P. 1
PALESTRA - EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

PALESTRA - EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

|Views: 58|Likes:
Published by Marco Paiva

More info:

Published by: Marco Paiva on Dec 06, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/04/2013

pdf

text

original

EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO

Normalmente são chamados pela sua sigla. E.P.I.- Equipamento de Proteção Individual. E.P.C.- Equipamento de Proteção Coletiva.

EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO

São dispositivos ou produtos , de uso individual ou coletivo utilizado pelo trabalhador, destinados à proteção de riscos suscetíveis de ameaçar a segurança e a saúde no trabalho.

EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO

.O E.P.I é o tipo com o qual temos mais contato diariamente , por isso é necessário conhecê-lo melhor.

.EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO De que forma eles se apresentam e com que frequência devemos usá-los? Eles existem de muitas formas e com várias frequências de uso.

Rígido -Sempre -Avental de Soldador -Mole .EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO EQUIPAMENTO FORMA FREQUENCIA -Depende da Necessidade -Creme para as mãos -Pastosa -Capacete .Sempre .

P.EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO Em relação aos E.Is quais são os deveres das partes envolvidas? FORNECEDOR COMPANHIA COLABORADOR .

I o número do lote de fabricação.A.I no âmbito do SINMETRO. fazer constar do E.A . providenciar a avaliação da conformidade do E. quando for o caso.P.P. comercializar ou colocar à venda somente o E. portador de C. .EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO FORNECEDOR solicitar a emissão do C.I .P.

I devem vir acompanhadas de um numeral.P. .Certificado de Aprovação Essas letras em todo E.A .EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO C.

EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO O que querem dizer ? Que o E. .P.I foi testado por orgão competente que comprova a qualidade do equipamento(novo) para CONDIÇÕES NORMAIS de uso.

guarda e conservação.EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO COMPANHIA Adquirir o adequado ao risco de cada atividade. Fornecer ao trabalhador somente o aprovado pelo orgão nacional competente em matéria de segurança e saúde no trabalho. . Exigir o seu uso. Orientar e treinar o trabalhador sobre o uso adequado .

Comunicar ao MTE ( Ministério do Trabalho e Emprego ) qualquer irregularidade observada. . quando danificado ou extraviado.EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO COMPANHIA Substituir imediatamente . Responsabilizar-se pela higienização e manutenção periódica.

Comunicar ao empregador qualquer alteração que o torne impróprio para uso. .EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO COLABORADOR Usar . Responsabilizar-se pela guarda e conservação. utilizando-o apenas para a finalidade a que se destina.

.RUÍDOS Encontram-se nos mais diversos ambientes.

RUÍDOS LAZER Boate TRABALHO MOVIEMTNO Máquinas Trânsito .

RUÍDOS Causa desconforto à saúde humana. .

entre outros males fadiga. tensão.RUÍDOS Ocasiona. nervosismo e perda da capacidade auditiva. pressão alta. .

Hertz.RUÍDOS Alguns fatores que influenciam: Frequência .unidade.Decibel-altura do som .número de vezes Intensidade .unidade.

Contínuo .RUÍDOS Tempo de exposição ao ruído. . Intermitente ou Impacto.

Ruído de impacto .Aquele que não é ruído de impacto. em intervalos superiores a um segundo.RUÍDOS TIPOS DE RUÍDOS: Ruído contínuo ou intermitente . .Aquele com duração inferior a um segundo .

Sensibilidade Individual.RUÍDOS Distância da Fonte. . Histórico de lesões no ouvido.

RUÍDOS Efeitos para audição : .

RUÍDOS Trauma Acustico – Perda repentína => Explosão .

RUÍDOS Perda auditiva Temporária => barulho intenso. Explosão – Volta ao normal após algum tempo .

É irreversível. destrói as células auditivas. .RUÍDOS Perda auditiva Permanente => Explosão por longos períodos à barulhos de alta intensidade.

RUÍDOS Tipos de E.P. Exemplo : Modelo Concha Protetor auditivo de inserção .I para proteção auditiva: Protetor auditivo circum-auricular . Exemplo : Modelo Plug .

RUÍDOS Cuide dos seus ouvidos .

PÉS Parte do corpo onde ocorrem muitas lesões. .

PÉS Devido a superfície e falta de calçados de segurança .

PÉS Escorregadia Com obstáculos Superfície Alta temperatura Irregular .

PÉS O calçado deve ser utilizado e projetado de acordo com a função. .

PÉS Tipos de calçados de segurança: a) calçados de segurança para proteção contra impactos de quedas de objetos sobre os artelhos.Usuário:Taifeiro .Usuário:Eletricista c) calçados de segurança para proteção dos pés contra agentes térmicos.Usuário:Homem de área b) calçados de segurança para proteção dos pés contra choques elétricos.

Usuário:Homem de área f) calçados de segurança para proteção dos pés contra respingos de produtos químicos.PÉS Tipos de calçados de segurança: d) calçados de segurança para proteção dos pés contra agentes cortantes e escoriantes. e) calçados de segurança para proteção dos pés e pernas contra umidade proveniente de operações com uso de água.Usuário:Soldador e Montador de Andaime.Usuário:Pintor .

PÉS Importância da biqueira de aço. .

peça ou ferramenta.PÉS Queda de um corpo pesado sobre o pé. .

.PÉS Movimentação temporária de elevada carga sobre os pés: empilhadeira. caminhão.

.PÉS O calçado deve também ser confortável.

no mínimo. .PÉS Devido a jornada de trabalho de 12 horas .

PÉS Ou pela posição em que se trabalha. . normalmente de pé.

PÉS Verifique sempre o estado do seu calçado. .

PÉS .Superfície furada .Costura aberta .Sola gasta .

.PÉS Cuide dos seus pés.

PROTEÇÃO DAS MÃOS Parte do corpo com a qual realizamos a maioria absoluta de nossas tarefas. .

digitar. escrever. pintar. . nadar. comer. segurar.PROTEÇÃO DAS MÃOS Dirigir. tomar banho.

PROTEÇÃO DAS MÃOS É feita geralmente utilizando-se E.P. .I.

PROTEÇÃO DAS MÃOS Mas também podem ser protegidas através de dispositivos de segurança existentes nos equipamentos ou ferramentas. .

amputação .Corte.PROTEÇÃO DAS MÃOS Natureza das lesões: . fratura. arranhão. esmagamento.

. imprudência. negligência. equipamentos sem mecanismo de proteção..P.PROTEÇÃO DAS MÃOS Causas das lesões: .I.Falta de uso do E.

I está relacionada com o tipo de atividade exercida .P.PROTEÇÃO DAS MÃOS A escolha do E.

PROTEÇÃO DAS MÃOS TIPOS DE LUVAS: a) Luva de segurança para proteção das mãos contra agentes abrasivos e escoriantes b) Luva de segurança para proteção das mãos contra agentes cortantes e perfurantes c) Luva de segurança para proteção das mãos contra choques elétricos d) Luva de segurança para proteção das mãos contra agentes térmicos .

PROTEÇÃO DAS MÃOS TIPOS DE LUVAS: d) Luva de segurança para proteção das mãos contra agentes biológicos e) Luva de segurança para proteção das mãos contra agentes químicos f) Luva de segurança para proteção das mãos contra vibrações g) Luva de segurança para proteção das mãos contra radiações ionizantes .

.PROTEÇÃO DAS MÃOS Um terço do total dos acidentes incapacitantes ocorrem nas mãos.

alianças ou pulseiras para que não agarrem em ferramentas ou equipamentos e provoquem acidentes. .PROTEÇÃO DAS MÃOS Evite usar anéis.

PROTEÇÃO DAS MÃOS CUIDE DAS SUAS MÃOS .

.O CAPACETE Utilizado não somente quando trabalhamos em céu aberto.

O CAPACETE RISCOS ENCONTRADOS PARA CABEÇA NO AMBIENTE DE TRABALHO: Máquinas operando Respingo de produtos químicos Queda de objetos Condutores elétricos expostos Rebaixamento de vãos de escadas . tetos .

O CAPACETE Dados do Ministério do Trabalho informam que ocorrem 100.000 acidentes / ano devido a falta de uso do capacete .

O CAPACETE Existem muitas desculpas para não usá-lo: .

O CAPACETE

Faz calor na cabeça

É muito pesado
Dá caspa Causa dor de cabeça Esquecimento do usuário

O CAPACETE Principais testes realizados em capacetes: Absorção

Penetração
Resistência Química Resistência Térmica

Teste Elétrico

O CAPACETE

Cuidados a serem tomados com a capacete: não o deixe exposto ao sol evitar contato com atmosferas corrosivas e úmidas mantenha-o isento de óleo e graxa use - o sempre com a “ carneira “ ( amortecimento ) devidamente colocada ao redor jamais fure o capacete verifique periodicamente o seu estado (trincas, ressecamento, deformações,etc)

banco . etc ) deixe uma folga entre o cruzamento da carneira ( aumenta o poder de amortecimento ) .O CAPACETE Cuidados a serem tomados com a capacete: prenda-o corretamente a cabeça use a jugular não de outra finalidade ao capacete a não ser a que se destina (travesseiro. balde.

O CAPACETE Tipos de capacete de segurança: A.B ou C .

.O CAPACETE Tipo A .resiste a passagem de corrente elétrica e até um determinado valor de peso para queda de material.

O CAPACETE Tipo B . em relação ao Tipo A .resiste a um maior valor para passagem de corrente elétrica e peso para queda de material .

resiste a um menor valor de peso para queda de material em relação ao tipo A e não resiste a passagem de corrente elétrica .O CAPACETE Tipo C .

resistência intermediária Tipo B resistência maior . resistência menor Tipo A .O CAPACETE Ordem crescente de resistência: Tipo C .

O CAPACETE Principais consequências decorrentes de pancadas na cabeça: Inconsciência Perda de memória Mudança de personalidade Hemiplegia Tetraplegia e .

O CAPACETE MORTE .

O CAPACETE Cuide da sua cabeça – FIM! .

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->