You are on page 1of 8

 Aníbal Cavaco Silva nasceu a 15 de Julho de 1939, em Boliqueime

,
Loulé.
 Cumpriu o serviço militar como oficial miliciano do Exercito, entre
1962 e 1965, em Lourenço Marques (actual Maputo), Moçambique.
 Licenciou-se em Finanças pelo Instituto Superior de Ciências
Económicas e Financeiras em Lisboa em 1964 posteriormente
doutorou-se em Economia na Universidade de York, Reino Unido
em 1973.
 Foi docente do ISCEF, Professor Catedrático da Faculdade de
Economia da Universidade Nova de Lisboa.
 Foi investigador da Fundação Calouste Gulbenkian e dirigiu o
Gabinete de Estudos do Banco de Portugal
 Exerceu o cargo de ministro das Finanças e do Plano em 1980 – 81,
no governo do Primeiro – Ministro Francisco Sá Carneiro e foi
presidente do Conselho Nacional do Plano entre 1981 e 1984.
 Presidiu ao Partido Social Democrata entre Maio de 1985 e
Fevereiro de 1995
 Casou-se em 20 de Outubro de 1963 com Maria Alves da Silva
Cavaco Silva. O Casal tem dois filhos e quatro netos.
 Aníbal Cavaco Silva único líder partidário a conquistar duas maiorias absolutas
consecutivas, o que o tornou Primeiro – Ministro português que mais tempo
permaneceu em funções de democracia (1985-1995)
 Em 7 de Setembro de 1995, ficou distinguido na Alemanha com o Prémio Carl
Bertelsmann , pela Fundação Bertelsmann, pelas politicas de melhoria do
mercado de trabalho e luta contra o desemprego
 A escolha de Portugal resultou de uma análise comparativa de 17 países
europeus, efectuada pelo Instituto para a Política Económica e Investigação
Conjuntural da Universidade de Witten-Herdecke.
 Recebeu o prémio Joseph Bech em 1991 no Luxemburgo e a medalha Robert
Scuman em 1998, pela sua construção para a construção europeia e ainda o
Freedom Prize em 1995 na suíça concedido pela Fundação Schideiny pela sua
acção como politico e economista
 Os livros mais marcantes da sua vasta obra há que referir os livros O
Mercado Financeiro Português em 1966, Politica Orçamental e
Estabilização Económica, A Política Económica do Governo de Sá Carneiro,
Finanças Públicas e Politica Macroeconómica, As Reformas da Década,
Portugal e a Moeda Única , Unidade Monetária Europeia, Autobiografia
Política volume I e II e Crónicas de Uma Crise Anunciada.
 As intervenções mais importantes produzidas como Primeiro – Ministro
encontram-se reunidas nos livros Cumprir a Esperança (1987), Construir a
Modernidade (1989), Ganhar o Futuro (1991), Afirmar Portugal no Mundo
(1993) e Manter o Rumo ( 1995)
 Pôs em marcha uma reforma fiscal, introduziu alterações
profundas no sector da educação – que passaram pela reforma do
sistema educativo e pela modernização do parque escolar.
 Trouxe mudanças significativas à área da saúde e educação,
promovendo a liberalização da comunidade social, com destaque
para a abertura de televisões privadas
 Aníbal Cavaco Silva enquanto Primeiro Ministro foi um
protagonista activo no processo que conduziu à aceleração da
construção europeia, em resposta á nova realidade geopolítica que
sucedeu à queda do muro de Berlim , assumindo o papel central
em algumas grandes decisões, influenciando as opções inscritas
no Tratado de Maastricht.
 Garantiu a adesão do escudo ao Sistema Monetário Europeu,
criando condições para a integração de Portugal no primeiro grupo
de países da União Europeia.
 Participou em 29 conselhos Europeus, onde defendeu com sucesso
os interesses de Portugal, como foi o caso da aprovação dos
Pacotes Delors I e II, do PEDIP ( Programa Específico para o
Desenvolvimento da Indústria Portuguesa), da criação de
programas específicos de apoio ao desenvolvimento dos Açores e
da Madeira.
 No Plano das relações com o mundo lusófono, Cavaco Silva foi
promotor de mudanças no sentido da estabilização democrática
dos regimes africanos, tendo patrocinando as negociações de paz
para Angola e apoiado processo idêntico em Moçambique
 Aníbal na sua liderança fez com que Portugal estivesse no centro
da criação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)
e que foi decidido a realização anual das cimeiras luso –