarela v = gene para semente verde .

Geração P  xx v v V Vv Vv V Vv Vv .

Geração F1  xx V v V Vv Vv v Vv Vv .

Assim. não há nem dominância nem recessividade. .A co-dominância ou semidominância (um outro caso de monoibridismo  )  É um padrão de herança em que não ocorre a expressividade máxima de um gene sobre o seu alelo de manifestação oposta. O indivíduo heterozigoto revela um fenótipo intermediário ou até mesmo bem diferente dos fenótipos observados nos homozigóticos.

Geração P Boninas c/ flores brancas x Boninas c/ flores vermelhas  xx V V B VB VB B VB VB .

  O resultado foi 100% boninas róseas  Em seguida foi feito o cruzamento entre a F1 .

F1 x F1 > > > Boninas róseas x Boninas róseas  xx B V B BB VB V VB VV .

encontramos também três fenótipos diversos.  O resultado obtido foi  1/4 ou 25% com flores brancas  2/4 ou 50% com flores róseas  1/4 ou 25% com flores vermelhas  Para três genótipos diferentes.A proporção genotípica foi de: 1.2:1 A proporção fenotípica foi de: 1:2:1 .

'. '. '. .07. . ' '.4  ' .

/74/007...84/02434-7/824 A:25./02E2.088..J/:4 0907449470./48348 424O9./.31089.4 /4233.:2103O954390720/E744:. 057088.04 /02.3.48 . :2 4:974..9F 20824-02/1070390/48103O95484-807./0:203084-70480:..445489./.30270./0  3/.4770.026:0344.. 882 34E302 /4233.0.4:802/4233.

8.4! 433.07.

14708-7.8433.8..3.

0720.8  ' '  ' '  ' ' .14708 .

/414 -433.7:.8 280:/.1410944. .708:9.87O80.2039403970.

433.8 7O80.87O80.8433.8   '   ' ' ' '' .

708:9./44-9/414 .

3..4214708-7.4:.8 .

42147087O80.4: .8 .

8 !..4397..14/0  574547410349J5.2489.07848  57454740349J5.7.4:.2-F2 97H8103O9548/.97H803O9548/10703908 03.0720.4214708.14/0 .